Salamuni esclarece incidentes na Câmara | Fábio Campana

Salamuni esclarece incidentes na Câmara

O Presidente da Câmara Municipal de Curitiba, Paulo Salamuni (PV), enviou uma nota de esclarecimento ao Blog sobre os incidentes da sessão de hoje na CMC.
É o que segue:

“1. 1. Não procede a informação sobre um Projeto de Lei para a criação de cargos comissionados na Câmara Municipal de Curitiba. Pelo contrário, a partir do primeiro dia desta nova administração foi efetivada a extinção de 246 cargos em comissão, uma demanda antiga, solicitada pelo Ministério Público.

2. 2. Em relação à outra notícia, não houve, em momento algum, a alegada agressão ao assessor do vereador Professor Galdino, Fernando Tupan. O que ocorreu foi apenas o esclarecimento dos fatos e o restabelecimento da verdade. O único agravado fui eu, com palavras e expressões que atentaram contra minha dignidade.

A título prestação de contas com a sociedade listo aqui algumas de nossas ações na presidência da Câmara Municipal:

– No ano de 2013, a economia orçamentária de custeio da Câmara foi de R$28 milhões, dos quais R$ 10 milhões foram repassados ao Poder Executivo, que possibilitou a redução da tarifa do transporte coletivo para Curitiba e outros 13 municípios da Região Metropolitana, de R$2,85 para R$2,70, que perdurou até o dia de ontem.

– A extinção absoluta de todos os contratos de publicidade, em uma economia de cerca de R$5 milhões por ano.

– Economia de R$ 32 milhões no ano de 2014, com o repasse de R$ 11 milhões para o Executivo aplicar na Saúde e nos convênios com hospitais da cidade de Curitiba.

– Diminuição de 16 para 2 dias o tempo médio de resposta às solicitações de informação feitas com base na Lei de Acesso à Informação.

– Publicação de todos os salários dos vereadores, dos servidores comissionados, dos servidores efetivos e dos inativos da Câmara Municipal de Curitiba no Portal da Transparência.

– A volta ao Palácio Rio Branco depois de quatro anos em reforma, com a instalação de painel eletrônico de presença e votação dos vereadores.

– Antes mesmo do Congresso Nacional, decidimos pelo fim de qualquer possibilidade de qualquer votação secreta dentro da Câmara de Curitiba.

– Índice de presença dos vereadores na seção plenária de 93%; em dois anos nunca houve uma sessão derrubada por falta de quórum.

– A implantação da TV Web, que transmite a sessão em tempo real via internet.

– A instalação do ponto biométrico para todos os servidores vinculados à administração da Câmara Municipal.

– A publicação do edital de convocação das entidades da sociedade civil para a eleição do Ouvidor do Município, que você nos ajudou a implantar em 1986, no átrio do Palácio 29 de Março.

Paulo Salamuni”


31 comentários

  1. Fernando
    quarta-feira, 12 de novembro de 2014 – 21:33 hs

    Nos últimos anos a Câmara Municipal de Curitiba teve na verdade um excelente resultado.O Vereador Paulo Salamuni tem realizado bom trabalho. E ninguém dos que esteviram presentes na sessão viu o tal “surto”.

  2. João Silva
    quarta-feira, 12 de novembro de 2014 – 21:49 hs

    Fernando acho que vc está enganado todos os que lá estavão viram o surto de desespero do Lobinho, será que ele deve algo? ou e pura vaidade ou estava nos dias.

  3. Astrogildo
    quarta-feira, 12 de novembro de 2014 – 21:59 hs

    Esqueceu do décimo terceiro! Não fora o faz de contas, e já tinha pago tudo.

  4. aderson cunha
    quarta-feira, 12 de novembro de 2014 – 22:25 hs

    o salumuni deveria explicar a aquisição dos notebook´s, que foram comprados com preços bem acima do valor de mercado para serem utilizados pelos `NOBRES VEREADORES´, sobre esta questão o salamuni foi inquirido pelo prof galdino, e saiu pela tangente, ate mesmo ofendendo o inquiridor, salamuni seus dias se encerrarão junto com o pessimo prefeito fruit

  5. MENSALEIRO JÚNIOR
    quarta-feira, 12 de novembro de 2014 – 22:30 hs

    Esse Fernando deve ser um dos que mamam nas tetas da câmara. Não sei até hoje para que serve a tal câmara de vereadores.

  6. Valentina Cruz
    quarta-feira, 12 de novembro de 2014 – 23:13 hs

    Q mico! Um presidente que da piti??!!! Q tipo de autoridade é essa??? Ele já mostrou q não tem liderança, q é só aliado do prefeito… Q tb não faz nada… Mas não vem ao caso. O q será aliás q o prefeito q só sabe pintar faicha de rua pra ciclista vai dizer disso??? Por favor acompanhem!

