Em anotações, Cerveró diz que Dilma 'sabia de tudo' sobre Pasadena | Fábio Campana

Em anotações, Cerveró diz que Dilma ‘sabia de tudo’ sobre Pasadena

Cerveró_Foto_ Laycer Tomaz_ Agência Câmara

Veja

Na conversa gravada pelo filho do ex-diretor internacional da Petrobras Nestor Cerveró, Bernardo, entre ele, o senador Delcídio do Amaral (PT-MS) e o advogado Edson Ribeiro, o trio discute a minuta da delação premiada de Cerveró, obtida pelo banqueiro André Esteves. A certa alta da reunião, Delcídio chama a atenção para uma anotação em especial, feita à mão por Cerveró: a presidente Dilma Rousseff “sabia sobre todos os movimentos” que envolviam a compra da refinaria de Pasadena, no Texas.

Durante o diálogo, Delcídio cita três vezes as menções de Cerveró a Dilma. As pausas na conversa dão a entender que os três estão lendo o documento. “Aí, por exemplo, no tópico da Dilma, ele [Cerveró] complementa… ele coloca que a Dilma sabia sobre todos os movimentos de Pasadena”, diz o senador. “No caso da Dilma, [ele disse:] a Dilma sabia de tudo de Pasadena. ‘Ela me cobrava diretamente, diz, várias reuniões'”, prossegue. “Aí ele fala da Dilma, que a Dilma acompanhou tudo de perto”.

Em sua edição desta semana, Veja revelou que, ao negociar seu acordo de delação, Cerveró apresentou detalhes de transações em que houve “prejuízo intencional” – uma vez que o verdadeiro propósito era obter dinheiro para a campanha política do PT. E afirmou à força-tarefa que Dilma “o incentivou a acelerar as tratativas de Pasadena”. A presidente presidia o Conselho de Administração da Petrobras na época e votou favoravelmente ao negócio. Ela justificou a decisão, dizendo que foi tomada com base em um parecer tecnicamente e juridicamente falho – apresentado justamente por Cerveró.

Preso desde janeiro sob a acusação de embolsar dinheiro sujo do petrolão, Cerveró já foi sentenciado duas vezes pelo juiz Sergio Moro. Numa delas, a cinco anos de reclusão, por comprar um apartamento com recursos desviados da estatal. Na outra, a doze anos e três meses de prisão, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.


7 comentários

  1. quinta-feira, 26 de novembro de 2015 – 14:20 hs

    Eles Dilma e Lua sempre souberam tanto do MENSALÃO quanto do PROPINODUTO. Ambos vão ter que ressarcir aos cofres públicos o que embolsaram direta ou indiretamente. Não vai escapar ninguém IMPUNE. A JSTIÇA TARDA MAS NÃO FALHA.

  2. RR
    quinta-feira, 26 de novembro de 2015 – 14:35 hs

    QUE NOVIDADE,TUDO O QUE TEM DE PODRE NESSE PAÍS,SÃO ” OBRAS ” DESSA QUADRILHA DE PT-RAIAS VAGABUNDOS.

  3. Doutor Prolegômeno
    quinta-feira, 26 de novembro de 2015 – 14:52 hs

    Nesta altura, Dilmarth Vader deve estar sentindo uma grave perturbação no lado escuro da força…

  4. Luciano Ribeiro Ayres
    quinta-feira, 26 de novembro de 2015 – 15:30 hs

    Mais dia, menos dia a Justiça vai “deitar mão” no sapo barbudo e na mentirosa, e no restante da quadrilha que se instalou no Planalto.

  5. FUI !!!
    quinta-feira, 26 de novembro de 2015 – 18:33 hs

    E alguem tem dúvida que a dupla Lula e Dilma sabiam de tudo !?
    São os mentores destas mega roubalheira.

  6. EU ORA
    quinta-feira, 26 de novembro de 2015 – 19:36 hs

    ====A REFINARIA DE PASADENA, JÁ ESTÁ SENDO CHAMADA DE REFINARIA DE ”’PASADILMA”’.====

  7. sábado, 28 de novembro de 2015 – 17:51 hs

    O BRIZOLA..DEVE ESTAR RINDO NO CAIXÃO A ESTA ALTURA DOS ACONTECIMENTOS

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*