Maria Victória considera absurda a hipótese de se licenciar da função | Fábio Campana

Maria Victória considera absurda a hipótese de se licenciar da função

maria victoria - alep

A deputada Maria Victória (PP) rechaçou nesta segunda-feira (13) as informações veiculadas no final de semana de que estaria prestes a se licenciar da função na Assembleia Legislativa. Segundo ela, a notícia é uma barbaridade. “Nunca cogitei essa hipótese, jamais falei sobre o assunto e fico chateada com a maldade que as pessoas têm”, disse na entrevista a Rádio Globo de Maringá.

“Estou aqui fazendo o bem e tentando fazer a diferença dentro da Assembleia para ajudar a melhorar a qualidade de vida dos paranaenses. Vocês, meus eleitores e a população paranaense, podem ficar despreocupados. Não penso em momento algum em pedir licença e muito menos renunciar”, completou.

Para a deputada Maria Victória, essas notícias infundadas são plantadas por pessoas incomodadas. “Não tenho motivo nenhum para fugir daquilo que me comprometi, que é representar os paranaenses aqui na Assembleia. Essas notícias infelizmente vão acontecer, porque só querem causar confusão. Ninguém chuta cachorro morto, sinal que devo estar incomodando alguém por aí”, afirmou. “Nunca fugi e nem desisti de nada da minha vida, por mais difícil que as coisas tenham sido. E não será agora que irei desistir”, finalizou.


3 comentários

  1. Sergio Silvestre
    segunda-feira, 13 de abril de 2015 – 19:31 hs

    Essa moçoila e o imberbe Francisquine são deputados miolo de caxi que para fazer purunga tem que jogar tudo fora,não serve pra nada

  2. Coxa-Branca
    segunda-feira, 13 de abril de 2015 – 20:35 hs

    Pobre política paranaense onde uma filhinha do papai e da mamãe brinca de ser deputada. Só rindo mesmo…

  3. Lorena
    segunda-feira, 13 de abril de 2015 – 21:50 hs

    Haja estratagema para puxar holofote.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*