Dilma se trumbica | Fábio Campana

Dilma se trumbica

chacrinha
Tantas foram as mentiras de Dilma sobre a Petrobras que o maior rombo a cobrir agora é o da credibilidade

Por Ruth de Aquino

Quem não conheceu Chacrinha, o Velho Guerreiro, talvez nunca tenha ouvido seu mote mais popular: “Quem não se comunica se trumbica”. Era um visionário. Ele só não previa que pessoas como a nossa presidente, Dilma Rousseff, usassem a comunicação contra si mesmas. Quanto mais a “guerreira” Dilma se comunica, mais se trumbica. Porque a mentira, repetida ad eternum, é uma péssima arma de comunicação, um suicídio político. Não compensa a longo prazo.

“Você pode enganar todo mundo por algum tempo; pode enganar alguns por todo o tempo; mas não pode enganar todo mundo o tempo todo.” A citação é atribuída a Abraham Lincoln, ex-presidente dos EUA. Dilma descobriu isso a duras penas. Na Base do Planalto, a guerreira foi treinada por Lula a enganar, a gritar bravatas, a prometer fantasias. Mas a longa permanência do PT no Poder, aliada à determinação de alguns juízes, no Supremo Tribunal Federal e no Ministério Público, fez ruir o castelo de cartas marcadas.


Um comentário

  1. segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015 – 8:59 hs

    “CREDIBILIDADE: Significado de Credibilidade n.f.
    1. Atributo ou característica daquilo ou daquele que é crível; particularidade de algo ou alguém credível, plausível ou verosímil: posso corroborar a credibilidade dele;
    2. Peculiaridade ou qualidade de quem conquistou ou adquiriu a confiança de outrem; característica da pessoa que possui crédito: devido à sua credibilidade, foi-lhe permitido comprar fiado.
    (Etm. do latim: credibilitas ou credibilitatis).

    – O significado gramatical da palavra está aí. A presidANTA sabe ler. Interpertrar. Já cumprir no sentido literal propriamente dito… Bom, aí já é outra história bem diferente. Muiiiiiito diferente!…” – Profº Celso Bonfim

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*