  7. ELEITOR CURITIBANO
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 0:25 hs

    Vergonha,termos noticias desse tipo de homens que dizem serem corretos,mas não dá prá crer.A eleição é daqui dois anos,vamos anotando essas e outras loucuras e desmandos.Por isso e outras coisas que não elegeu-se nenhum vereador a deputado.Não passam no vestibular das urnas.

  8. PEDRO DIAS
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 8:07 hs

    Gostaria de lembrar aos nobres vereadores de Curitiba, que na última eleição, nenhum vereador consegui se eleger para deputado, inclusive o falante Salamuni, que teve um magra votação para Deputado Federal. OBS – Daqui a um ano e meio teremos uma nova eleição para vereandor aguarde.

  9. Joanete
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 8:48 hs

    senhor Sala,
    que feio mentir !!!!!
    a extinção de 246 cargos em comissão foi na gestão do João do Suco.

  10. Aecionário
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 8:56 hs

    Fernando confessa só para nós…vc e assessor né? Ah já sei foi escoteiro junto com o lobinho kkkk. Agora falando sério, que presidência de câmara mais jaguara. Tomou tombo na candidatura para dep.Estadual e agora está tremendo com o desemprego kkkk. Mas tudo bem nós ficamos aqui na torcida para que o lobinho ganhe pelo mais um medalhinha por retórica kkkkk
    Até daqui há pouco

  11. toninho
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 9:08 hs

    De onde saiu a notícia do projeto de contratação de mais 38 funcionários para a Câmara? Segundo o Presidente, ao contrário da notícia existe projeto para a redução do quadro. Seria bom um esclarecimento porque senão a coluna perde a credibilidade por publicar notícias sem fundamento.

  12. Xangô Rudolf von Ihering
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 9:14 hs

    Importante que se esclareça:
    1º – a extinção dos 246 cargos em comissão não foram realizados pelo atual Presidente (Paulo Salamuni), isso foi votado e aprovado no ano anterior, em 2012, da Legislatura anterior, do então Presidente João Cordeiro (João do Suco). O atual só executou, cumpriu a lei. É só pesquisar as leis. Isso é como querer se aproveitar do trabalho dos outros, dizendo que foi quem fez;
    2º – não houve agressão ao blogueiro, isso é verdade. No entanto, houve sim uma discussão bem acalorada, e uma tentativa de enquadrar o jornalista. Afinal, noticiou um projeto que tem sido desenhado nos bastidores, que transforma as diretorias da Câmara, ocupados exclusivamente por servidores concursados (efetivos), para cargos comissionados. UM RETROCESSO!!! Pra falar pouco e ser educado. Vamos ver se até o final deste ano, não vem nenhum projeto de reforma administrativa.
    3 º – Realmente, economizou todos esses valores destacados. Mas aqui vale uma informação. De que adianta devolver orçamento, valer-se disso perante a sociedade, e ter uma instituição (Câmara Municipal) sucateada. Os funcionários por muitas vezes nem papel tem para seus trabalhos; caneta então é artigo de luxo; cardeiras quebradas; mesas impróprias e velhas; computadores com configurações ultrapassadas; servidores que nem mesa e cadeira tem para trabalhar; ar condicionado que não funciona, velharia total. Os Vereadores que o digam. Perguntem a eles sobre a estrutura dos seus gabinetes, tudo sucateado e velho.
    4º – Tv Web que dia funciona, dia não funciona. Sempre trava. Acompanhem sempre nos dias das Sessões Plenárias, por 30 dias, depois tirem suas conclusões.
    5º – Ponto biométrico: implantado somente para servidores concursados, e os comissinados? Onde fica o princípio constitucional da isonomia? Afinal, todos os servidores, efetivos ou não, recebem da mesma fonte pagadora, da mesma rubrica orçamentária. Vereador não vai com todos os seus assessores nos bairros. Se há 12 servidores denunciados, por não trabalharem, cadê os processos administrativos internos para puni-los? Fazer bonito com o chapéu alheio é fácil. Quero ver cortar na própria carne.
    6º – Publicação de edital do processo de eleição do ouvidor? É pra rir né. Se o ouvidor não for o João do Suco, podem me cobrar. Já está tudo acertado. Isso aí vai ser como eleição de conselheiro do tribunal de contas. Uma palhaçada. Tudo isso pra inglês ver.

    Espero ter esclarecido aquilo que ninguém sabe.

  13. Ana Cláudia
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 9:35 hs

    E o caso de um funcionário fantasma, que estava lotado num gabinete, com mais de 20 anos de casa, saiu enxotado de lá, agora é lotado num departamento administrativo, e tem o benefício de 3 meses de licença, mais 75% de gratfificação no salário.

