APP procura pretextos para prolongar a greve dos professores | Fábio Campana

APP procura pretextos para prolongar a greve dos professores

Em greve desde o dia 9 de fevereiro, os professores da rede estadual de ensino, comandados pela APP Sindicato, mantém a greve apesar de ter todas as reivindicações atendidas desde o dia 20 (sexta-feira retrasada). A assembleia para decidir sobre o destino do movimento foi marcada para quarta-feira, dia 4, e fontes do próprio sindicato, sugerem que existe uma possibilidade de as aulas voltarem na segunda-feira, dia 9.

À volta as aulas na segunda, dia 9, no entanto, é considerada uma previsão bastante otimista. Desde que a APP teve sua pauta atendida pelo governo o movimento ganhou conotações nitidamente políticas e as demandas da categoria se tornaram vagas. Nos bastidores do movimento a informação é de que existe uma orientação nacional do PT para que os sindicatos controlados pelo partido, como é o caso da APP, estendam as paralisações até a metade do mês quando existem manifestações nacionais programadas a favor (dia 13 de março) e contra (15 de março) o governo Dilma Rousseff.


44 comentários

  1. mauro
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:07 hs

    Gentileza corrigir a nota, onde se lê APP, leia-se PT!

  2. Jose Rosa
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:13 hs

    LEIA PT, REQUIAO, GLEISI,,,

    CORTA O PONTO, CORTA O SALARIO DO MES.

  3. junior MARIANO
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:16 hs

    SERÁ QUE SÃO PROFESSORES OU SEGUIDORES DO PT

  4. jaime rodrigues
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:23 hs

    pt, mst, app, tudo farinha do mesmo saco.

  5. Suely Walter
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:25 hs

    …teve sua pauta atendida pelo governo…? atendida ou prometida???

  6. Antonio Alvaro Rosar
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:25 hs

    Que vergonha, ainda bem que estou aposentado.

  7. ana cristina
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:29 hs

    qdo o senhor governador ira assumir sua incompetencia?

  8. LUIZ
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:34 hs

    É SÓ MAIS UM RAMO DA QUADRILHA petista.

  9. Juvêncio
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:34 hs

    professores viraram massa de manobra dos petralhas da APP

  10. Juca
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:46 hs

    Suely, Ana Cristina vão achar o que fazer. Vocês querem que o Governador corra para pagar as contas na hora? Vocês são típicos petezistas, porque não vão pedir dinheiro para o Requião e a Gleisi, esses tem dinheiro a dar com o pau, inclusive subtraído dos cofres do Paraná. Esses professores estão se comportando como idiotas sob o comando daquele leãozinho e do PT apoiados por Requião e Gleisi que não se conformam com o vexame eleitoral nas ultimas eleições. Quero ver quando o Governador descontar os dias que ficaram parados fazendo política se vão fazer outra greve. Está mais que na hora do Governador meter o p´e no trazeiro destes e contratar outros, que querem efetivamente trabalhar.

  11. Jair
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:48 hs

    Quem sabe ler, sabe que é mentira que o governo atendeu todas a reivindicações. Somente há promessas para os meses futuros, se houver disponibilidade financeira e pelo histórico de promessas não cumpridas do Richa não condeno os professores que não acreditam nele e em sua promessas.

  12. LENZA TOLEDO
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 11:54 hs

    As pessoas lembram PT, MST, APP e esquecem da CPT(Comissão Pastoral da Terra), um dos tentáculos do PT. Você que é proprietário de terra(áreas maiores) é bom informar-se a respeito da CPT.

  13. josi
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 12:33 hs

    somente promessas virou o governador o pagador de promessa, mentiroso e tudo quem decide é em assembleia, a app sozinha não decide nada

  14. gaudêncio
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 12:36 hs

    Petralhas apanhados em flagrante no petrolão querem criar tumulto para salvar a governanta do impeachment. Não vai funcionar.

  15. Valdinei Fernandes Feliciano
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 12:43 hs

    Pretexto eu não digo, mas motivo tem de sobra……

  16. marco
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 13:21 hs

    SUGIRO ASSISTIREM A REPORTAGEM DA RPC TV 1 EDIÇÃO.- 02/03/15. A ESCOLA ESTA UM MATAGAL.SÓ SUGIRO.. AOS PAIS QUE ESTÃO AQUI NO BLOG DEFENDENDO O PIA DE PRÉDIO, MANDAREM SEUS FI LINHOS BEM NASCIDOS ESTUDAREM EM UMA ESCOLA QUE PARA ABANDONADA .

