Gritaria deu nos nervos | Fábio Campana

Gritaria deu nos nervos

unnamed

A gritaria dos professores, que lotam a Praça Nossa Senhora da Salete, em frente à Assembleia Legislativa, mexeu com os nervos do presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), Nelson Justus (DEM). O deputado, faltando mais de 20 minutos para encerrar o prazo regimental da reunião ordinária de terça-feira, encerrou a reunião afirmando: “Se não houver nenhum projeto mais importante, vamos encerrar a sessão por que esta gritaria lá fora está me deixando louco”, disse.


26 comentários

  1. terça-feira, 19 de maio de 2015 – 16:21 hs

    Nossa que comovente mexeu com os nervos do nobre Deputado e aquela acusação feita pelo MP e RPC que acabou em pizza ele não fala nada …….

  2. Araldo.
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 16:26 hs

    Loucos ficamos nós com a presença deste canalha na assembleia.

  3. cristina
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 16:34 hs

    coitadinho…gritaria irrita, barulho de bomba nao

  4. Francisco Carlos
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 16:42 hs

    O seu lugar é na cadeia seu safado. Tinha que sair da Assembléia no camburão, mas direto pra Penitenciária de Piraquara, sem direitos especiais.

  5. tiburcioesteveakienaogostou
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 17:01 hs

    E ainda quer enfiar esse safado do Silvyo Monteiro aqui em Sao Jose dos Pinhais pra Prefeito.. sao tudo do mesmo saco, mas Silvyo teu telhadinho e de vidro.. logo logo a casa cai.

  6. marcello
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 17:02 hs

    É que os ouvidos de raposa felpuda deste cidadão são muito sensíveis, algo comum entre os caninos.

  7. terça-feira, 19 de maio de 2015 – 17:06 hs

    Esse energúmeno não deveria estar na cadeia ?

  8. vivian
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 17:10 hs

    Quanta sensibilidade para quem ouviu os professores serem massacrados e nem ligou.

  9. Kátia Flávia
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 17:10 hs

    Que fique Louco este imoral Dep. Nelson Justus Denunciado pelo MP como Quadrilheiro criador de Diários Avulsos e Secretos !

  10. Sergio Silvestre
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 17:30 hs

    Tem pesadelos o sr da justiça,é molé,só no Paraná mesmo,até um sicário pode ser o guardião da moral,que moral hein

  11. Orlando
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 17:53 hs

    Outras coisas também “dão nos nervos”. Para algumas, um protetor auricular resolve. Para outras nem prisão perpétua.

  12. Guilherme Cueira
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 18:36 hs

    A ordem agora é desordem deputado! Quanto pior melhor! Tem que acabar com a Assembleia, governo, tudo… viva a anarquia!

  13. Nani
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 19:17 hs

    E as bombas que foram lançadas nos servidores, não deixaram o deputado louco?? Louca fico eu quando vejo denúncias com o nome dele no MP.

  14. Luciano
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 21:13 hs

    No dia 29 de abril, no massacre dos professores, não houve empecilho nem dor de cabeça para aprovar o saque da Previdência dos funcionários públicos. Estranho neh, será o frio?

  15. Luan Santos
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 21:49 hs

    O Ministério Público do Paraná (MP-PR) informou nesta quarta-feira (25) que ofereceu denúncia contra o deputado estadual Nelson Justus (DEM). A denúncia refere-se à época em que Justus presidia a Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) e tem como base a suspeita de contratação de funcionários fantasmas com o intuito de desviar de dinheiro público.
    TADINHO DELE TÁ COM DORZINHA NO OUVIDO? DEVIA TER DOR É DE CONSCIÊNCIA! CARA DE PAU!
    A irregularidade se tornou pública a partir de uma série de reportagens publicada pela RPC e pelo jornal Gazeta do Povo conhecida como “Diários Secretos”. A denúncia ocorre cinco anos após as irregularidades serem conhecidas pela população parananese.
    Além do parlamentar, mais 31 pessoas ligadas ao gabinete dele estão sendo acusada dos crimes de formação de quadrilha, peculato, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. A denúncia, que conta com 313 páginas de narrativa fática, foi oferecida na quinta-feira (12) e, de acordo com o MP-PR, está em fase de notificação dos acusados para apresentação de defesa.
    É DEMAIS!!
    Por unanimidade, o Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Paraná arquivou ontem o processo disciplinar contra o deputado estadual Nelson Justus (DEM), por supostas irregularidades no exercício da presidência da Casa, entre 2007 e 2010.QUE NOJOOO

