Sem trégua | Fábio Campana

Sem trégua

praca HM

Os professores, reforçados por funcionários públicos de diversas áreas, estão no Centro Cívico. Protestam contra o governo de Beto Richa. Não aceitam medidas do ajuste fiscal e querem aumentos salariais que vão muito além do possível e razoável. Uma forma de dar sentido a um movimento político dirigido, fundamentalmente, pelo PT através da APP-Sindicato, filiado à CUT. Diga-se, com grande capacidade de mobilização e propaganda.

Os professores estão em greve há uma semana e farão assembleia hoje, na Vila Capanema, para decidir os próximos passos. A ordem da direção nacional do PT é continuar a greve e as manifestações.

Ao mesmo tempo, articula-se nacionalmente o protesto político contra Richa. Obra do PT e especialmente do PMDB comandado agora por Michel Temer. Com tal eficiência que conseguiu deslocar o foco de atenção dos desmandos de corrupção no governo de Dilma Rousseff, do PT, para o governo Beto Richa, no Paraná.


23 comentários

  1. Parreiras Rodrigues
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 12:30 hs

    Nos botons e adesivos: Tô na Luta. A APP apresenta-nos o verbo Tar. No presente, conjuga-se assim: Eu tô, tu tás, ele tá, nós tamos, vós tás, eles tão.

  2. Doutor Prolegômeno
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 12:38 hs

    O problema dos governantes é que são cercados de áulicos, cortesãos,puxa-sacos, bufões palacianos, que convencem seu chefe de que tudo que ele faz é lindo, é bom, é puro, e que todos os adversários são maus, pérfidos, falsos e canalhas. Assim, perdidos nos deleites das cortes de ilusão e poder não percebem o mundo caindo ao seu redor. Quando saem nos jardins dos palácios e percebem o povo nas grades e portões já é tarde demais.

  3. antonio
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 12:38 hs

    ahaha. Esse é sabonete mesmo. Botou a culpa no comando da PM e se safou de ser demitido. Mas se a PM reduz a criminalidade, ele puxa para si as glórias. ahahahaha

  4. antonio
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 12:43 hs

    ahaha. Esse é secretário é sabonete mesmo. Jogou a culpa na PM. Como se a PM agisse por conta própria, sem orientação.ahahaha. É como se afirmar que a PM por conta própria fechou o Centro Cívicio. ahahahaha. Mas se a PM consegue reduzir a criminalidade, ele puxa para si as glórias com claros objetivos eleitorais para candidatura à prefeitura. ahahaha. Como levar à sério algo assim? O massacre durou 3 horas. O secretário teve tempo para intervir. Mas não o fez.

  5. mauro parolin
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 12:45 hs

    Parabéns aos professores!

  6. De olho nas notícias!
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 12:47 hs

    O mesmo Temer que em suas articulações distribui cargos pela aprovação do ajuste fiscal????????

  7. marcello
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 13:11 hs

    Onde estão os black blocks senhor Campana?

  8. Haroldo
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 13:12 hs

    Professores do Paraná = bucha de canhão do PT.
    Triste destino dos nossos pobres mestres.

  9. Edson
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 13:13 hs

    E ingênuo do Beto Richa, por falta de assessoria ou mesmo por ser mal assessorado, caiu como um patinho naquilo que o PT e sua corja queriam e esperavam acontecer. Pobre Beto Richa! Estragou tudo nacionalmente! Agora, como podemos meter o pau na Dona Dilma?

  10. Sergio Silvestre
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 13:15 hs

    Estão ai os petistas pedreiros,pintores,professores,estão ai toda massa que trabalha e sustentação para os Abis da vida,fazerem mutretas,e depois andar de iate no Mediterrâneo junto com o governador ILHADO.
    Ele pediu isso e está tendo o retorno,não a mentira que perdure.

  11. DIÁRIOS SECRETOS
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 13:18 hs

    E O SECRETÁRIO “PAQUEDISTA” DA FAZENDA, QUE DEVE TER CONTRIBUIDO PARA LIQUIDAR COM OS APOSENTADOS, NÃO VAI SER DEMITIDO POR “JUSTA CAUSA”?

