Para sair do buraco | Fábio Campana

Para sair do buraco

Foto: Marco Oliveira – Site Oficial Atlético Paranaense
gomyde - marco oliveira - site oficial cap

“Atualmente, no cenário nacional do futebol, há um buraco no Estado do Paraná”, disse Ricardo Gomyde, candidato à presidência da Federação Paranaense de Futebol, em entrevista coletiva realizada na tarde de hoje (23) no hotel Bourbon em Curitiba. Os presidentes de Atlético, Coritiba e Paraná, além de representantes do futebol amador, também estiveram no evento para declarar apoio à chapa liderada por Gomyde, que tem o advogado Juliano Tetto na vice-presidência. A oposição enfrentará nas urnas o atual presidente da FPF Hélio Cury. A previsão é de que a eleição aconteça no mês de abril.

Leia os principais tópicos discutidos na entrevista.

Críticas

Os entrevistados criticaram a falta de incentivo ao futebol amador e ao futebol do interior. Lamentaram o fato de o Campeonato Paranaense deste ano não contar com um patrocinador master nem ter iniciativas para levar o torcedor ao estádio e aumentar a arrecadação dos clubes. Petraglia disse que o Atlético tem “sobrevivido” às recentes gestões da FPF.

Propostas
Bacellar defendeu a perspectiva da valorização do futebol amador para, consequentemente, fortalecer o futebol profissional paranaense. Para o presidente coxa, um futebol amador forte pode ser a principal fonte para a formação dos times profissionais do Estado. Petraglia defendeu um projeto para ajudar o Paraná Clube a se reerguer, prometendo, desde já, o empréstimo de jogadores ao tricolor para a Série B deste ano. Bohlen prometeu para o jogo contra o Coritiba iniciativas semelhantes às realizadas no Atletiba, a fim de conscientizar os torcedores de que a rivalidade e a disputa devem se limitar às quatro linhas. Gomyde prometeu uma federação mais moderna e com maior representatividade junto à CBF. De um modo geral, os dirigentes foram unânimes na questão de lutar por uma melhor divisão de dinheiro entre os clubes do Brasil e um calendário melhor organizado.

Integração, SC e CBF

Uma das palavras mais mencionadas durante o encontro foi integração. Presidentes de Atlético, Coritiba e Paraná destacaram insistentemente a necessidade de uma integração entre os líderes do futebol local para colocar o Estado novamente na elite do futebol nacional. Petraglia lamentou as frustadas tentativas de aproximação com Gionédis e Vilson Ribeiro de Andrade (veja aqui). A comparação com Santa Catarina, que antes era um futebol de menor expressão e hoje tem 4 representantes na Série A, também foi recorrente no encontro. Petraglia (Atlético), Bacellar (Coritiba) e Bohlen (Paraná) destacaram a importância de ter, com Gomyde, representatividade na CBF. De acordo com Gomyde, a relação com a Confederação Brasileira não será de submissão.

Apoio

Além do apoio dos dirigentes de futebol, a chapa de Gomyde conta com o prestígio de autoridades políticas. Na tarde de hoje, Richa recebeu a chapa de oposição e declarou apoio ao grupo. Com a parceria com o governo estadual, Gomyde pretende transmitir pela E-Paraná jogos do Futebol Amador e da Segunda e Terceira Divisão. Ratinho Jr. foi outro a aderir à oposição, colocando a disposição os veículos da Rede Massa para fortalecer o futebol do Paraná. Amanhã (24), o grupo se encontrará com Fruet.

Processo eleitoral

Gomyde não poupou críticas ao processo eleitoral da FPF que, segundo o candidato, beneficia o atual presidente e cria uma série de dificuldades para a legitimação de uma chapa de oposição. Mas, apesar das amarras do estatuto, Gomyde garante ter o número de assinaturas suficiente para a inscrição de sua chapa.


13 comentários

  1. Carlão
    segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015 – 21:07 hs

    sai dessa rapaz, vai perder de novo!

  2. Álvaro
    segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015 – 21:24 hs

    Vai perder mais uma.

  3. zé do mato
    segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015 – 21:29 hs

    Votantes da federação. Muito cuidado com candidatos ligados à política. Especialmente ligado ao PT.

  4. Zé Venancio
    segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015 – 21:52 hs

    Não ganha nem se não tiver adversário!
    Perde até no bafo prá mulecada de escola!
    Não ganha nem prá síndico!
    Se perder pro Gomyde vai empatar com quem???
    Gomyde eleito prá alguma coisa????
    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!!

