Em Curitiba, PSOL tem 4 candidaturas a prefeito | Fábio Campana

Em Curitiba, PSOL tem 4 candidaturas a prefeito

No último sábado, 24 de outubro, foram apresentadas as quatro pré-candidaturas do PSOL a Prefeitura de Curitiba. A apresentação aconteceu durante um debate que lotou a sede do partido, no centro da capital paranaense e a definição deverá acontecer apenas no ano que vem. Em dezembro, uma reunião do Diretório Municipal irá aprovar a data da definição.

O debate entre as 4 pré-candidaturas reforçou a tradição democrática do PSOL. Paralelamente a isso, o partido vem reunindo militantes, estudiosos e representantes de movimentos sociais para formular seu programa de governo, no ciclo de debates “Se a Cidade Fosse Nossa”.

Os quatro nomes apresentados até agora , por ordem alfabética, são: Bruno Meirinho (advogado ligado a movimentos populares de luta pela reforma urbana, foi candidato a prefeito em 2008 e 2012 pelo PSOL), José Odenir (pedagogo e funcionário da Secretaria Estadual de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, foi candidato a vereador em 2012 e a deputado estadual em 2014 pelo PSOL), Luiz Felipe Bergmann (auditor-fiscal do Ministério do Trabalho e Emprego, foi candidato a governador pelo PSOL em 2006 e 2010 e candidato a deputado federal em 2014) e Xênia Mello (advogada e militante feminista, foi candidata a vereadora em 2012 e a deputada estadual em 2014, sendo a mais votada do partido nas duas ocasiões).
O sociólogo Bernardo Pilotto, ex-candidato ao Governo do Paraná, que apareceu na pesquisa eleitoral divulgada em julho com variação de 0,7 a 1,2% dos votos, não é pré-candidato a prefeitura. Ele deve sair como candidato a vereador pelo PSOL.

Candidaturas à Câmara Municipal

Além da campanha a Prefeitura, o PSOL também está organizando e construindo uma grande chapa para a Câmara Municipal. O objetivo é chegar ao número de 50 candidatos e candidatas, superando a chapa apresentada em 2012, que tinha apenas 12 nomes. Até o momento, cerca de 35 nomes já estão confirmados.


Um comentário

  1. José Inácio Brusco
    terça-feira, 27 de outubro de 2015 – 20:23 hs

    Se juntar todos não da um!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*