Paraná vai investir R$ 4,5 bilhões na saúde em 2016 | Fábio Campana

Paraná vai investir R$ 4,5 bilhões na saúde em 2016

unnamed

O governo do Paraná vai investir R$ 4,5 bilhões na área da saúde em 2016. A afirmação foi feita pelo governador Beto Richa, ao participar na quinta-feira (29), em Foz do Iguaçu, da abertura do 19º Congresso Brasileiro de Oncologia Clínica. Segundo ele, esse valor representa 12,5% do orçamento do Estado para 2016.

Richa citou indicadores que mostram avanços na saúde, como a redução de 7,5% da mortalidade por doenças cardiovasculares e a ampliação de 200% nos transplantes realizados no Estado. Além disso, falou da redução da mortalidade materna em 40% e da infantil em cerca de 10%. “São números expressivos que mostram que estamos no caminho certo”.

Outro assunto destacado pelo governador no congresso foi a participação da União no custeio da Saúde. Ele disse que há 20 anos o governo federal era responsável por 72% dos gastos públicos na área. Hoje, a participação caiu para 42,5%. “Os cortes nos investimentos da saúde sobrecarregam cada vez mais estados e municípios”, disse Richa.


3 comentários

  1. zangado
    segunda-feira, 2 de novembro de 2015 – 16:10 hs

    Sempre no futuro ..
    Isso não é benesse, nem dádiva dos deuses do poder, é dever constitucional.
    Só.

  2. EDILSON HUGO RANCIARO
    segunda-feira, 2 de novembro de 2015 – 21:27 hs

    interessante. Em Guarapuava não temos o SAS!!!!!! e os professores e famílias tem que recorrer ao SUS quando atendem!!!!

  3. Prontofalei
    segunda-feira, 2 de novembro de 2015 – 23:39 hs

    Tudo agora é “investir”.
    Depois desses anos de lavagem cerebral dos vigaristas petistas, está na hora de um choque de realidade e sinceridade.
    Afora a pequena parte da prevenção, não é “investir”, é “gastar” mesmo.
    Tem vergonha de falar a palavra correta por quê?
    Por acaso vc investe dinheiro quando vai ao supermercado comprar comida?
    Investe quando dedetiza a casa?
    “— Sr. Leocádio, quanto o Sr. investe com seu plano de saúde?”
    É assim que vc fala?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*