  12. Educador
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 13:34 hs

    Não tem reivindicação salarial não Campana, é contra o rapto da previdência, o ajuste salarial se chama data-base e é lei! Não que o Richa tenha o hábito de cumpri-la e aumentos sabemos que ele só dá de bom grado pra comissionado.

  13. juvenil correia
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 13:54 hs

    vão trabalhar seus desocupados

    se fossem trabalhadores estavam no trabalho.

  14. Juca
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 13:55 hs

    Esse povo não tem o que fazer?

  15. Strapasson
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 14:00 hs

    Parreiras R.: comentei na escola que esse “TÔ” deveria, ao menos, ser entre aspas.

    Quase fui linchada!

    Disseram que eu estava praticando “preconceito linguístico”. Seja lá o que isso signifique!

  16. Kátia Flávia
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 14:18 hs

    Carlos Alberto e Fernando não mandem bater em Professores novamente !!

  17. Gardel
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 14:25 hs

    O PT esconde-se por traz de uma cortina de mentiras arquitetadas com o intuito de enganar a população. O amplo processo de alienação desenvolvido pelo PT tem a finalidade de consolidar seu projeto de dominação, para isso, lançam mão do dinheiro público.

  18. TARZAN
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 14:30 hs

    Os bandidos já estão chegando com suas bandeiras vermelha, chefiadas por PT/MST/CUT e SENADORES que são inimigos do nosso estado no cardápio tem pão e mortadela para saciar a fome desses desocupados e assim engrossar a legião.

  19. Sandro
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 14:34 hs

    corta o ponto dessa gente ( se é que são professores mesmo)..espera o tempo legal e rua com eles…..dai a tal APP vai dar de comer a eles……

  20. De olho nas notícias!
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 18:29 hs

    É engraçado ver senadores levantando essas bandeiras em nome da causa. Pelo menos um, aquele ex-governador aposentado, está “lutando” em causa própria, já que sua aposentadoria imoral corre um risco grande de ser extinta, uma vez que no restinho do País esse tipo de prática foi considerado ilegal. A outra, atolada até o pescoço no Petrolão, essa sim, deveria ser motivo de protesto. Atenção RR: já existe jurisprudência para suspender seu soldo!

  21. vanessa
    terça-feira, 5 de maio de 2015 – 20:30 hs

    Sandro, que tempo legal? são funcionários públicos…. possuem leis especificas. Logo se vê que o Beto Richa está assessorado por inteligencias raras como você!

  22. Do Interior...
    quarta-feira, 6 de maio de 2015 – 9:21 hs

    sergio, os pedreiros, pintores e garis que deram prejuízo de aproximadamente 100 bilhões da Petrobrás e, destes, desviaram mais de 10 bilhões? (só da Petrobrás, sem contar, postalis, petros, caixa, BB, BNDS e Eletrobrás).

    A população trabalhadora não faz idéia de quanto é este montante. Vamos lá.

    São equivalentes a 10.000 prêmios de 10 milhões da megasena. Equivalem-se a 2 milhões de moradias ou daria para suprir o corte da educação de 7 bilhões em mais de dez anos.
    Um trabalhador com salário de 1.000 reais por mês demora 8.333.333 anos de trabalho. Isso mesmo, mais de 8 milhões de anos!

  23. MANOEL BOCUDO.
    quarta-feira, 6 de maio de 2015 – 10:11 hs

    QUEM NÃO ASSINAR O LIVRO PONTO NA ESCOLA, NÃO RECEBERÁ O SOLDO. PROFESSORES SE ALERTEM COM ESSES HIPÓCRITAS DA APP QUE SÓ ESTÃO USANDO VCS COMO CORTINA DE FUMAÇA DOS DESMANDOS PETISTAS. A CATEGORIA DE VCS DE COLÉGIOS PARTICULARES NÃO GANHAM NEM A METADE DOS SEUS SALÁRIOS. PENSEM BEM NO QUE ESTÃO FAZENDO COM NOSSOS FILHOS. ONDE ESTÁ O JURAMENTO QUE VCS SEMPRE DEFENDERAM PARA A EDUCAÇÃO. ACORDEM MESTRES.
    O LULA ESTÁ NO BICO DO URUBÚ, E TENTA FAZER MORAL DA DILMA SUBIR, MAS A MENTIROSA NÃO GUENTA MAIS NADA.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*