Depois do vendaval | Fábio Campana

Depois do vendaval

image

Ventos de ate 60 km/h atingiram Curitiba e Região na madrugada de hoje. A cidade amanheceu com árvores derrubadas, semáforos desligados, casas destelhadas e várias áreas sem energia. A Defesa Civil ainda não informou o número de desabrigados e a Copel faz o balanço dos estragos e do número de residências sem energia. A tempestade atingiu Curitiba e região por volta das 3h30. O temporal já havia causado estragos na região oeste ontem à noite.
Joelma Miranda, moradora da CIC. A tempestade foi prevista pelo Simepar, que emitiu alertas. A chuva deve parar até o final do dia e a previsão é de frio.

Em breve, fotos e mais


2 comentários

  1. Parreiras Rodrigues
    quinta-feira, 27 de agosto de 2015 – 9:25 hs

    Uns trinta anos passados, quando apareciam nuvens no céu, a gente dizia:
    Oba, vai chover!
    Agora, se treme de medo.
    Não se chove mais como antigamente.
    Vamos, gente, vamos abrir novas fronteiras agrícolas, vamos desmatar mais e mais.
    Inconscientemente, o nosso agricultor é um predador por excelência.
    Explora uma área de produção até a sua exaustão.
    Degradada, é abandonada.
    Dai, ele parte para uma nova região e é chamado de pioneiro.
    E nós, reclamando de temporais, vendavais, tornados, secas prolongadas e chuvas raivosas, tudo por conta das alterações climáticas que nós mesmo provocamos.
    Sento-me e dano a rir: Eita povo atrasado!

  2. Doutor Prolegômeno
    quinta-feira, 27 de agosto de 2015 – 11:12 hs

    É a maldição dos deuses sobre Curitiba, governada pelo acólitos do lulopetismo.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*