Laboratório suspeito | Fábio Campana

Laboratório suspeito

A Octapharma, laboratório denunciado no escândalo da Máfia dos Vampiros em 2008 e ligado ao ex-primeiro-ministro português, José Sócrates, preso na semana passada, recebeu, daquela época para cá, cerca de R$ 700 milhões do governo brasileiro. Nesse tempo todo, o Ministério Público Federal tenta impedir que novos contratos sejam assinados com o laboratório suíço. Em 2012, a Octapharma recebeu R$ 235 milhões; em 2013, R$ 118 milhões; e este ano, mais de R$ 124 milhões.


Um comentário

  1. Beatrix Kiddo
    terça-feira, 2 de dezembro de 2014 – 20:54 hs

    O ex-primeiro-ministro português não era, ou ainda é, sei lá, membro do Partido Socialista? Este povo adora posar de íntegro, pelo jeito só gosta de posar.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*