GRPCOM diz que Lemanski não é proprietário da Novilho Nobre | Fábio Campana

GRPCOM diz que Lemanski não é proprietário da
Novilho Nobre

A Assessoria de Imprensa do Grupo Paranaense de Comunicação informa que a empresa Novilho Nobre, proprietária do caminhão que em acidente matou o artista plástico Magoo, deixou de ser propriedade de Mariano Lemanski e sua família há 10 anos. É o que segue:

“Sou da assessoria de imprensa do grupo e gostaríamos de esclarecer que, a respeito das informações divulgadas em sua coluna, o Grupo Paranaense de Comunicação – GRPCOM informa que há cerca de dez anos a família Lemanski deixou de ser sócia da empresa Novilho Nobre Indústria e Comércio de Carnes Ltda.”

Atenciosamente,
Bárbara Fernandes


3 comentários

  1. MARCELO ARAÚJO
    domingo, 26 de abril de 2015 – 17:16 hs

    Há uma outra versão: de que teria havido essa venda porém o comprador não teria honrado os pagamentos, e a empresa teria sido retomada pela família Lemanski. De qualquer forma não justificaria nem por um nem por outro viés que a Gazeta estivesse protegendo o nome da empresa e do seu responsável. Se não é o Lemanski, quem é? Outra coisa, por que o tacógrafo foi apresentado de forma separada do caminhão? Para atrapalhar a perícia?

  2. Sergio Silvestre
    domingo, 26 de abril de 2015 – 18:22 hs

    Lemanski está na investigação do governo do Paraná né,isso é tiro no pé,a RPC vai vim como um trator pra cima dele.

  3. Juca
    domingo, 26 de abril de 2015 – 19:17 hs

    Só informar não adianta, tem de mostrar o registro da alteração contratual na Junta Comercial!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*