Fim da greve | Fábio Campana

Fim da greve

Após 21 dias de greve, as redes de bancos, exceto a Caixa Econômica Federal, retomaram suas atividades ontem. Bancários fecharam acordo de reajuste salarial de 10% para a categoria. Mais participação nos lucros e correção de 14% no vale-refeição e alimentação.


4 comentários

  1. ta demais
    terça-feira, 27 de outubro de 2015 – 17:48 hs

    onde está o papel cível dos funcionários públicos neste momento de crise? até quando ser servidor publico será o mesmo que só ter direitos?

    estão cortando Bolsa Família, Fies, Pronatec, pessoas sendo demitidas e os funcionários públicos esquecem que ao entrar num concurso assumem um compromisso com os pagadores de seus salários, nós os pagadores de impostos.

  2. JOAQUINZÃO DO SUDOESTE
    terça-feira, 27 de outubro de 2015 – 18:10 hs

    Próximo ano,tem de novo.Tranquio, a FEBRABAN até sabe,não causa muitos danos.Guias atrasadas,tem que pagar muta,e é por conta do contribuinte.Os bancários ficaram uns dias de férias,como ocorre todos os anos……Essa é a ta greve esperada todos os anos….

  3. terça-feira, 27 de outubro de 2015 – 19:38 hs

    Que greve ?? A grande maioria usa banco hoje em dia para ir tomar cafezinho e ler jornal

  4. zé povinho
    terça-feira, 27 de outubro de 2015 – 21:18 hs

    O banco da Bolsa Família é o único a continuar neste movimento paredista, prejudicando principalmente os mais frágeis, porque eles insistem em continuar de braços cruzados? Acreditam que assim fazendo vão sensibilizar este Desgoverno?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*