MPF denuncia hoje Vargas, Argôlo e Corrêa | Fábio Campana

MPF denuncia hoje Vargas, Argôlo e Corrêa

unnamed

O MPF apresenta hoje em Curitiba as denúncias contra os investigados na 11ª fase da Operação Lava Jato, entre eles, os ex-deputados André Vargas (ex-PT), Luiz Argôlo (SD-BA) e Pedro Corrêa (PP-PE). Os três estão presos na Polícia Federal desde 10 de abril. Eles são investigados por crimes de corrupção ativa e passiva, fraude a licitações, lavagem de dinheiro e organização criminosa. O doleiro Alberto Youssef, Leon Vargas (irmão de Vargas) e Edilaira Soares (mulher de Vargas) estão na lista. O próximo passo é aguardar se a Justiça Federal do Paraná acata ou não os pedidos dos procuradores do MPF. Com informações da coluna Informe da Folha de Londrina.


2 comentários

  1. quinta-feira, 14 de maio de 2015 – 11:04 hs

    “O pressuposto de um Estado Democrático de Direito é o respeito e acatamento da lei instituída, vigente, do ordenamento jurídico que regula a convivência em uma sociedade. O Estado não é, nunca foi, nem será um fim si próprio. Mas um meio pelo qual os cidadãos se organizam para que haja justiça e paz social. Literalmente esse governo rasgou o princípio de Estado. Cuspiu nos direitos sociais e civis. Não vou nem entrar na esfera criminal. Porquê aí… Bem, porquê aí… Não ficaria pedra sobre pedra. É inadmissível que a estrutura de poder central em Brasilia se mantenha intacta. Um nível de corrupção desses jamais teria se perpetrado sem que os CAPOS soubessem. Impossível ante o volume de dinheiro desviado, a ponto da Revista Financial Times ter feito uma matéria onde afirmava que o PTrolão foi o maior caso de corrupção da história no mundo… Não canso de repetir que vivemos num País de cordeiros criminosamente alienados. Acorda Brasil…” – Profº Celso Bonfim

  2. Juca
    quinta-feira, 14 de maio de 2015 – 13:59 hs

    Então o Argôlo vai levar na argola?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*