Tomaram gosto | Fábio Campana

Tomaram gosto

do Painel, Folha de S. Paulo:

Animados com a acolhida que tiveram nas manifestações de domingo, líderes do PSDB defendem que o partido convoque seus próprios atos pela saída de Dilma Rousseff da Presidência. A ideia seria reproduzir comícios como os das Diretas Já, capitaneados por políticos, em vários Estados. Para se compor com os movimentos que encabeçaram os protestos recentes, a sigla quer mostrar que não há como conduzir um processo de impeachment sem apoio partidário no Congresso.

Que tal? – A ideia de que o PSDB tome a frente das próximas mobilizações do “fora Dilma” será apresentada por deputados e senadores ao presidente da sigla, Aécio Neves, em reunião nesta terça.


7 comentários

  1. Paulo
    terça-feira, 18 de agosto de 2015 – 12:23 hs

    Para com isso Campana, onde é que este caras conseguiram unanimidade e olha que no último “protesto” a coisa diminuiu de público, foi o maior mico. E se continuarem vão é acabar com o próprio partido que, já está misturando direito de manifesto com a golpismo dos milicos. Para pelo AMOR DE DEUS, como seu blog é conceituado não deixe que eles acabem.

  2. toninho
    terça-feira, 18 de agosto de 2015 – 14:49 hs

    Espero que o PSDB tenha coragem de por em pratica essa idéia. Sempre ficaram em cima do muro e agora pretendem descer pro lado que está ganhando. Aguardemos o resultado da reunião desta terça feira, como diz a notícia. Mas não vamos esquecer desta notícia.

  3. terça-feira, 18 de agosto de 2015 – 15:05 hs

    A Dilma não necessitará de IMPEACHMENT, pois ela já está de AVISO PRÉVIO e vai cair de MADURA. A árvore que se dizia frondosa e forte, está se desintegrando a cada dia, restando, tão somente, galhos finos e que não aguentará o peso da MADAME.

  4. antonio carlos
    terça-feira, 18 de agosto de 2015 – 15:18 hs

    Apoiado, Fora Dilma, Fora Lula, Fora FHC, Fora PSDB, basta de tantos picaretas, vamos passar este País a limpo, sem a companhia desta cambada.

  5. Pedro
    terça-feira, 18 de agosto de 2015 – 15:19 hs

    Se o PSDB entrar neste movimento, ele perde força. Eu mesmo não fui por saber que teriam membros deste partido que não me representa, que aliás ensinou o pt a desviar recursos…

  6. Santos
    terça-feira, 18 de agosto de 2015 – 15:30 hs

    Não é o que vejo nas ruas e nos protestos!
    A revolta do povo é com o PT e com os políticos de modo geral, incluindo o PSDB.
    Não adianta mudar o partido do poder, se não ocorrer mudanças nas leis, principalmente, contra a corrupção.
    Aliado a isso, as pessoas que foram as ruas querem mudança de postura e comportamento dos políticos.
    Se o PSDB tomar frente é porque não aceitou o resultado das urnas, independente dos artifícios usados pelo PT para ganhar a eleição. Até porque, aqui no PR o governador falou de uma situação do Estado para ganhar a eleição, que a realidade nos mostrou ser totalmente diferente.
    O povo quer e exige mudanças!!
    – fim da reeleição para vereadores, deputados e senadores;
    – mandato de 05 anos e fim da reeleição para todos os cargos do poder executivo;
    – diminuição da cargos em comissão, de ministérios e secretarias e ficha limpa a todos que forem indicados;
    – penas maiores e sem incidência da prescrição para crimes de corrupção ativa e passiva;
    – agravamento da pena para crimes cometidos por políticos com mandato e detentores de cargo em confiança;
    – perda imediata do mandato para políticos com processo criminal instaurado por corrupção;
    – fim da aposentadoria para juízes e promotores quando condenados por crimes de corrupção;
    e por ai vai……

  7. Sergio Silvestre
    terça-feira, 18 de agosto de 2015 – 15:57 hs

    Antonio Carlos sua Anta,o Lula já está fora,seu imbecil.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*