'Tem que investigar e cumprir a constituição', diz Alckmin sobre impeachment de Dilma | Fábio Campana

‘Tem que investigar e cumprir a constituição’, diz Alckmin sobre impeachment de Dilma

Governador Beto Richa recebe o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin e empresários do G7.Curitiba, 21/08/2015.Foto: Orlando Kissner/ANPr

Quando perguntado se era contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), disse nesta sexta-feira, 21, que nunca foi contra o impeachment. “Tem que investigar, investigar e cumprir a constituição”. Em entrevista coletiva em Curitiba, ele justificou porque não participou, ao contrário do senador Aécio Neves, o presidente tucano, das manifestações do último dia 16. “Dos 27 Estados, nenhum governador participou. Os governadores estavam cuidando da governabilidade, das questões de segurança. Foram manifestações pacíficas no País inteiro”, disse.


2 comentários

  1. zangado
    sábado, 22 de agosto de 2015 – 13:58 hs

    A personalidade vem cantar de galo aqui no Paraná enquanto em SP o povo bebe do volume morto e as chacinas estão nas ruas …

    E a outra ao lado conjecturando “não deve estar falando para mim…”

  2. QUESTIONADOR
    segunda-feira, 24 de agosto de 2015 – 12:13 hs

    -Estes políticos do PSDB ainda não desceram do muro e tomaram uma decisão: contra o governo ou a favor do governo!!! Simples assim!!!
    -Ficam com este discurso tosco e que não “enche lingüiça”…
    -O Brasil não tem nenhum partido de extrema direita para bater de frente com este governo corrupto, incompetente e irresponsável.
    -O PSDB que posar de bom mocinho, que fazer o omolete mas sem quebrar os ovos!!!
    -Senhores políticos do PSDB, vocês são coniventes com o atual momento de desastre porque passa o País. O PSDB não endureceu o discurso e muito menos arrigementou assinaturas para um futuro impeachment!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*