Pedro Barusco abre a caixa preta da corrupção na Petrobras | Fábio Campana

Pedro Barusco abre a caixa preta da corrupção na Petrobras

pedro barusco - globo news

Não é sem razão que o governo Dilma, Lula, PT, PMDB, PP e assemelhados queriam impedir o gerente Pedro Barusco de depor na CPI da Petrobras. Neste momento, ele põe toda a sujeira no ventilador. De algo o PT e sua turma pode se ufanar. Conseguiu bater todos os recordes planetários de corrupção.

Via G1:

– “Comecei a receber propina em 1997, 1998. Foi uma iniciativa pessoal minha, junto com o representante da empresa. De forma mais ampla, em contato com outras pessoas da Petrobras, [passei a receber propina] a partir de 2003, 2004”, afirmou o ex-gerente da estatal.

– Barusco também voltou a dizer que “estima” que o PT tenha recebido entre US$ 150 mi e US$ 200 mi. “Cabia a mim, uma quantia, e eu recebi. Cabia ao PT uma outra quantia, o dobro. E eu estimo que pode ter sido até US$ 150 milhões a US$ 200 milhões. Não sei como o João Vaccari recebeu, se recebeu. Se foi doação oficial, se foi conta lá fora. Existia uma reserva de propina para o PT”, disse.

– Barusco explicou que devolverá aos cofres públicos a quantia de US$ 97 milhões. “Desses valores que recebi, e já esclareci para o MPF, desde 97, eu recebi e esse dinheiro era aplicado. Então eu separei em depósitos que seria a propina em si, e também os rendimentos financeiros. […] Então são US$ 70 milhões [em propina], e US$ 27 milhões são em rendimentos financeiros”, afirmou o ex-gerente.

– Segundo Barusco, o ex-diretor Renato Duque recebia pagamentos ilícitos em “todos os contratos” que envolviam propina na Diretoria de Serviços da Petrobras.

– Pedro Barusco afirmou que o ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa o apresentou Fernando Baiano, como “amigo”. “Eu nunca tive nenhum envolvimento com o Fernando”, enfatizou à CPI o ex-gerente de Serviços da estatal.

– Ao falar sobre a atuação de João Vaccari Neto no esquema de corrupção investigado na Operação Lava Jato, Pedro Barusco garantiu não conhecer outro “operador” do PT além do tesoureiro da legenda.

– Pedro Barusco voltou a dizer que passou a ter “contato” com o cartel que atuou na Petrobras a partir de 2003 ou 2004.

– Barusco ressaltou que, apesar de ser “amigo” de Duque, o ex-diretor de Serviços da Petrobras jamais comentou como ele sobre como foi a indicação para que ele assumisse o cargo na estatal.

– Barusco disse que repassou um valor oriundo de propina paga pela empresa SBM ao tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, para a campanha presidencial petista de 2010. “Foi solicitado a SBM um patrocínio de campanha, só que não foi dado por eles diretamente. Eu recebi o dinheiro e repassei num acerto de contas em outro recebimento”, afirmou, acrescentando que enviou o dinheiro “ao PT, ao João Vaccari”.


11 comentários

  1. Juca
    terça-feira, 10 de março de 2015 – 12:08 hs

    Dá para sentir o mau cheiro até pela internet!

  2. tadeu rocha
    terça-feira, 10 de março de 2015 – 14:52 hs

    É ISSO JUCA,,, MAIS OS PT QUE ESTÃO PERGUNTANDO , QUEREM DE QUALQUER JEITO QUE SR. PEDRO INCRIMINE O PSDB,

  3. BigPeter
    terça-feira, 10 de março de 2015 – 16:10 hs

    O pior, é saber que tem idiota que mesmo assim não acredita. A mula continua achando que tudo não passa de invencionices da “imprensa golpista”
    Esse petê, antes de uma quadrilha, é uma seita de fanáticos fundamentalistas. Deus que nos livre dessa praga, imediatamente. Antes que se tornem um novo Isis, ou um Estado Islâmico tupiniquim.
    O braço armado eles já têm: O MST, que junto com o PCC, formam um formidável exército.

  4. jaime rodrigues
    terça-feira, 10 de março de 2015 – 16:12 hs

    pelo amor dos meus filhos

    que país é ESte,

    fora ratos da política, fora ´mensaleiros, fora LULLA

  5. Helena
    terça-feira, 10 de março de 2015 – 17:08 hs

    Assisti o interrogatório deste senhor Barusco, algo chamou-me atenção , enquanto a maioria dos parlamentares questionava esse senhor, os poucos parlamentares do PT que estavam presentes, só faziam discurso DEFENDENDO o PT, ou melhor, defendendo os ladrões e corruptos que saquearam as empresas públicas brasileiras.

    Então fica uma pergunta: Será que a Pres. Dilma sabe disso?!.Porque ela vive pregando pela mídia que não suporta corrupção e que “mandou investigar” o que fizeram com a Petrobrás!
    Quanta dissimulação!!!
    Os parlamentares petistas não fazem perguntas aos investigados da CPMI, e sim só os defendem!!!
    Isso é o mesmo que chamar o povo brasileiro de burrrrrro!

  6. Sergio Silvestre
    terça-feira, 10 de março de 2015 – 17:44 hs

    Se ele começou receber em 97 então foi quem que comandava a propina,oPT ???????Até fora do poder o P´T pegava propina da Petrobras??????Não entendi.

  7. claudinha
    terça-feira, 10 de março de 2015 – 18:09 hs

    “Comecei a receber propina em 1997, 1998,
    Desses valores que recebi, e já esclareci para o MPF, desde 97, eu recebi e esse dinheiro era aplicado.
    Quem estava no comando quando tudo começou, assim como o mensalão e tantos outros ?

  8. FUI !!!
    terça-feira, 10 de março de 2015 – 18:32 hs

    O Barusco vai devolver a bagatela de US$ 100 milhões !? Só de propina ??
    Imaginem quanto dinheiro rolou nestas roubalheiras que envolvem polí-
    ticos e empresários. Dá nojo saber que vivemos em um país onde uma
    grande parte do dinheiro que pagamos de impostos acabam na mão de
    governantes corruptos. Cadê o Lula e curriola que fizeram de tudo para
    bloquear a CPI da Petrobrás ? Tem que meter todos estes caras na cadeia !!

  9. Luigi
    terça-feira, 10 de março de 2015 – 22:27 hs

    É, aos pobres (de raciocínio!) petistas sobra apenas aquilo de que mais gostam de fazer, depois da corruPTção: tapar o sol com a peneira.

  10. NA CORDA BAMBA
    quarta-feira, 11 de março de 2015 – 6:33 hs

    Já que o povão burro deixou entrar no Brasil esta praga chamada de PT
    e permitiu que alastrasse como um verdadeiro cupim, ficou a missão quase
    impossível de erradicar totalmente esta turma. Precisamos aproveitar a
    ocasião para enterrarmos de vez esta roubalheira e espulsarmos o PT
    do Brasil porque já estamos com a cabeça e o corpo dentro de Cuba. Falta
    muito pouco…

  11. Juca
    quarta-feira, 11 de março de 2015 – 13:07 hs

    Claudinha, o PT entrou, gostou e continuou. Porque não parou tal prática e detonou o PSDB? Em 12 anos não teve tempo?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*