Fruet corta R$ 100 mi do orçamento de R$ 8,4 bi | Fábio Campana

Fruet corta R$ 100 mi do orçamento de R$ 8,4 bi

fruet - 11

O prefeito Gustavo Fruet (PDT) mandou cortar R$ 100 milhões do orçamento estimado em R$ 8,4 bilhões. A primeira-irmã, Eleonora Fruet (Finanças), disse que valor que representa quase 15% dos gastos. “Sempre se faz a previsão orçamentária em junho do ano anterior. Para o ano passado a expectativa de crescimento era próxima de 4% e ficou em zero e neste ano já é negativa. As projeções acabaram não se confirmando, porque o mercado é volátil”, disse Eleonora ao Metro/Curitiba.

As verbas são de diversas pastas. “Nós vamos monitorando e consolidando as contas, para ir liberando se possível”,disse. A prefeitura continua com a projeção de investir R$ 839,8 milhões em obras e equipamentos neste ano.

Principal fonte de impostos no município, a arrecadação do ISS vem preocupando nos últimos meses. Segundo a secretária, março foi um mês ‘muito ruim’, mas em abril a arrecadação melhorou um pouco. “Estamos vivendo um cenário diferenciado e monitorando, até porque este imposto tem correlação direta com o crescimento econômico”, diz.

No primeiro quadrimestre deste ano o imposto gerou R$ 339,5 milhões aos cofres municipais. Em relação ao ano passado, a queda ficou em torno de 3%.

Com a queda na arrecadação, cortes em investimentos vem sendo feitos tanto pela União quanto pelos governos estaduais e municipais. No começo do ano o governo do Estado anunciou um corte de R$ 11 bilhões do orçamento, valor que representa quase 25% da previsão de gastos. Já a União anunciou um corte de R$ 69,9 bilhões para todo o Brasil. Obras de Curitiba, como postos de saúde e obras de drenagem podem ser atrasadas.


2 comentários

  1. Observador Atento
    segunda-feira, 8 de junho de 2015 – 22:15 hs

    Ao fundo, a foto de Mauricio Fruet . Ao contrário do pai, Gustavo Fruet deixou-se levar pelos maus assessores os quais, embuidos do espírito da vingança e do rancor, não permitiram que o atual prefeito montasse uma equipe competente e conhecedora da máquina da prefeitura. Ao “isolar” funcionários de carreira competentes e montar uma equipe formada por acadêmicos, sem experiência administrativa e política e por assessores sem a competência e o conhecimento exigidos para os cargos que ocupam inviabilizou sua adminstração e sua reeleição corre sérios riscos. Na falta de recursos, uma administração tem que ser criativa e buscar alternativas! Que tal reduzir os cargos de comissão prefeito? São muitos os incompetentes que não fazemnada e recebem altos salários.

  2. Kátia Flávia
    terça-feira, 9 de junho de 2015 – 9:28 hs

    Fruet tem Excelente Administração, vai quieto e faz passo a passo, sem denuncias e brigas no secretariados, falta só executar obras viárias.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*