    TENHAM A SANTA PACIÊNCIA ESTA TUDO LARGADO, MATO PARA TODO LADO .. PAREM COM ESSA CONVERSA DE PT,MST E SEI LA MAIS O QUE.. AS ESCOLAS ESTÃO UMA M..E A CULPÁ É DO BETO RICHA

  17. segunda-feira, 2 de março de 2015 – 13:22 hs

    Como diria Boris Casoy É UMA VERGONHA.

    Sei de muitos professores que estão com vergonha, perceberam, que é apenas uma jogada política do PeTistas

    Pelo jeito o PT deu mais um tiro no pé, e só a turminha paga que está a fazer barulho, mas o paranaense não é bobo, é sempre bem informado e já acordou faz tempo

  18. MAD MAX
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 13:31 hs

    Perguntas: Se a mais tensa das reuniões entre APP e governo demorou 6 horas, por que a reunião entre direção e dirigente sindicais demorou 10 horas? Por que, mesmo tendo marcado assembleia geral, a APP se apressou em querer novas rodadas de negociação? Se a greve é apartidária, o que faziam bandeiras da CUT, MST, UNE, PSTU, entre outras, durante a invasão da assembleia legislativa?

  19. Suely Walter
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 13:43 hs

    Juca, vc deve ser um “juca” mesmo. Eu não sou o governador que disse que as contas estavam sanadas e logo depois da eleição a grana havia “sumido”. Não sou PT, não sou professora. Garanto que vc não foi ensinado a respeitar os mestres e tbém não deve ter filhos na escola pública do PR. Para se informar melhor, leia o comentário acima, do marco. Deixe de ser puxa-saco e arruma um tanque de roupa prá lavar.

  20. AVULSO
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 13:55 hs

    VÃO PROLONGAR ATÉ O DIA 15 DE MARÇO, PARA CONFRONTAR COM O RENUCIA DILMA.

  21. segunda-feira, 2 de março de 2015 – 14:12 hs

    Triste ver uma das classes nobres – que são os professores – se transformarem em fantoches do PT, CUT e caterva. Não esqueçam que VADIAGEM é uma infração penal e uma doença que pega. Saiam dessa professores, se é que alguns ainda têm raciocínio suficiente para dizimar essa desgraça.

  22. Fernanda
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 14:41 hs

    Acho que vão prolongar até dia 15 de março, enquanto isso os estudantes são os maiores prejudicados, sou estudante de curso técnico e será que conseguirei me formar diante dessa greve?

  23. PRIORADO DE SIÃO
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 14:44 hs

    hoje ouviu professores tentando justificar a continuidade da grave, certamente de acordo com orientação do sindicato: “é porque o governador não se comprometeu a não mexer na previdência”.
    Sabemos que isso vai ser debatido na Assembleia, e vai levar alguns meses. Enquanto isso os professores tem de trabalhar e o sindicato acompanhar os movimentos do governo e do legislativo. O MOTIVO IMEDIATO ACABOU, FORA GREVE !

  24. Gardel
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 14:49 hs

    Se quiser perder sua popularidade, apareça na companhia de petistas. Desprezam qualquer princípio de conduta, em suas ações, fica evidenciado a rudeza de caráter. A cada manifestação, tem aumentado os grupos de criminosos que espalham terror. O PT e seus aliados estão destruindo as instituições.

  25. Antonio Alvaro Rosar
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 15:43 hs

    Só faço um desafio aos Ptbas que coloquem somente um 13 no carro e sai nas ruas, dai vocês mostram quem são……. duvido.

  26. Antonio Alvaro Rosar
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 15:44 hs

    Estão esperando para o dia 15 para ficar do lado do mais forte, né Ptistas.

  27. Strapasson
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 16:03 hs

    Suely: ” arruma um tanque de roupa prá lavar.” Como classificar essa expressão vindo da parte de uma mulher”?”

    Da minha parte, entendo assim: existem as reinvidações, vai-se para a mesa de negociações e existem os acordos. Acordos implicam em os lados envolvidos cederem um pouco, dentro das possibilidades reais. Se o acordo não for cumprido, retoma-se a greve.

    Nunca vi, esperar todos os acordos serem cumpridos para se retornar de uma greve.Suspendam a greve e declarem estado de greve e vamos voltar para a sala de aula!