  16. Luan Santos
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 21:50 hs

    O Ministério Público do Paraná (MP-PR) informou nesta quarta-feira (25) que ofereceu denúncia contra o deputado estadual Nelson Justus (DEM). A denúncia refere-se à época em que Justus presidia a Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) e tem como base a suspeita de contratação de funcionários fantasmas com o intuito de desviar de dinheiro público.
    TADINHO DELE TÁ COM DORZINHA NO OUVIDO? DEVIA TER DOR É DE CONSCIÊNCIA! CARA DE PAU!
    A irregularidade se tornou pública a partir de uma série de reportagens publicada pela RPC e pelo jornal Gazeta do Povo conhecida como “Diários Secretos”. A denúncia ocorre cinco anos após as irregularidades serem conhecidas pela população parananese.
    Além do parlamentar, mais 31 pessoas ligadas ao gabinete dele estão sendo acusada dos crimes de formação de quadrilha, peculato, falsidade ideológica e lavagem de dinheiro. A denúncia, que conta com 313 páginas de narrativa fática, foi oferecida na quinta-feira (12) e, de acordo com o MP-PR, está em fase de notificação dos acusados para apresentação de defesa.
    É DEMAIS!!
    Por unanimidade, o Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Paraná arquivou ontem o processo disciplinar contra o deputado estadual Nelson Justus (DEM), por supostas irregularidades no exercício da presidência da Casa, entre 2007 e 2010.QUE NOJO

  17. Carlos
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 22:01 hs

    Este senhor se faz na política subornando, corrompendo e ameaçando. Todo mundo em Guaratuba sabe disto. Deviam mandar o Gaeco e uma equipe boa de repórteres para lá.

  18. José
    terça-feira, 19 de maio de 2015 – 22:48 hs

    Está deixando louco os moradores e trabalhadoes da região, que pagam impostos pesados para sustentar esses funcionarios públicos que nao trabalham.

  19. Beto Guiz
    quarta-feira, 20 de maio de 2015 – 1:33 hs

    Eu é que estou louco pra te ver na cadeia, canalha.

  20. Nilo
    quarta-feira, 20 de maio de 2015 – 2:44 hs

    Ajustados… kkkkkk. vamos acredita então;;;

  21. sandro
    quarta-feira, 20 de maio de 2015 – 7:27 hs

    Sr. Presidente NELSON JUSTOS.
    Que vergonha o senhor falar que deu nos nervos, e quando a policia massacrava os professores. não deu nos nervos, isso e uma vergonha. cada povo tem os políticos que merece.

  22. JC
    quarta-feira, 20 de maio de 2015 – 8:05 hs

    Sr. Deputado, leia o que está escrito em Galatas 6:7 e saberá o que vai acontecer com v.s. (com letra minuscula mesmo!). Apenas uma constatação!

  23. COMANDO
    quarta-feira, 20 de maio de 2015 – 8:24 hs

    Tadinho do moço…

  24. O BOM
    quarta-feira, 20 de maio de 2015 – 9:14 hs

    Olhe para o seu UMBIGO seu safado, deveria estar preso pela roubalheira que fez.

  25. Maria do Bairro
    quarta-feira, 20 de maio de 2015 – 9:24 hs

    Dane -se !!

  26. Belinha
    quarta-feira, 20 de maio de 2015 – 13:17 hs

    meu DEUS que ODIO.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*