'Agitador da APP' e da greve dos professores é preso com contrabando de armas em São Paulo | Fábio Campana

‘Agitador da APP’ e da greve dos professores é preso com contrabando de armas em São Paulo

unnamed2

A alegação da APP-Sindicato de que ninguém em suas hostes, menos ainda no comando de greve, tinha a ver com práticas de violência, uso de armas e criminalidade começa a ruir. Um dos principais agitadores da APP-Sindicato e da greve dos professores estaduais foi preso no último dia 23 de setembro pela Polícia Rodoviária no interior do São Paulo, acusado de tráfico internacional de armas. Roberson Francisco de Oliveira, o Bá, 32 anos, é secretário no Colégio Estadual Juracy Rachel Saldanha em Marialva, no Noroeste do Paraná, participou do comando de greve dos professores e teve participação ativa na invasão a Assembleia Legislativa em março e no episódio de confronto com a Polícia Militar no final de abril.

Roberson está preso, acusado de tráfico de armas. Em seu poder, a polícia rodoviária encontrou 207 lunetas para armas de uso restrito mais 37 rolos de linha de pesca. O agitador da APP foi preso no km 508 da Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425), em Estrela do Norte. Oliveira recebe salários de 4.249,55 por mês e o Núcleo Regional de Educação de Maringá foi comunicado da sua prisão e abriu sindicância para apurar a participação do servidor da escola na prática do crime.

unnamed31

De acordo com o registro da polícia, durante uma fiscalização, os agentes rodoviários abordaram uma caminhonete Toyota Hilux, com placas de Maringá (PR). Ao questionarem o condutor (Roberson Oliveira), ele apresentou nervosismo incomum e respostas contraditórias sobre o motivo de sua viagem, o que levantou suspeita. Uma vistoria minuciosa foi feita na caminhonete e, no compartimento de cargas, estavam duas caixas de papelão lacradas e algumas sacolas plásticas. O suspeito alegou que se tratavam de materiais de pesca, mas os policiais desconfiaram da situação.

Na vistoria, foram encontrados 207 lunetas, sendo destas 14 de uso restrito para armas de fogo de longo alcance, e os rolos de linha.

Ao ser questionado, o motorista confessou que havia comprado os itens em Salto de Guaíra, no Paraguai, onde pagou US$ 3 mil, e que entregaria a mercadoria em um posto de combustíveis de Regente Feijó. Pelo transporte, ele receberia a quantia de R$ 12 mil e mais 20% deste valor por comissão, já que essa seria sua segunda viagem.

unnamed3

Diligências foram realizadas para localizar o receptador, mas ninguém foi encontrado. Diante dos fatos, o homem foi encaminhado à Delegacia da Polícia Federal de Presidente Prudente, onde teve a prisão ratificada em flagrante. Ele foi levado para a Cadeia de Presidente Venceslau. Os itens foram apreendidos.

unnamed4


37 comentários

  1. RR
    sexta-feira, 9 de outubro de 2015 – 19:16 hs

    VAGABUNDO PTRALHA,QUEM TRAFICA ARMAS,TRAFICA DROGAS TAMBÉM.

  2. valdir bassai
    sexta-feira, 9 de outubro de 2015 – 20:24 hs

    Fica preocupado não ja que a senadora barbie e o senador degustador de mamona estarão lhe prestando todo apoio que precisar. Isso ai professor menos bala e mais giz.

  3. Edival Medeiros
    sexta-feira, 9 de outubro de 2015 – 21:33 hs

    posto que é um fervoroso defensor da CUT

  4. Helena
    sexta-feira, 9 de outubro de 2015 – 23:06 hs

    Mais giz e menos bandidos agitadores, agora tá no lugar que merece – CADEIAAAAAAA

  5. JOao sem seto
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 0:36 hs

    Com certeza a APP SINDICATO VAI ALEGAR QUE É PERSEGUIÇÃO DO GOVERNO BETO RICHA, E QUE O CIDADÃO AÍ É TOTALMENTE INOCENTE

  6. Marcos Antonio
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 4:21 hs

    Foi preso em São Paulo, por acaso ele foi na sede da CUT pegar armas para trazer para os companheiros do Paraná.Essa hist[oria esta muito mal contada, se fosse preso na divisa do Paraguai com Mato Grosso, Bolívia seria contrabando. Esse sujeito como outros da CUT devem estar abastecendo seu grupo com armas.

  7. Vigilante do Portão
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 4:28 hs

    Vai dar alguma notinha na Gazeta?
    Um fim de bloco da RPC?

    Fosse um “primo” do Beto Richa, humm.

