Funcionários da coleta de lixo paralisam serviços em Curitiba | Fábio Campana

Funcionários da coleta
de lixo paralisam
serviços em Curitiba

coleta - lixo

Os funcionários da coleta de lixo e de varrição de ruas de Curitiba paralisaram os serviços na manhã desta segunda-feira (21) por tempo indeterminado. A categoria reclama do parcelamento dos vales refeição e alimentação, além da falta de pagamento da primeira parcela da participação de resultados, que deveria ter sido feito no quinto dia útil deste mês. As informações são da Gazeta do Povo.

Segundo o presidente do Siemaco, Manassés Oliveira, a Cavo, empresa responsável pela coleta, parcelou em duas vezes os vales-alimentação e refeição dos seus funcionários. “Agora em setembro não paga o que foi acordado, que é a Participação de Resultados, e ontem (domingo) só pagou 30% dos vales-alimentação”, afirma.

Segundo ele, a Cavo chegou a protocolar no Sindicato dos trabalhadores um ofício alegando que a inadimplência municipal chega a R$ 71.103.689,51 e que isso comprometeria as operações financeiras da empresa. “Mas a gente não tem nada a ver com a falta de pagamentos da prefeitura. O trabalhador não pode ser penalizado por isso”, afirma Oliveira.

A Cavo confirma que há atrasos no repasses da prefeitura, mas ainda não deve se posicionar a respeito da paralisação dos trabalhadores.


3 comentários

  1. Parreiras Rodrigues
    segunda-feira, 21 de setembro de 2015 – 15:40 hs

    Toda força para a rapaziada da pá, da vassoura e da maratona atrás dos caçambões de lixo. Muque, meninada.

  2. luiz antonio
    segunda-feira, 21 de setembro de 2015 – 18:22 hs

    Que vergonha prefeito Gustavo Fruet! O IPTU é cobrado anualmente, inclusive com um valor para a coleta de lixo, não é mesmo? Cadê o dinheiro do IPTU prefeito?
    Se o meu lixo não for retirado, vou levá-lo até a porta da sua casa.
    E se outros curitibanos fizerem o mesmo, rapidinho ele resolve o problema.

  3. TROLL
    segunda-feira, 21 de setembro de 2015 – 18:54 hs

    Pois deveriam coletar o máximo possível e depositar tudo na frente da casa do Prefeito!
    Uma sacanagem para esta gente que trabalha feito cão e cujo serviço só é valorizado quando param.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*