Coutinho, do BNDES, assume o Conselho de Administração da Petrobras | Fábio Campana

Coutinho, do BNDES, assume o Conselho
de Administração
da Petrobras

Foto: Fábio Rossi – Agência O Globo luciano coutinho - foto fabio rossi - o globo

d’O Globo:

O ex-ministro da Fazendo Guido Mantega renunciou ao cargo de presidente do Conselho de Administração da Petrobras. Para seu lugar, foi nomeado, por maioria, Luciano Coutinho, presidente do BNDES, que ocupará o cargo interinamente. A estatal diz que não foi eleito um novo conselheiro.

Luciano Galvão Coutinho é membro do Conselho de Administração da Petrobras desde abril de 2008. Além disso, também integra o Conselho de Administração da Petrobras Distribuidora.

A nomeação de Coutinho para a presidência do conselho, assim como a do advogado Luiz Navarro, nomeado conselheiro em substituição a Márcio Zimmermann na reunião de 27 de fevereiro, poderão ser renovadas ou não na próxima assembleia-geral extraordinária que pode vir a ocorrer em abril. No mês que vem vencem os mandatos de todos os dez conselheiros da estatal.

Conforme dispõem a Lei das Sociedades Anônimas e o Estatuto Social da Petrobras,essas nomeações são válidas até a próxima assembleia-geral de acionistas.

Leia a íntegra da nota divulgada pela Petrobras:

Rio de Janeiro, 26 de março de 2015 – Petróleo Brasileiro S.A. – Petrobras informa que o Sr. Guido Mantega renunciou, nesta data, ao cargo de Presidente e membro do Conselho de Administração da Petrobras. O Conselho de Administração, em reunião também realizada hoje, aprovou, por maioria, a eleição do Conselheiro Luciano Galvão Coutinho para ocupar o cargo de Presidente do Conselho, em substituição ao Conselheiro Guido Mantega. Não foi eleito novo Conselheiro.

Luciano Galvão Coutinho já é membro do Conselho de Administração da Petrobras desde abril de 2008. Além disso, também integra o Conselho de Administração da Petrobras Distribuidora S.A. e preside o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) desde abril de 2007.

Essa eleição, conforme dispõem a Lei das Sociedades Anônimas e o Estatuto Social da Petrobras, é válida até a próxima Assembleia Geral de Acionistas“.


2 comentários

  1. RISADINHA
    sexta-feira, 27 de março de 2015 – 12:59 hs

    A raposa para cuidar do galinheiro.

  2. sexta-feira, 27 de março de 2015 – 14:33 hs

    Essa é um prêmio por não fornecer os dados do BNDS que todos reclamam e exigem para aqueles que o indagaram. Transparência é o mínimo que se requer do Banco. Vai ter que mostrá-los por BEM ou po MAL.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*