  8. Ricardo Krueger
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 6:37 hs

    Aos poucos, a cortina de fumaça criada pelos “professores” vai se dissipando…

    Professor bom, comprometido com a educação, ainda assim ansioso por melhorias salariais e condições de exercício profissional, NÃO ENFRENTA POLÍCIA para teatralizar manchete de violência estatal…

    Professor “bom” não é aquele aclamado pela classe social, como líder nato e aglomerador dos pares para invadir órgãos públicos…

    Professor BOM é aquele que detém o respeito da maioria de seus alunos, pais e colegas de profissão, NO AMBIENTE EDUCACIONAL, no estabelecimento de ensino, jamais nas maracutaias sindicais…

    Ainda acredito que muito pode ser feito para melhorar a educação no Brasil nos diversos níveis, desde governamentais até mesmo nas diferentes esferas de graduação…

    A única coisa que não é possível acreditar é que SINDICALISTAS possam realmente ser modelos profissionais para quaisquer atividades laborais…

    LuLLa e companhia que o digam…

    Mas então como fazer para garantir o cumprimento de promessas e melhores condições salariais e ambientais para o exercício da profissão, sem precisar teatralizar combates épicos para ganhar a mídia e sensibilizar dramaticamente a população com objetivos neste momento tão somente político eleitorais?

    Simples, recorram ao Ministério Público do Trabalho, órgão conceituado, livre de irregularidades tais como as mazelas do executivo e do próprio judiciário, para LEGALMENTE agir em nome da classe ou categoria, de forma pacífica, civilizada, inteligente, jamais teatralizada…

  9. Ricardo Krueger
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 6:47 hs

    Fábio, estou tentando para de rir com a ironia tragicômica advinda da foto do contrabandista de armamento com o adesivo “menos bala, mais giz”…

    http://i0.wp.com/www.fabiocampana.com.br/wp-content/uploads/2015/10/unnamed41.jpg

    Uma pérola jornalística diante da notícia do contrabando…

  10. MANOEL BOCUDO
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 11:28 hs

    GENTE SÉRIA NOS QUADROS DOS MILITANTES DA APP
    E FALAM COITADINHOS APANHARAM DA PM. E DAI. VAI
    LEÃO, DONA MARLEI, VENERI, LEMOS ,EXPLICA COMO
    PESSOAS TÃO BOAS FAZEM PARTE DO QUADRO; MEDIR OS OUTROS É FÁCIL, MAS OLHAR OS ASSEMELHADOS NUNCA.

  11. Edson Stelle Teixeira
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 12:08 hs

    Pois então!!!!!!! Sempre digo que tem Sindicato que só se aproveitam de seus associados, para usufruto próprio. São sempre os mesmos dirigentes. Eternizam-se!!!! Dai surgirem os bandidos,, como o deste caso!!!! E agora APP e Petistas????

  12. Eliseu
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 13:03 hs

    Olá, por que será que o G1 não deu nome aos bois?

  13. Francisco Foltrani Freire
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 14:28 hs

    PROFESSORES TOMEM CONSCIÊNCIA DE QUE VOCÊS FIZERAM PARTE DA MASSA DE MANOBRA DO PT e do Sindicato. Olha a corja que vocês estavam entrelaçadas. BADERNEIRO é baderneiro e bandido é bandido, prova disso foi a prisão de ROBERSON OLIVEIRA acima, que os incitava a depredarem e fazerem greves SEM SENTIDO ALGUM, pois todas as reivindicações já tinham sido atendidas pelo Governo do Estado. Portanto o bandido levando mercadoria LUNETAS que seria usadas por criminosos. GENTE FINA ESSE PESSOAL DA APP. Desde que estão questionando o balanço do Sindicato o seu Presidente ficou e está pianinho, pianinho.

  14. CRISTOVÃO
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 15:04 hs

    Vergonha

  15. TARZAN
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 16:55 hs

    Essa pelegarada de sindicato não enganam ninguém, (só de olhar para a cara dele é de assustar ) são todos bandidos . Eles seguem o sindicalista e o maior ladrão da história do Brasil, o jegue lula. Estamos reféns dessa corja.

  16. Do Interior.....
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 21:05 hs

    Menos bala só vale para os outros.

    Não tinha dúvida que a APP Sindicato é igual ao PT: cheio de gente “bem intencionada” com a população e com a “educação”.

    Fora PT
    Fora PMDB
    Fora CUT
    Fora APP

  17. Do Interior.....
    sábado, 10 de outubro de 2015 – 21:06 hs

    Menos bala só vale para os outros.

    Não tinha dúvida que a APP Sindicato é igual ao PT: cheio de gente “bem intencionada” com a população e com a “educação”.

