Entenda as mudanças na eleição de diretores | Fábio Campana

Entenda as mudanças na eleição de diretores

As mudanças na eleição dos diretores das escolas estaduais são explicadas em um vídeo produzido pela Liderança do Governo na Assembleia Legislativa. O projeto, de autoria do Executivo, define mudanças que reforçam a democracia nas escolas, ampliando a participação de toda a comunidade escolar.

“A partir de agora, professores, funcionários, alunos e pais de alunos menos de 16 anos terão o mesmo peso na escolha dos novos diretores. Além disso, os candidatos terão de apresentar um plano de metas para a melhoria de gestão em um mandato de dois anos, renovável por mais dois anos”, lembra o deputado Luiz Claudio Romanelli (PMDB), líder do governo.

Uma emenda apresentada por Romanelli, em nome da bancada apoio ao governo, permitr que os atuais diretores participem do próximo pleito, que deverá ocorrer em novembro. O projeto já passou pela Comissão de Constituição e Justiça e agora para análise da Comissão de Educação.


4 comentários

  1. MANOEL BOCUDO.
    quinta-feira, 3 de setembro de 2015 – 16:33 hs

    BEM DEMOCRÁTICO, PARECE QUE TODOS CONCORRERÃO
    EM IGUALDADE, QUE VENÇA O MELHOR. O BOM TRABALHO
    VAI SER RECONHECIDO POR TODOS. PROJETOS QUE VENHAM
    EM PROL DOS ALUNOS ESSES VÃO TER PESO NA ELEIÇÃO.

  2. Do Interior....
    sexta-feira, 4 de setembro de 2015 – 8:50 hs

    Gostei, principalmente por ter como meta a meritocracia.
    Ah, deveria ser proibido também a concorrer a Diretor e ao sindicato, pessoas ligadas a partidos, que utilizam o vocábulo “presidenta” e que tem a língua presa. kkkkk

  3. jurandir klaus
    sexta-feira, 4 de setembro de 2015 – 9:43 hs

    mais interessante é o plano de metas

    melhoria na educação,

    os estudantes nao podem pagar o preço de um diretor poliqueiro que nao pensa no futuro do país.

  4. jose rosa
    sexta-feira, 4 de setembro de 2015 – 9:44 hs

    MANDATO DE 02 ANOS, PLANO DE METAS.

    OPA, ATÉ QUE ENFIM.

    FORA DIRETORES DA APT SINDICATO, QUE NUNCA SE PREOCUPARAM COM EDUCAÇAO DE QUALIDADE.

    TEM QUE DAR PREMIO PARA OS BONS PROFESSORES E BONS DIRETORES.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*