Traiano questiona Campagnolo | Fábio Campana

Traiano questiona Campagnolo

“Os salários dos deputados, eleitos por toda a população, quem define é o STF, por parâmetro. O que é estranho é que antigos presidentes da Fiep abriram mão da verba de representação que a direção recebe. Mas, Campagnolo recebe esta verba que é paga por 80 sindicatos de empresários do Paraná”, disse Ademar Traiano.


3 comentários

  1. Zabra Q Tise
    quarta-feira, 23 de setembro de 2015 – 13:47 hs

    Engana-se o nobre deputado. Os 100 sindicatos filiados nada pagam, a não ser uma anuidade ridícula. Quem paga são os industriais do Paraná, que recolhem contribuição sindical anual calculada sobre o capital social de suas empresas e contribuições mensais para o sistema S, de 2,5% sobre a folha de pagamento. Alem disso, a Fiep fica com um por cento da arrecadação do SENAI e seis por cento da arrecadação do SESI para pagar os 60 mil reais de salário para seu presidente, que tem motorista e carro oficial à disposição. Tem ainda um Touareg v8 oficial para suas viagens a Capanaema, que dorme no relento em frente ao prédio onde mora o presidente.

  2. João
    quarta-feira, 23 de setembro de 2015 – 16:48 hs

    Lamentavel o comentário desse tal de Traiano. Antes deveria fazer o “mea culpa” e cortar salários e despesas na Assembleia. O empresariado, com pesar, está demitindo empregados por não suportar a crise que se instalou no país. Quantos comissionados foram demitidos da Assembléia? Quanto foi cortado nas gratificações? Quanto foi cortado das benesses de suas “excelências”? É bom o eleitor registrar para saber em quem votar nas próximas eleições.

  3. Prometeus
    quarta-feira, 23 de setembro de 2015 – 17:45 hs

    Traiano seu traíra, tem mesmo é que baixar e muito os salários dos deputados que não representam o povo, mas sim os interesses do governo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*