Guarda Municipal retira manifestante do saguão da Prefeitura | Fábio Campana

Guarda Municipal retira manifestante do saguão da Prefeitura

Foto: Franklin de Freitas
noticia_344903_img1_manifestante

Do Bem Paraná:

Um grupo de artistas de Curitiba realizou, no começo da tarde desta quarta-feira (3), um ato para reclamar da falta de apoio cultural na Capital. O ato foi organizado pela Frente Acorda Cultura Curitiba — Não é só por 1% — em frente à Prefeitura. Um deles, contudo, entrou no prédio e foi retirado pela Gurda Municipal.

Artistas iniciaram este movimento no dia 8 de novembro motivados pelo descontentamento com a atual política cultural da cidade. No dia 13 de novembro foi lançado um site/manifesto (que reúne hoje mais de 1.800 assinaturas) contendo várias reivindicações e principalmente a solicitação de uma audiência com o prefeito Gustavo Fruet. O objetivo principal deste Ato na rua foi sensibilizar o prefeito e pedir a ele que atenda uma comissão de artistas da Frente.


9 comentários

  1. Beatrix Kiddo
    quinta-feira, 4 de dezembro de 2014 – 14:23 hs

    O Guga-não-faz-nada diz que já nem dorme direito por causa do sistema de transporte coletivo, vive dando calote nos fornecedores e os artistas vem chorar que não vão ter tanta grana quanto gostariam? Acorda gente, a campanha política já acabou.

  2. Duds
    quinta-feira, 4 de dezembro de 2014 – 14:32 hs

    Ele vai atender depois de votado o orçamento e depois que a câmara entrar em recesso. Daí tudo fica para ser resolvido em 2016. E os artistas que têm pavor de termos burocráticos e chatos vão descobrir que foram enrolados no mesmo período em que descobriram que foram enrolados ano passado. beijas para as massas artísticas de manobra.

  3. Encefalino bastos
    quinta-feira, 4 de dezembro de 2014 – 15:44 hs

    O Prefeito Gustavo Fruet goza de aprovação dos Curitibanos – Penso que isso é um bando de baderneiros a serviço da oposição – Avante Fruet….

  4. paulo
    quinta-feira, 4 de dezembro de 2014 – 16:17 hs

    perguntar não ofende: Curitiba, assim como Ponta Grossa, TEM prefeitos????????

  5. Claudecir Campos de Souza
    quinta-feira, 4 de dezembro de 2014 – 16:18 hs

    ESSES “ARTISTAS” TEM MAIS É QUE ARRUMAR UM EMPREGO E DEIXAR DE VIVER AS CUSTAS DOS NOSSOS IMPOSTOS,VEJA SE ELES QUEREM TRABALHAR RALANDO COMO QUALQUER SIMPLES MORTAL ? QUEREM SOMENTE VIVER NA BOA VIDA E SENDO SUSTENTADOS PELO GOVERNANTES DE PLANTÃO.

  6. MENSALEIRO JÚNIOR.
    quinta-feira, 4 de dezembro de 2014 – 16:19 hs

    MUITO CERTO A GM,VÃO TRABALHAR CAMBADA.

  7. Aurélio, o velho.
    quinta-feira, 4 de dezembro de 2014 – 18:24 hs

    Se a qualidade da arte não é suficiente sequer para manter-se, que procurem mecenas ricos. Ou trabalhem meio expediente em algo produtivo.
    Querer sangrar o dinheiro público, carreado pela sociedade que é pobre, é mais que absurdo, é falta de caráter.

  8. LUIZ B.
    sexta-feira, 5 de dezembro de 2014 – 7:44 hs

    SR ENCEFALINO,SÓ SE FOR O SR E MAIS DOIS OTÁRIOS QUE APROVAM ESSA BTA.

  9. Diogo
    sexta-feira, 5 de dezembro de 2014 – 14:31 hs

    Primeiro deve haver uma análise do grupo para depois dar a eles o crédito correspondente. Creio que sobrará pouco.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*