Eduardo Cunha estuda saídas | Fábio Campana

Eduardo Cunha
estuda saídas

Do Giba Um

O caminho jurídico da denúncia do deputado Eduardo Cunha, presidente da Câmara, não é simples, nem rápido. Ao contrário, é muito demorado, cheio de tramites obrigatórios. Cunha já avisou que não deixa a cadeira “para a qual fui eleito pela maioria da Casa”. E poderá surpreender recorrendo ao artigo 53 da Constituição e submeter à votação na Câmara a continuidade da ação penal.

É um artifício criado a partir de uma emenda constitucional de 2001. A Câmara teria que votar se quer sustar ou não a ação aberta no Supremo. E a votação poderá ser aberta ou fechada, não há determinação estabelecida. Detalhe: essa alternativa jamais foi usada.


11 comentários

  1. oliveira
    quinta-feira, 20 de agosto de 2015 – 18:54 hs

    É completamente descabido um político como Eduardo Cunha, na presidência da Câmara. Só no Brasil isso é possível, num país sério esse sujeito estaria respondendo por seus atos atrás das grades.

  2. Diogo Lima
    quinta-feira, 20 de agosto de 2015 – 22:25 hs

    Se Cunha cometeu crimes que seja punido! Porém acho engraçado ele ter sido um dos umbrais últimos citados, em uma incrível mudança do delator Júlio Camargo, e mais….que ele, um deputado do PMDB, tivesse mais poder que o Executivo inteiro para comandar a Petrobras. Na época não era presidente do Congresso e nem era um deputado forte! Mais incrível, está denúncia veio após Renan Calheiros se tornar apóstolo da Dilma e o PGR ser convenientemente garantido no seu posto por mais um tempo. Não é crível. Bom. Para Cunha sugiro não renunciar e que ponha na pauta tudo que possa vir a prejudicar o governo, inclusive impeachment e outras coisas. O PT é uma vergonha. E está denúncia está cheirando perseguição a adversários.

  3. Marcelo Santos
    sexta-feira, 21 de agosto de 2015 – 8:36 hs

    Tá com tanta proteção existente! tá bom que vai largar a cadeira nessa hora! O protecionismo da classe é forte!

  4. Kátia Flávia
    sexta-feira, 21 de agosto de 2015 – 9:28 hs

    Este muitos estudam a Entrada no Presídio !

  5. Sergio Silvestre
    sexta-feira, 21 de agosto de 2015 – 9:51 hs

    Ontem ouvi parte de uma palestra do Juiz Moro e achei importante aquilo que ele falou,talvez depois de descobrir o obvio,que a corrupção no Brasil não tem jeito.
    Pois bem,ela começa a pegar alguns e a coisa vai se afunilando e voce começa ver que os amigos também estão envolvidos,ai voce fica numa encruzilhada,ou vai para cima ou larga tudo e se aposenta ou se afasta do caso.
    É dificil para o Juiz,quando olha ao lado e vê ali mais e mais corruptos,gente de sua amizade,gente que sempre pensou ser probo.
    É só ver o caso do Eduardo Cunha,tão festejado e agora execrado,com dezenas de milhões de reais roubados,afanados do erário.
    E agora oposição,vão manter a aparência que querem limpeza do Pais ou vão ficar no muro como sempre ficaram,vão continuar com esse sr como presidente da câmara ou vão trocar por um outro menos letal.

  6. Helena borges
    sexta-feira, 21 de agosto de 2015 – 10:39 hs

    Certamente o Eduardo Cunha deve ter seus pecados, mas ele é só uma pontinha do iceberg dos grandes pecadores do governo petistas e seus aliados, os outros estão encobertos por interesses de poderes maiores. São todos uma cambada de ladrões. A confiabilidade dos poderes da República está se acabando pela sociedade brasileira.

  7. Sergio Silvestre
    sexta-feira, 21 de agosto de 2015 – 11:16 hs

    Saída pela fronteira com o Paraguai vestido de pastor ou disfarçado de moisés.

  8. Doutor Prolegômeno
    sexta-feira, 21 de agosto de 2015 – 11:45 hs

    Ele é inimigo dos maiores inimigos do Brasil. Usando da mesma prática lulopetista de que fins justificam os meios, tomara que ele se segure por um bom tempo para infernizar o governo.

  9. Boca abreta II
    sexta-feira, 21 de agosto de 2015 – 13:08 hs

    Eduardo vai sair desta saia justa, assim como o nobre deputado Estadual do Paraná Nelson Justus, que roubou na cara dura e aumentou seu patrimônio pessoal, desviando dinheiro públiico dos paranaenses.
    Se por um grande azar o Eduardo for preso, temos aí um precedente legal para engaiolar o glorioso deputado estadual do Paraná, bagre enssaboado Nelson Justus.
    De carona, podemos aproveitar também a oportunidade e
    mandar para o xilindró outro corrupto da ALP, o outro
    nobre deputado Edson PRACZYK (só falta esse fdp ser polonês)

  10. sexta-feira, 21 de agosto de 2015 – 16:06 hs

    Ou disfarçado de PIZZOLATTO hein SS?

  11. PAULO
    sexta-feira, 21 de agosto de 2015 – 18:15 hs

    SÓ TEM UMA PARA ESTE CIDADÃO

    CADEIA, CADEIA E CADEIA, JÁ QUE É TÃO CORRUPTO OU PIOR DOS QUE JÁ ESTÃO PRESOS.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*