  14. Joana
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 10:44 hs

    Economia de R$ 32 milhões no ano de 2014, com o repasse de R$ 11 milhões para o Executivo aplicar na Saúde e nos convênios com hospitais da cidade de Curitiba? Ora Presidente Salamuni isso é pura demagogia, nos servidores sabemos o que acontece aqui dentro do Legislativo, e repassar dinheiro para PMC é fácil pois na CMC as benfeitorias estão em péssimas condições, banheiros fedorentos e entupidos transbordando, tomadas em curto,portas estragadas, trincos quebrados, fossas ao redor da CMC transbordando porquê não usou pelo menos um pouquinho para fazer as manutenções dentro da CMC. Instalações precárias, gabinetes em péssimas condições. Instalações no Plenário precário. Muito fácil repassar dinheiro mesmo. Será que sobrou um pouco para essas manutenções. Diz o Diretor DPSA que a culpa é sua que não renovou com uma empresa terceirizada para prestar serviço.

  15. Roberto
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 13:55 hs

    Ptista e apoiador de Ptista (no caso do escoteiro-mor) é tudo igual: assumem o que os outros fizeram como se fosse obra deles e jogam o que fizeram de ruim nas costas dos outros…

    Salamuni, como presidente da Camara só tem feito pros apaniguados dele, como um procurador-comissionado que ele colocou lá.

  16. X9
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 16:24 hs

    Não faz muito tempo o WC de uso dos vereadores e servidores durante as sessões ficou mais de um mês sem iluminação. Aliás WC precário, um único mictório ao lado da porta, fedor que não há limpeza que tire. A prefeitura jamais liberaria alvará para um estabelecimento comercial que tivesse um banheiro desse.

  17. Araponga
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 17:04 hs

    e a loira que bate o ponto e sai, nunca para na sala dela ?

  18. Baldomiro
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 19:19 hs

    Crise existencial na câmara, vereadores com votação pífia ágora não sabem que rumo tomar será uma linha tênue oposição ou situação. O todo poderoso se apropriou de feitos da legislatura anterior, a moça da economia detona o prefeito esquece que é governo e manda povo sair nas ruas contra aumento do transporte, o menino prodígio do posto pra onde vou será,

  19. Roberto
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 19:54 hs

    E o Som do plenário? 300.000 pra um barulho de colméia de abelha… no hall não se ouve nada.

  20. João Silva
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 20:41 hs

    Caro Xangô, vc esqueceu que tem o Diretor Generico, que quando chegou na Câmara pediu auxilio aos servidores dizendo que veio de uma empresa privada (sei lá que empresa deveria cuidar da privada), que não entendia nada de Orgão Público, aprendeu rapidinho a escola do assessor chefeta do gabinete ensinou rapidinho, alias veio da prefeitura porque acham o cara mais nojento ou jumento, mais logo acaba está vergonha ai ele volta para PMC.

  21. Risadinha
    quinta-feira, 13 de novembro de 2014 – 20:51 hs

    Vamos ser sinceros, o Paulo é uma boa pessoa !
    O problema dele foi ter como vice o Aílton Araujo, aquele dos táxis da filha e do genro.
    Foi ter permitido que a assessora do Sr dos táxis ditasse as ordens para o bem intencionado mas perdido Diretor Geral.
    Foi ter acreditado no menino prodígio Luciano, que ficou cego com o ódio e a ganancia e quis ser mais real que o rei.
    Foi ter acreditado na professora Josete e no Pedro Paulo, ambos do partido do mensalão.
    Foi ter acreditado na Julieta, aquela que o filho tinha uma agencia de publicidade e até hoje não saiu da barra da saia da mãe.
    Foi ter confiado e nomeado como seu diretor um homem que não tem palavra.
    Paulo apenas foi mau assessorado.

  22. JOANA
    sexta-feira, 14 de novembro de 2014 – 9:33 hs

    Por favor cadê a Imprensa? será que eles não querem ver ou não enxergam ao redor na CMC, precisamos de matéria que desmascarem essa cambada de falsos moralistas aqui dentro da CMC. Devolvem dinheiro a PMC e em favores pegam secretarias e cargos para beneficiar a si mesmos. Não tem dinheiro para arrumar banheiros?Não tem canetas? Mais dinheiro para compra de selos para vereadores têm?valores absurdos em selos, e caneta para os funcionários não têm? Hipocrisia

  23. kawane
    sexta-feira, 14 de novembro de 2014 – 13:19 hs

    Ridículo este senhor, como disseram acima esta usando trabalho de outros, que feio um Sr desta idade mentir e se prevalecer em cima do trabalho de outros, quem reduziu os cargos foi o Joao do Suco, quem cortou a verba da publicidade foi o Joao do Suco, investiguem, puxem as leis, esse cidadão apenas executou o que estava pronto. Agora vamos ser sinceros esse sujeito não fez é nada, não tem nada para apresentar, por isso esta usando trabalho dos outros. E quantos anos ficou na legislatura, a exemplo de outros que aí estão, já são patrimônios públicos,e o que tem de destaque para apresentar? Querem ser vitalícios…tem que mudar esta lei, acabar com estes vitalícios…E agora? Kd a imprensa? Nunca mais teve investigação?? Por que???kd a D. RPC? A D. Gazeta do povo?? Kd??

