Greve dos caminhoneiros esquenta o clima para as manifestações pelo impeachment de Dilma | Fábio Campana

Greve dos caminhoneiros esquenta o clima para as manifestações pelo impeachment de Dilma

greve_de_caminhoes_1
Quando era oposição, o PT cobrava negociação para superar impasses trabalhistas – jamais a polícia. No governo, Dilma preferiu chamar a polícia para reprimir grevistas

Ricardo Noblat

Qual foi a inteligência rara que aconselhou a presidente Dilma Rousseff a chamar a polícia ao invés de negociadores para tentar acabar com a greve dos caminhoneiros?

O pior: a ideia pode ter partido da própria Dilma, uma pessoa de formação áspera, encrespada, violenta no trato com seus subordinados.

O que Dilma não parece entender é que subordinados nada têm a ver com governados. Subordinados são obrigados a obedecer a ela – ou a se demitirem. Governados podem dispensá-la.

A greve dos caminhoneiros serve a um propósito não previsto – o de aumentar o mau humor de um setor importante da economia às vésperas de manifestações marcadas para o próximo dia 15.

Tais manifestações pedirão o impeachment de Dilma. O governo receia que elas sejam bem sucedidas principalmente em São Paulo e em alguns Estados do Sul. Ali é reduto do PSDB.

Reunido ontem em São Paulo, o alto comando do PSDB decidiu que o partido não participará das manifestações – mas nada impede que vários dos seus líderes saíam às ruas por sua conta e risco.

O eventual impeachment de Dilma só beneficiaria o PMDB do vice Michel Temer. E o PSDB acabaria obrigado a se compor com o PMDB para juntos governarem.

É mais cômodo para o PSDB esperar que o segundo mandato de Dilma seja um fracasso para que ele tente derrotar o PT daqui a quatro anos.

Quando era oposição, o PT cobrava negociação para superar impasses trabalhistas – jamais a polícia. No governo, Dilma preferiu chamar a polícia para reprimir grevistas.
Greve dos caminhoneiros (Foto: Divulgação)


7 comentários

  1. ferreira
    sábado, 28 de fevereiro de 2015 – 20:45 hs

    O Brasil precisa de alguém com integridade moral, que liquide as raposas eponha ordem nesse galinheiro.

  2. valdir bassai
    sábado, 28 de fevereiro de 2015 – 21:41 hs

    Quando o mst invade terras e são emitidos ordem de desocupação a turma dos vermelhinhos fazem de tudo para ordem juducial não serem cumpridas.
    Tratam os invasores como heróis, são recebidos por autoridades.

    Ja os caminhoneiros! Hummm ah esses são desocupados, baderneiros, tratados como marginais. A ordem judicial nesse caso é cumprida de imediato, com direito a multas e processos caso desobedeçam as ordens judiciais.

    Caminhoneiros VCS são valentes e como dizem: sem caminhão, o Brasil para.
    Vocês são os verdadeiros Heróis.

  3. Luiz Eduardo
    sábado, 28 de fevereiro de 2015 – 22:56 hs

    COMO É PETEZADA! COMO É EXPERIMENTAR O PRÓPRIO VENENO? CRITICAVAM A POLÍCIA, PRINCIPALMENTE A PM, AGORA SE VALEM DA PM PARA INTERVIR NAS MANIFESTAÇÕES E PARALIZAÇÕES? VOCÊS SÃO INCOMPETENTES. ENSABOARAM BEM O RABO O POVO, NÃO ESTÃO AGUENTANDO E AGORA QUEREM POR, EM OBRO, NO RABO DO PRÓPRIO POVO? TIREM ESTA MERDA DO LEVY E COLOQUEM EM SEU LUGAR ALGUÉM MAIS ESTRATÉGICO, QUE PONHA NO RABO O POVO DEVAGARINHO, GRADATIVAMENTE, FORA A DOUTRINA O MAQUIAVEL. A COISA CAMINHA PARA A DESOBEDIÊNCIA CIVIL, OU MELHOR, PARA A REVOLTA POPULAR. FAÇAM MAIS UMA COPA! DOEM MAIS DINHEIRO PARA CUBA, BOLÍVIA, VENEZUELA, EQUADOR. DEEM MAIS BOLSA FAMÍLIA, MAIS VAGAS PARA INCOMPETENTES ENTRAR NAS FACULDADES PAGAS PELO GOVERNO, MAIS VALE GÁS, MAIS BOLSA MARGINAL. QUEREM SE PERPETUAR NO PODER COM OFERTA DE BENESSES………………………..

  4. FUI !!!
    domingo, 1 de março de 2015 – 5:02 hs

    Quando o vento sopra a favor o PT incentivou greves e golpes contra
    o governo. Agora sendo governo falido a repressão tomou conta das
    ações do governo contra tudo e todos. Provar do próprio veneno sem-
    pre foi a melhor lição para todos…

  5. Juca
    domingo, 1 de março de 2015 – 6:17 hs

    E isso aí, não poderia ser outra a atitude a pres. Dilma Youssef depois que o seu criador pregou a agressão aos manifestantes ao falar para uma platéia de idiotas no Rio de Janeiro. Ela intimamente já pensava em reação violenta contra manifestantes,mas depois que o ébrio se manifestou,ela entendeu como uma boa idéia.Mas dia 15 vai ser uma data histórica e vão faltar repressores para conter o povo nas ruas.

  6. Vigilante do Portão
    domingo, 1 de março de 2015 – 7:58 hs

    Não estão percebendo que o “tecido social”, do qual falam os Sociólogos, está sendo rompido.

    O Povo está cansado.

    Não vai ter “punição” que evite um movimento vigoroso de REFORMAS URGENTES.

    Não adianta vir com Constituinte, com reforminhas, com discursos ocos.

    Não adianta culpar o FHC, o Sarney ou o Pedro Álvares Cabral.

    Prometeram o paraíso, terra de “leite e mel”.

  7. Adenilson
    domingo, 1 de março de 2015 – 11:26 hs

    Fabio Campana, jornalista experiente como você não pode ser imparcial. Você chama professores de baderneiros, da ênfase contra o movimento dos professores, chegou a alegar que o salário médio dos professores é de R$ 8.000,00, o que não é verdade. O professor do Paraná teve sim avanços no salário, tanto no governo Requião como no governo Richa, mas ainda é bem menor que a média dos salários dos outros servidores públicos paranaenses, que também possuem ensino superior. Portanto erra a “PRESIDENTA” Dilma e erra o Governador Beto Richa no trato com as manifestações. O nosso governador foi muito infeliz em ele mesmo criar toda essa crise, pois os professores não entrariam em greve tão somente pelo 1/3 de férias, entraram pelo desmonte da carreira dos professores e da estrutura das escolas, pelo risco de ataque ao caixa da previdência de todos os servidores paranaenses. Quanto a greve dos caminhoneiros embora traga transtornos a toda população, mas o transtorno é temporário, e não é maior que o transtorno duradouro causado pela PÉSSIMA gestão do PT. Só para lembrar o barriu de petróleo caiu de mais de U$ 100,00 para menos de U$ 50,00 no mercado internacional, então teríamos margens para reduzir o preço do diesel, mesmo com aumento dos impostos, se não fosse a tamanha incompetência e desonestidade da diretoria da PETROBRAS nomeada a serviço do PT. Vamos cobrar o que é nosso.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*