A queda de braço, segundo o governo | Fábio Campana

A queda de braço,
segundo o governo

A equação para o primeiro time do governo Beto Richa é simples, muito simples. Segundo um secretário de alto coturno, o governo já deu tudo o que poderia dar e ofereceu mais um pouco. A APP-Sindicato não aceitou a oferta para manter a greve e lhe dar extensão política de interesse petista e que é potencializada pelo evidente apoio da grande mídia comprometida, de uma forma ou de outra, com os interesses do PT. Ora, pois, diante disso o governo não fará nenhum movimento para dialogar com o indialogável, o que é sempre desgastante, diz ele. No mínimo, os professores teriam que voltar ao trabalho para restabelecer a interlocução.


18 comentários

  1. Professor
    domingo, 24 de maio de 2015 – 19:53 hs

    Já deu realmente já deu …

    Arrancou sua previdência;
    Aumento pífio de 5% divididos em duas vezes sem previsão de pagamento;
    Nenhum diálogo por parte do governo, pois o governador não participou de nenhuma reunião, concluímos que ele não está nem aí para a educação.

    Posta aí campana

    #ForaBetoRicha

  2. VERDADE
    domingo, 24 de maio de 2015 – 19:58 hs

    Afinal quem eh Beto Richa? Não consegue nem se comunicar com a Fernanda que dirah com professores! Falta tudo para este sujeito, principalmente educação! Viche ridículo.

  3. CORINGA
    domingo, 24 de maio de 2015 – 20:21 hs

    100% CERTO A APP JÁ ULTRAPASSOU OS LIMITES , PRINCIPALMENTE AGORA QUE NUM ATO DE DESESPERO COMEÇA A INVADIR A VIDA PRIVADA DAS PESSOAS.PERDERAM O CONTROLE E A NOÇÃO DAS COISAS.

  4. CARLOS - GUARAPUAVA
    domingo, 24 de maio de 2015 – 20:52 hs

    Estou absolutamente indignado com a posição alienada e equivocada da APP -pois estou certo e convicto de manobras políticas lideradas por alguns baderneiros que se titulam “professores”.
    Sou pai de dois alunos que sempre estudaram em escolas Públicas e garanto que alguns professores não merecem sequer o que ganham hoje em termos salariais, não sendo injusto que a maioria faz e muito bem feito a função de educador.
    Senhores Professores, voltem às salas de aulas e mostrem suas capacidades de transmitir algo que seja mereçedor para seus alunos e a sociedade Parananense.

    so

  5. CARLOS - GUARAPUAVA
    domingo, 24 de maio de 2015 – 20:53 hs

    Estou absolutamente indignado com a posição alienada e equivocada da APP -pois estou certo e convicto de manobras políticas lideradas por alguns baderneiros que se titulam “professores”.
    Sou pai de dois alunos que sempre estudaram em escolas Públicas e garanto que alguns professores não merecem sequer o que ganham hoje em termos salariais, não sendo injusto que a maioria faz e muito bem feito a função de educador.
    Senhores Professores, voltem às salas de aulas e mostrem suas capacidades de transmitir algo que seja mereçedor para seus alunos e a sociedade Parananense.

  6. Carmem Fulgencio
    domingo, 24 de maio de 2015 – 20:59 hs

    Os que estão envolvidos com a baderna, massa de manobra do PT, e que já estão se organizando para amanha, não estão interessados no aumento, não se importam com os alunos que estão sendo prejudicados, ele querem é tumultuar, e como sempre tirar o foco do Governo Federal, essa vergonha que dia a dia pagamos por isso……………….vergonha alheia

  7. CARCAMANO
    domingo, 24 de maio de 2015 – 21:16 hs

    certo professores(as) bomba do helicoptero foi demais – não imagino de onde o cel kogut tirou essa ideia anormal – estamos com vcs. mas essa greve longa e a radicalizaçao está deixando a populaçao com medo de vcs

  8. Carla amorim
    domingo, 24 de maio de 2015 – 21:29 hs

    Governo fraco. Já deveria ter suspenso o pagamento dos grevistas. Tem que descontar. Tem que cobrar trabalho e trabalho de qualidade. Qual a meta desse governo para a educação?