    Fora PT.
    Fora PMDB.
    Fora CUT.
    Fora APP.
    Fora MST.

  18. Frederico Tofanelo
    domingo, 11 de outubro de 2015 – 14:31 hs

    Então, achei a manchete um tanto oportunista, onde estão as armas que ele estava traficando??? Não eram lunetas para armas? Acho q uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa!

  19. antonio carlos
    domingo, 11 de outubro de 2015 – 17:59 hs

    Nada como um dia depois do outro, para quem posava de “lutador pela causa da Educação” o cara foi muito mal educado. Agora vai para o lugar de gente igual a ele, bandido, porque isto é que o “lutador” é, não passa de um bandido, porque traficante é bandido, sendo agitador ou não da APT/Sindicato. O que me espanta é o silêncio dos amigos do traficantes de armas, ninguém até agora saiu na defesa do mesmo, mas como justificar um traficante de armas? Realmente é pedir demais dos “amigos” do cara.

  20. roberto novaes
    domingo, 11 de outubro de 2015 – 19:42 hs

    Nossa sociedade está infestada de criminosos: na política (Lula,p.e.), na igreja (coronel-padre em SP,p.e.), na imprensa (aquele jornalista diretor da Folha, assassino em SP, p.e.), na UFPR (professores-engenheiros, p.e.), mas vincular a APP ao tema da sua manchete foi de uma infantilidade brutal.

  21. Marcos Adriano de C. Marcello
    domingo, 11 de outubro de 2015 – 20:02 hs

    APP, APEOESP… enfim, esses “sindicatos” estão dominados, há anos, por esquerdopatas, a serviço dos petralhas!
    E teve muita gente que defendeu esses baderneiros!

  22. leandro
    domingo, 11 de outubro de 2015 – 22:07 hs

    É o padrão do pessoal da ASPP?

  23. ContinuoNaLuta
    segunda-feira, 12 de outubro de 2015 – 7:21 hs

    Realmente, inadmissível atitude para um professor e defensor de seus direitos. Porém, com este título de associação para a reportagem, devemos lembrar também do PROFESSOR QUE DEU APOIO DE CAMPANHA POLÍTICA E DURANTE A GREVE DOS PROFESSORES AO GOVERNO, AMEAÇANDO OS PROFESSORES PARA QUE VOLTASSEM AS AULAS, É DE DETIDO POR ROUBO DA MERENDA ESCOLAR. Vamos ser coerentes em nossas ideologias e responsáveis pelo que publicamos. Tanto o professor como o jornalista é formador de opinião, responsável pelo que fala, edita e duplica. A responsabilidade é muito grande em ambos casos
    Não sou PT, votei no PSDB para a presidência e hoje vejo que, se um era o fim o outro se adiantou para o mesmo caminho.

  24. Jorge Vasli
    segunda-feira, 12 de outubro de 2015 – 8:17 hs

    Esse é apenas mais um cafajeste dessa quadrilha lulopetista. É a cara da safadeza. O retrato dessa associação dominada por gente sem escrúpulo e ansiosa por chegar aos palácios do puderrr a qualquer custo. Deus que proteja os verdadeiros professores e os livre dessa quadrilha.

  25. osmar
    segunda-feira, 12 de outubro de 2015 – 10:18 hs

    País que não valoriza educadores, acaba assim.

  26. JOHAN
    segunda-feira, 12 de outubro de 2015 – 10:49 hs

    Caro FÁBIO, mais um professor colaborador dos professores bandidos da APP- SINDICATO, preso por descaminho, no tráfico de armas e acessórios para os “cumpanheros” da ORGANIZAÇÃO. Estão nesse momento atualizando o arsenal para as próximas ações. Senhores professores “DIGAM-ME COM QUEM ANDAS, E DIR-TE-EI QUEM ÉS”. É apenas mais um, logo virão os demais Vamos aguardar os fatos mais recentes a serem divulgados.. Atenciosamente. .

  27. Brasileira
    segunda-feira, 12 de outubro de 2015 – 19:51 hs

    Bem…vejamos…o PT tá no rolo?? Noosssaaa!!! Que novidade???APP=PT=corrupção!!!

  28. Leandro Quintas
    segunda-feira, 12 de outubro de 2015 – 20:58 hs

    Onde vc viu o nome do sujeito? estou procurando essa fonte, mas nem mesmo a reportagem do G1 tem o nome.

  29. Professora
    segunda-feira, 12 de outubro de 2015 – 21:12 hs

    Mais um site puxa saco do governo do piá de prédio, querendo livrar a culpa do piazinho mimado e jogando a culpa nos professores

  30. André
    terça-feira, 13 de outubro de 2015 – 11:32 hs

    Ahhhh isso foi plantado, desde o conflito com os PMS a cúpula da segurança pública do Paraná quer desacreditar os professores, calma que a verdade surgirá.