    Ah, mais têm dia 13 de março, têm de 15 de março. Esse que é o busilis! Claro que é uma greve partidária. A APP é partidária! Não saiu a bandeira do Paraná e no seu lugar foi colocada as bandeira dos partidos que estão inseridas tal qual irmãos siameses na APP.

    Recebi meu salário hoje, e não trabalhei!

    E sei muito bem como são essas reposições.

  28. jose carlos pinto
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 16:21 hs

    A LEGITIMA MASSA DE MANOBRA PARA ENCOBRIR AS CAGADAS E AS ALTAS QUE DONA DILMA EMPURROU GOELA ABAIXO COM LUZ, CIDE, COMBUSTIVEIS E OUTRAS COSITAS MAIS. A APP E O MST NAO MOVE UMA PEDRA EM DEFESA DOS CAMINHONEIROS, A CUT, FORÇA SINDICAL CADÊ ESSE POVO DOS SINDICATOS PARA DEFENDER O PAI DE FAMILIA QUE DIRIGE UM CAMINHAO ATÉ 18 HORAS DIARIA, NA BOLEIA.

  29. beyth
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 16:54 hs

    Ouve-se que estão apagando as luzes de todos os programas federais sociais no país…Que houve….em dezembro o discurso era que continuariam????

  30. Juca
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 17:01 hs

    Só para replicar Suely.
    Eu estudei em escola pública desde o 1º ano até o 5º ano de um curso superior na Universidade Federal do Paraná.
    Naquele tempo os professores ensinavam e o ensino prestava.
    Sempre respeitei os “mestres”, em casa não se comia com boné na cabeça, não se sentava à mesa sem camisa, não se chamava pai e mãe de você.
    Na escola os alunos não destruíam o patrimônio público como fazem hoje, razão pela qual grande parte das escolas está deteriorada. Os alunos não mascavam chicletes durante a aula, não andavam de brinquinho e calça rasgada. Claro, sou Juca mesmo, porque não Mané também.
    Tenho um filho que devido a má qualidade do ensino público no Paraná estudou sempre em escolas particulares. Não quero dizer que todos os professores são ruins e que a escola pública não presta. Existem excessões. Não sou puxa saco, não apoio caloteiros. Mas você acha, não me ofende.
    E para mim, ao contrario do que você pensa, de família pobre sempre valorizei a escola pública. Hoje posso dizer que sou bem de vida.Mas como a vida não é só de coisas boas, não vejo como humilhação um homem lavar roupas. Eu mesmo faria isso se fosse necessário, ppois para quem é humilde por natureza, isso não seria humilhação.
    Não defendo o governador não posse ser classificado como puxa saco. Mas repito, você é que tem de achar o que fazer, porque a hora que o PT cair, ninguém vai te defender.

  31. jaime rodrigues
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 17:20 hs

    corta o ponto destes petistas baderneiros.

  32. Indignada II
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 18:55 hs

    Strapasson vc não passa de um ignorante (não sabe nem o que está falando)! A greve já foi deflagrado por promessas que vinham se estendendo ano a ano. Há atrasos desde Jan/2014 com progressões, que ainda estão nas promessas. Por favor vá visitar uma escola e veja as condições e só depois se coloca em condições de dar pitaco no assunto. Saiam deste mundo de ignorância, falando daquilo que desconhece! Hoje estamos nas ruas mostrando a importância da educação pública e pedindo apoio à sociedade. Por favor, só não nos peça para mendigar merenda, papel higiênico etc, pois o governo está tentando nos tirar tudo o que construímos durante mais de vinte anos. Esta tarefa não é nossa. Queremos a Educação Básica e não a Educação Mínima.

  33. SÉRGIO
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 20:38 hs

    Já está na hora de voltar… Daqui um pouco, vai faltar dias no ano para o cumprimento do Calendário Escolar. Como fica o ENEM??? Quem vai pagar o prejuízo que os estudantes terão este ano??? Você que está parado, tem filho na Escola Pública???
    Vamos analisar:
    “Se a telefonia estivesse na mão do estado, como estaria”???
    Que tal a educação, também, seguir o exemplo da telefonia???
    É para pensar!!!
    O que está acontecendo??? Os estudantes estudam o fundamental e o médio, em escolas públicas… Depois, se quiserem fazer faculdade, estudam em Instituições Particulares… Os que estudaram o fundamental e o médio em escolas particulares, fazem federal depois… Analisem!!!