  9. JONAS DA BALEIA
    domingo, 24 de maio de 2015 – 21:31 hs

    Sem misturar alhos com bugalhos Fábio… quero dizer que o governador tem q se dirigir a populaçao e dizer que vai combater a desigualdade social, mostrar onde ela ja melhorou, etc. O povo está se sentindo traído por todos os políticos. E não vê perspectiva de mudança. Por favor, invistam nessa área, não só em teoria, também na prática. O Sr. Carlos Alberto Richa, precisa ter peito e enfrentar os interesses corporativos. Está escancarado que a elite manda em grande espectro da política e o povo está cansado, desanimado. Pra quem tem Cristo, enxerga isso como uma tortura.
    O poder paralelo da …aria encrustada por muitos nichos do poder estatal trava o dinamismo da sociedade. Ninguém sobe sem estar vinculado aos participes. Em última análise, não é isso que o criador espera do mundo. Isso não é levado em consideração por (muitas) vezes. Quando assassina-se o espírito dos grandes mestres espirituais o que nos resta como seres humanos ? O comunismo é materialista e ponto. Mas e nós que teoricamente somos na maioria Cristãos ? Qual é a verdade que vivemos ?

  10. Carla amorim
    domingo, 24 de maio de 2015 – 21:32 hs

    Pode por o.Graco nas universidades estaduais. Tem gente recebendo Tide indevidamente. Transparência? Por que não há Transparência nas universidades estaduais? O que estão acobertando?

  11. Joao Sem Terra
    domingo, 24 de maio de 2015 – 21:49 hs

    Esta greve se tornou o maior instrumento de manipulaçao politica dos professores contra o governo, tanto que a Rede Globo/RPC de todas as formas mostra tais fatos e oculta os demais da operação Lava Jato.
    Como pais de alunos devemos acompanhar em nossas escolas os dias parados e pedir a confirmação dos descontos, já que quem não trabalhou também não pode receber.

  12. Sergio Silvestre
    domingo, 24 de maio de 2015 – 23:20 hs

    Mania tacanha de querer botar a culpa no PT pelo fracasso do governo Richa.
    90% da população está de olho e até seguindo os passos do governo e deputados alinhados que não estão tendo vida facil.
    Mas eles estão acostumados e apostam no esquecimento parece que dessa vez vai ser dificil;

  13. Luiz Belmiro
    domingo, 24 de maio de 2015 – 23:45 hs

    5% é o melhor que o governo pode dar? Então é melhor fechar as portas e apagar a luz. Admita de uma vez a incompetência administrativa e peça pra sair.

  14. Beto Guiz
    segunda-feira, 25 de maio de 2015 – 1:24 hs

    Interesse petista, desculpa esfarrapada. A verdade é que a inflação no período foi de 18% e essa deve ser a correção.
    Enquanto os comissionados, deputados e demais apaniguados tiveram altos aumentos, porque o funcionalismo “normal” deve ter apenas 5% em duas vezes?
    Quem quebrou o estado que concerte, com seu choque de gestão.

  15. Augusto
    segunda-feira, 25 de maio de 2015 – 8:22 hs

    Em primeiro lugar, se os professores voltarem ao trabalho não haverá interlocução! Em segundo lugar, reajuste no mínimo da inflação na data-base é um dispositivo contido em Lei, portanto não é um interesse do PT, e sim dos servidores.
    O errado nesta História é o governo do Paraná!

  16. Vigilante do Portão
    segunda-feira, 25 de maio de 2015 – 10:25 hs

    Luiz, quanto o Governo FEDERAL vai dar de reajuste para Os Servidores da União?

    5%.

    É verdade,
    A Gazeta ESCONDE.

    Esconde, do mesmo modo, o fato de outros Estados apresentarem problema idêntico.

    Veja o caso do RS, administrado (p/8 longos anos) pelo PT:

    O Governo, do PMDB, já anunciou REAJUSTE “ZERO”;

    Rio de janeiro, também, segundo informações, não vai pagar a Inflação (8,17).

    No caso dos Municípios, não se iluda, a situação é idêntica.

  17. VLemainski - Cascavel
    segunda-feira, 25 de maio de 2015 – 12:49 hs

    O Beto Richa foi eleito para administrar. E ao administrador é dada a obrigação de bem gerir e objetivar os bons resultados, as metas. Para tocar um governo irresponsável nem precisaria ser um administrador, poderia até ser um professor desses que encontramos por aí nas esquinas e ruas…

  18. Luiz Belmiro
    segunda-feira, 25 de maio de 2015 – 14:04 hs

    Então que o governo federal feche as portas também “Vigilante”, a incompetência de um não pode ser desculpa para incompetência do outro. Quanto aos demais partidos e estados, vale o mesmo raciocínio, 5% é um absurdo sim e ponto final.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*