  5. segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015 – 21:54 hs

    ESSA CARA NUNCA TRABALHOU!!!SÓ QUER TETA TETA E MAIS TETA!!!!O BICO SECA AQUI ELE VAI ALI SECA ALI E VAMOS P LA….SEMPRE A MESMA CONVERSINHA DE BOTECO CARA PINTADA CARA PINTADA,AE VEIO COM A CONVERSA DE SENADOR LEVOU UMA ENXURRADA DE VOTO!!!!NÃO SE ELEGIA NEM DE DELEGADO DE QUARTEIRÃO!!!AGORA VEM DE VOLTA COM PAPO DE FUTEBOL DE ATLETA HA PARE CARA VAMOS ARREGAÇAR AS MANGAS E ARRUMA OS GRAMADOS QUE VC DESTRUIU NA SUA CAMPANHA CHAVISTA….A ENXADA DAMU UM JEITO!!!!MAIS DEIXE KIÉTO ELE NUM VAI ALIAS NÃO SABE O QUE É TRABALHAR…..

  6. Desmemoriado
    segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015 – 23:48 hs

    Críticas ao estatuto e a regra eleitoral? Entao pode dirigi-las ao seu vice que as fez juntamente com o regulamento do campeonato que possibilitou o supermando do atlético.,. Eita gente cara de pau!

  7. BigPeter
    terça-feira, 24 de fevereiro de 2015 – 2:18 hs

    Não passa de um playboy. Um comunistazinho ligado umbilicalmente a Lulla, Dilma, e ao resto do bando, e que nuna trabahou.
    E nós todos sabemos qual é a especialidade dessa turma vermelha…

  8. VISIONÁRIO
    terça-feira, 24 de fevereiro de 2015 – 5:09 hs

    Este cara ainda não percebeu que a vida política dele mal começou
    e já acabou moralmente. Associar-se com a Gleisi e curriola é no mí-
    nimo um atraso de vida.

  9. MARCO
    terça-feira, 24 de fevereiro de 2015 – 8:01 hs

    LENDO A MANCHETE, ACHEI QUE A MATÉRIA SE REFERIA A SITUAÇÃO FINANCEIRA DO GOVERNO PARANÁ.

  10. Jacinto Pena
    terça-feira, 24 de fevereiro de 2015 – 9:06 hs

    SE HOJE ESTA RUIM IMAGINEM COM O GOMYDE NA PRESIDÊNCIA DA FEDERAÇÃO PARANAENSE DE FUTEBOL.

    LEMBRAM-SE DA CPI DOS BINGOS NA CÂMARA DOS DEPUTADOS, NA QUAL O GOMYDE FAZIA PARTE??

    NO QUE DEU?? QUAL RESULTADO??

    NADA!!

    AS RAZÕES?????

  11. ciro
    terça-feira, 24 de fevereiro de 2015 – 11:31 hs

    Ė um playboizinho fajuto q se beneficia do poder nao importando quem esta nele. Nao é d nada. Pior faz parte da grande quadrilha do governo federal.

  12. Luiz Inácio Finger Nono
    terça-feira, 24 de fevereiro de 2015 – 16:04 hs

    Esse meliante que desfila com roupas de grifes, declarou na justiça eleitoral patrimônio de 10 mil reais e que vive nas custas da família da esposa dele, quer fazer do Futebol paranaense o que Agnelo Queiróz fez do Governo de Brasília. Fali-lo.
    É um Zé ninguém que vai ter de ficar fugindo dos oficiais de justiça daqui uns dias pelas cagadas cometidas na eleição de Senador.
    Vive de maracutaias e dos esquemas, foi invetado pela dona Marlene Pereira, esposa do ex governador Mário Pereira e foi bancado pelo governo Requião, quando seu Secretário.
    Hoje vive às custas do acerto com o PT da Gelisi e Dilma.
    A papuda o espera.

  13. josé Carlos do Amaral
    quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015 – 7:55 hs

    Só pode ser brincadeira… esse Gomyde nunca trabalhou na vida. Vive pendurado em cargo público. Nunca produziu nada pelo Esporte. Veja a passagem dele pela Paraná Esportes. Nem mais do mesmo consegue ser… é menos do mesmo. Desse jeito nosso futebol só tende a piorar…

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*