Bye, bye PT | Fábio Campana

Bye, bye PT

unnamed
Após 18 anos, Alessandro Molon (RJ), vice-líder do PT na Câmara dos Deputados, se desligou do partido e se filiou à Rede de Marina Silva. Na eleição de 2014, Molon recebeu 87 mil votos e foi o deputado mais votado pelo PT no Rio de Janeiro.


7 comentários

  1. antonio carlos
    sexta-feira, 25 de setembro de 2015 – 12:36 hs

    Quando o barco começa a afundar os primeiros que pulam fora são os ratos, este é desta turma, está cuspindo no prato em que comeu. Aviso, não sou pestista e nem fã do pestismo.

  2. Francisco Foltrani Freire
    sexta-feira, 25 de setembro de 2015 – 12:56 hs

    O PT é, na realidade, o TITANIC BRASILEIRO e o ICEBERG, sem dúvida alguma é seu aliado, o PMDB. Na hora do naufrágio, os PETISTAS estão pulando do BARCO para não serem engolidos pelas ondas da LAVA JATO e dá má administração governamental..

  3. João Armindo
    sexta-feira, 25 de setembro de 2015 – 16:30 hs

    Marcar bem a cara desses ratos…

  4. DANIEL
    sexta-feira, 25 de setembro de 2015 – 16:50 hs

    SÓ NÃO VÃO CONTAMINAR OUTROS PARTIDOS COM IDÉIAS BOLCHEVISTAS DE ACORDO COM A FILOSOFIA BOLIVARIANA QUE ESTÁ SENDO A DESGRAÇA DA AMÉRICA DO SUL. SE FOR PARA CONTINUAREM COM O RADICALISMO JÁ CONHECIDO DA PETEZADA MALEDETA, É MELHOR DEIXAR A POLÍTICA. MUDEM DE PARTIDO E APROVEITEM PARA MUDAR O PENSAMENTO. É ISSO QUE A MAIORIA DOS BRASILEIROS, QUE SÃO PESSOAS NORMAIS, ESPERAM DE VOCÊS, NOVATOS.

  5. SEXAGENÁRIO
    sexta-feira, 25 de setembro de 2015 – 19:10 hs

    É um garoto metido ou seja um idiotazinho da nova cepa comunista.

  6. NA CORDA BAMBA
    sábado, 26 de setembro de 2015 – 8:11 hs

    Deveria haver uma proibição legal para que os malandros como
    este do PT migrasse para outros partidos por pura conveniencia.
    Este é o famoso político macaco gordo. Pula de galho em galho
    até se esborrachar…

  7. Edson
    segunda-feira, 28 de setembro de 2015 – 15:19 hs

    O cão apenas trocou de coleira! Que me perdoem os cães, pois são animais fiéis!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*