  34. segunda-feira, 2 de março de 2015 – 22:33 hs

    Não votei no Beto Richa…mas é duro ver os professores comportando-se como coitadinhos. Faz muito tempo que não são coitados. Não têm compromisso com a melhoria efetiva da educação.Porquê não incluem na pauta de reinvindicações uma mudança global no projeto pedagógico. Estão sobrando vagas no ensino médio pois o ensino é mediocre. Nossos jovens saem da escola semi analfabetos; não sabem fazer uma redação corretamente. Não dá para contar as mesmas mentiras que nos contavam há 30 anos atrás.
    apresentem resultados…melhorem os indices de fofmação dos nossos jovens que vocês voltarão a ter o respeito da população.
    Fora Beto caloteiro.

  35. altaiir
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 22:48 hs

    fora dilma e fora beto richa

  36. Zé Venancio
    segunda-feira, 2 de março de 2015 – 23:25 hs

    Não há como enrolar os mestres com falácias, meu caro Campana…
    É como diz o povo: governador: ou dá, ou desce!!!

  37. jacques brody
    terça-feira, 3 de março de 2015 – 7:39 hs

    Essa greve, que começou com reivindicações objetivas, se tornou política e se estende por motivos partidários. A APP é um instrumento do PT onde o que menos importa é o interesse do aluno, o grande esquecido neste movimento.

  38. Jose Rosa
    terça-feira, 3 de março de 2015 – 8:06 hs

    SANGUESUGA DO DINHEIRO PUBLICO

  39. QUESTIONADOR
    terça-feira, 3 de março de 2015 – 12:48 hs

    -Falta bom senso de ambos os lados!!!
    -Do lado do governador, não quer perder a popularidade(já perdida) e tampa o “sol com a peneira”. Suas intenções nunca são o que parecem.
    -Do lado da APP há muita radicalização exacerbada pela bandeira de partidos políticos. Estes partidos estão usando a greve para desacreditar o atual governo.
    -No meio de todo o tiroteio, estão nossas crianças, nossos filhos, sobrinhos, perdendo aulas e tempo…
    -Há muito tempo neste País, a educação deixou de ser prioridade e no Paraná, não seria diferente!!!!

  40. Vera
    terça-feira, 3 de março de 2015 – 18:19 hs

    Essa greve é altamente partidarizada e os professores são fantoches do PT! Assim desviam a atenção dos desmandos do PT. Que cenário triste, e isso que o salário deles está em dia. Pobres alunos.

  41. terça-feira, 3 de março de 2015 – 21:16 hs

    Tem gente que não sabe o que estão dizendo…..Primeiro estuda bastante, depois dê o seu palpite……..

  42. Iolanda dos Anjos Chini
    quarta-feira, 4 de março de 2015 – 14:38 hs

    Sem entrar no mérito e sem delongas, garanto para vocês leitores, não é a APP. Quem decidiu pela continuidade da greve foi a CATEGORIA. Coitada da APP, apanha dos dois lados.

  43. mauricio souza
    quarta-feira, 4 de março de 2015 – 16:11 hs

    Não se choro ou dou risada. Atrasar o terço de férias, não pagar promoções, não pagar o fundo rotativo (sabia que tem diretor devendo do seu próprio cpf para o mercadinho da cidade?), não cumprir a lei do piso é coisa de gente honesta. Errado está quem decide exigir o cumprimento da lei. Essa guinada à direita dada por alguns, não passa de analfabetismo funcional. Triste.

  44. Mauro
    quarta-feira, 4 de março de 2015 – 23:10 hs

    Olha, Sr. Fábio
    O que a APP usa não são pretextos, posso te garantir.
    O que a APP reivindica são direitos historicamente adquiridos e que o
    Sr. Governador Beto Richa pretende nos tirar. Muita coisa da pauta da APP não foi atendida ainda, principalmente no que tange a respeito da Paranáprevidência. Não existe uma garantia formal de que o governador não irá tomar posse desse dinheiro que foi depositado por todos os servidores públicos para que um dia pudessem ter a sua aposentadoria.
    Pelo jeito o Sr deve ser do partido do governo, esse famigerado PSDB que pouco se importa com o que o povo conquistou até agora. Chegou a subornar deputados e juízes dando-lhes um certo aumento de salário.
    O sr nunca deve ter sido professor na vida. Por acaso o senhor sabe o que é estar a frente de uma sala de aula? Acredito que não. Pelo que entendo no seu modo de escrever é que o senhor não entende nada do que está acontecendo.
    Portanto, para de escrever esse monte de besteira e procure conhecer um pouco melhor essa causa.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*