  24. sexta-feira, 14 de novembro de 2014 – 20:36 hs

    Caro toninho, quanto a criação dos cargos foi o próprio Lobinho que prometeu, que iria criar mais 38 cargos e pagar o 13º aos Vereadores Logico que prometeu e não vai cumprir como deixou de cumprir outras coisas, não renovando o contrato por prestadoras de serviços de manutenção, por isso a CMC está com as instalações danificadas o que vai ter mais gastos para o novo Presidente que assumir.

  25. Paulo Alcântara
    sábado, 15 de novembro de 2014 – 14:47 hs

    O presipaulo nada fez além de dizer que tudo fez. Ele deveria explicar na ética dele como permitiu a contratação da mae no final dos anos 90 pelo presidente João Derosso. como fantasma e com salário altíssimo .

  26. Luciano severiano
    sábado, 15 de novembro de 2014 – 15:03 hs

    O correto diretor geral esqueceu a época de sua esposa fantasma no gabinete do Caio. Solicitem nos recursos humanos todas as lotações da senhora Cristina. No mínimo 3 anos de altos salários sem a necessidade de trabalhar.

  27. sábado, 15 de novembro de 2014 – 21:32 hs

    O Sr. Ailton Araújo “Pastor da 1ª Igreja do Evangelho Quadrangular”, quer dar uma de moralista com fez o Rossoni na Alep. Ele que é Pastor, teoricamente, tem comportamentos totalmente antibíblicos, reacionário, antipático, está rico, milionário e pisa nos funcionários efetivos. Foi deputado estadual e pessoas ligadas à Igreja do Evangelho Quadrangular até saíram da igreja pelo mal estemunho do Ailton Araújo. Isso é vergonhoso!!!! Como deputado estadual era um dos mais antipáticos, nunca gostou de funcionário público. E ainda diz ser um “homem de Deus”, sua assessora direta é uma folgada, comissionada, vive na academia e ainda dá parecer contra os funcionários e, claro, em favor dela, comissionada. Em Brasília os gabinetes têm 90% concursados, efetivos, e apenas uns 4 assessores. Tem que acabar com essa baderna de comissionados. O Pastor Ailton, pastor de bodes, diz que funcionario efetivo nao serve pra nada. Mas a comissionada braço direito dele serve??? Jesus, pastor Ailton, foi morto por questões políticas, por interesses escusos, acho que o senhor está mais para Judas. O senhor precisa voltar-se a Deus, porque apertada é a porta e estreito o caminho. Acho que Ailton Araujo nem lembra mais dessa passagem, está ocupado com o mundo demais para pensar na eternidade. Lobo vestido de cordeiro.

  28. Salamandra
    quinta-feira, 20 de novembro de 2014 – 14:55 hs

    Se o nariz do presidente aumentasse a cada mentirta, faltaria espaço no prédio da camara. Isso vale para o senhor Luiz, diretor geral, senhor macuco, que levou o fantasma para seu posto e ainda deu premio. Falam tanto em moralizar, mas são os mais imorais.

  29. Ana Claudia
    quinta-feira, 20 de novembro de 2014 – 14:57 hs

    O seu Luiz Debiase, deveria explicar como conseguiu participar de um encontro de escoteiros pago pela camara sem ser funcionário e levou junto a esposa fantasma do gabinete do derosso. Claro que o padrinho Salamuni estava tabém. Encontro esse longe das terras brasileiras.

  30. Mario de Souza
    quinta-feira, 20 de novembro de 2014 – 14:59 hs

    O Vereador Ailton Araujo é muito conhecido entre os taxistas. Onde está o Ministerio Público que não investiga tudo que está sendo postado nos comentários?

  31. Tucano
    quinta-feira, 20 de novembro de 2014 – 15:01 hs

    A tucana está certa no que colocou. A secretaria do Vereador irmão Ailton,. vai a academia, dá aula de pos graduação e ainda manda no seu Macuco e na senhora Ana Cláudia. Ela não deveria cumprir expediente na camara como os demais? Onde erstá a pregada moralidade?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*