  31. Washington Oliveira
    terça-feira, 13 de outubro de 2015 – 11:59 hs

    Cara “professora”. O link davreportagem do G-1 está disponível na própria matéria, veja lá, por favor.

  32. ContinuoNaLuta
    terça-feira, 13 de outubro de 2015 – 13:36 hs

    Tanta ignorância e tanta falta de querer ver além! Com todo o apoio que já dei ao PSDB, e esta gentinha pequena achando que todos os professores são do PT ou que não tem capacidade de discernimento para saber por onde lhe roubaram. Sou professora e sou avessa ao PT, assim como uma grande maioria dos professores. Sou professora sindicalizada com capacidade intelectual para diferenciar atos isolados de interesses partidários, saber que fui roubada assim como todo paranaense e saber que Beto Richa é a vergonha nacional do PSDB. Por mais inclinada para o PSDB que eu seja, ainda consigo discernir as pessoas dos seus partidos. Não defendo este professor, de maneira alguma. O que ele fez está errado, é crime e terá que ser punido. Mas o que me dizem sobre o diretor, filiado ao PSDB, defensor de Beto Richa durante a greve dos professores, que chegou a ameaçar professores caso não voltassem às aulas do colégio que ele direcionava, mas que foi pego em flagrante roubando merenda escolar em prol de sua escola particular? Um professor PTista, filiado a APP que foi pego com contrabando de armas, ou seja, lunetas para armas. Já o professor PSDBista foi pego roubando merenda escolar de colégio estadual em prol da sua escola particular. Existe diferença de personalidades? Roubar dos cofres estadual já não é mais considerado crime? Ou estariam deixando de ser coerentes com os julgamentos?

  33. Andressa
    terça-feira, 13 de outubro de 2015 – 17:17 hs

    Aquela história dos professores ficarem de greve e depois aceitarem uma proposta ridícula de aumento de salários, já mostrou que a greve tinha “motivos obscuros”. Mas o que aconteceu no centro cívico, daquela foto de um monte de policias correndo atras de um cadeirante, não tem justificativa, parece uma imagem de ditadores reprimindo a população. Não deveriam ter respondido a provocação, era exatamente o que eles queriam. Foi muita falta de habilidade política. O que é uma pena, pois o Beto Richa tinha chances de ser candidato a presidente, e não tem o mesmo histórico que o Aécio Neves, podia até ganhar. Mas agora a única coisa que apareceu na midia nacional foi uma foto do governador de cabelo branco, e na matéria outra foto dele de antes dessa confusão, com menos cabelos brancos. Pra crescer na política nacional pra presidente, tem que ser o menos conhecido possível, não aparecer em nenhum escândalo, e evitar ficar exposto na mídia antes de ser candidato. Foi o que fizeram com a Dilma Roussef, é mais fácil eleger um candidato pouco conhecido e construir uma imagem, do que desfazer uma imagem negativa.

  34. miguel c. santos
    terça-feira, 13 de outubro de 2015 – 17:23 hs

    O tempo vai mostrando quem é quem!!!

  35. João
    quarta-feira, 14 de outubro de 2015 – 11:48 hs

    Prezado Fábio Campana,

    Achei essa postagem um pouco estranha, pois se trata de uma publicação feita no dia 11/10/2015 que fala sobre um fato ocorrido no dia 23/09/2015. Além disso, fiz uma busca na internet e não encontrei nenhum site que informasse o nome da pessoa que foi presa contrabandeando essas lunetas.

    Você poderia nos provar, com fontes oficias e de confiança, que a pessoa presa pelo contrabando foi realmente o professor Robson?

    Ficaria muito grato se o você pudesse nos provar o que foi noticiado.

    Atenciosamente,
    João

  36. Juraci Santos
    quinta-feira, 5 de novembro de 2015 – 12:12 hs

    A existência de pessoas de mal caráter entre os professores não é prerrogativa nossa, basta dar uma olhada no meio político, e outras instituições. É lamentável que você Fabio Campana pegue um fato isolado para desprezar o movimento dos professores.

  37. denise graças montes
    terça-feira, 24 de janeiro de 2017 – 22:09 hs

    engraçado agora as lunetas que vão nas armas de pressão e coisa de bandido então todos os donos de loja de caça e pesca ja devem estarem todos na cadeia por que sera que somente esse homen foi preso? para proibir lunetas deveriam proibir então a venda das carabinas de pressão

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*