Bem preocupante | Fábio Campana

Bem preocupante

O Antagonista
A Fitch vai rebaixar a nota do Brasil.

O diretor-geral da agência disse nesta sexta-feira que a meta de superávit primário equivalente a 0,15 por cento do PIB coloca mais pressão sobre o rating e que a redução da dívida brasileira só deve ocorrer a partir de 2018.

Segundo ele, a dinâmica da dívida é “bem preocupante”.


Um comentário

  1. Doutor Prolegômeno
    sexta-feira, 21 de agosto de 2015 – 13:28 hs

    O tratado de BSB firmado pela mídia poderosa, governo, entidades pelegas e aparelhadas pelo lulopetismo, entre outros, decidiu adotar a estabilidade do governo como fórmula de salvação nacional, custe o que custar: primeiro, eliminar Cunha (seja culpado ou não), depois mudar a semiótica do noticiário para temas da coleção cor-de-rosa, como as olimpíadas, para-olimpíadas e outras coisas mais lights. Enfim, tudo para fazer eliminar o pessimismo, subir o consumo e resgatar o faturamento da mídia poderosa que beira o fundo do poço. Tudo, inclusive salvar o lulopetismo, que seria mal menor.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*