Cantor Cristiano Araújo morre após acidente de carro em Goiás | Fábio Campana

Cantor Cristiano Araújo morre após acidente de carro em Goiás

cristiano e namorada1

do G1:

O cantor goiano Cristiano Araújo, de 29 anos, e a namorada dele, Allana Coelho Pinto de Moraes, de 19, morreram na manhã desta quarta-feira (24) após um acidente de carro na BR-153, no km 614, entre Morrinhos e o trevo de Pontalina, em Goiás. O Hospital de Urgências de Goiânia (Hugo), para onde ele foi transferido, e a assessoria de imprensa do sertanejo confirmaram a informação às 8h30.

A morte de Allana foi confirmada por um dos empresários do cantor, Antônio Pereira dos Santos. “O corpo dela foi levado ao IML [Instituto Médico Legal] de Morrinhos, e os familiares foram ao local para a liberação”, disse ao G1.
Eles serão velados juntos. O velório vai ocorrer nesta quarta-feira, às 19h, no Palácio da Música, localizado no Centro Cultural Oscar Niemeyer (CCON), em Goiânia, e será aberto ao público.

O acidente
Segundo o Corpo de Bombeiros, o sertanejo voltava de um show em Itumbiara, no sul do estado, por volta das 3h30, quando o veículo em que ele estava, um Range Rover, saiu da pista e capotou.

O cantor chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Municipal de Morrinhos. Depois, foi transferido para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Móvel até a capital, Goiânia. Em seguida, foi de helicóptero até o Hugo. Apesar dos esforços para socorrê-lo, Cristiano não resistiu aos ferimentos.

“O cantor e a namorada foram arremessados para fora do veículo, sendo assim, os indícios apontam que eles não usavam o cinto de segurança. Mas isso só será comprovado com o resultado dos laudos”, afirmou delegado Fabiano Henrique Jacomelis, responsável pelo caso.

Além do cantor e da namorada, que estavam no bando de trás, outras duas pessoas estavam no carro – um dos empresários, Vitor Leonardo, e o motorista de Cristiano. Segundo os bombeiros, eles sofreram ferimentos leves e também foram encaminhados a um hospital na capital. Ainda de acordo com o delegado Jacomelis, motorista que conduzia o veículo passou pelo teste do bafômetro, que não apontou consumo de bebidas alcoólicas.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que as causas do acidente ainda são apuradas. “Fizemos um levantamento no veículo, que é do ano de 2015, e ele estava em perfeitas condições. A suspeita inicial é que o motorista tenha dormido ao volante, mas tudo isso ainda é devidamente apurado”, afirmou o inspetor Newton Moraes.

Segundo o empresário Antônio Pereira dos Santos, o cantor costumava viajar com um motorista particular para que “pudesse dormir após o show e não precisasse dirigir”. Ele ressaltou, ainda, que o condutor “é experiente e acostumado a guiar de madrugada”.

A Polícia Civil já instaurou um inquérito para apurar as causas do acidente. De acordo com o delegado Fabiano Henrique Jacomelis, responsável pelo caso, o motorista que conduzia o veículo, Ronaldo Miranda, 40, passou pelo teste do bafômetro, que não apontou consumo de bebidas alcoólicas.

“Já sabemos que o acidente aconteceu depois que ele perdeu o controle da direção. Agora estamos apurando se ele dormiu ao volante ou se houve algum outro fato que o levou a sair da pista e, consequentemente, capotar”, explicou o delegado ao G1.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*