Joinville na Série A | Fábio Campana

Joinville na Série A

Foto: Facebook/ Joinville
joinville série a

A região Sul ganhou mais um representante na elite do futebol brasileiro. Após derrotar o Sampaio Corrêa na noite desta terça-feira, o Joinville garantiu matematicamente o acesso para primeira divisão do Campeonato Brasileiro de 2015 com 4 rodadas de antecedência.

A última participação do time catarinense na primeira divisão foi em 1987. O JEC volta à Série A depois de uma sequência de temporadas de sucesso: em 2010, disputava a Série D.

Além do Joinville, o Avaí ainda sonha como classificação para a primeira divisão do brasileirão de 2015. Em 2014, Santa Catarina contou com Figueirense, Criciúma e Chapecoense na Série A – porém, com chances de rebaixamento, as três equipes lutam para não voltar para a Série B no ano que vem.


5 comentários

  1. Beto
    quarta-feira, 5 de novembro de 2014 – 0:37 hs

    Já temos um time que cairá em 2015, faltam tres.

  2. Beatrix Kiddo
    quarta-feira, 5 de novembro de 2014 – 8:34 hs

    Antes tarde do que nunca. Mas é uma pena pois não vou ver o JEC jogando contra o o Glorioso do Alto da Glória, ele vai jogar a outra série.

  3. Paulo
    quarta-feira, 5 de novembro de 2014 – 10:53 hs

    Já se tem um na ZR ano que vem, faltam três, pena que os coxinhas vão este ano junto com o Crisciuma e talvez o Chapecoence, uma pena, pois se não já teria a ZR pronta para o ano que vem. E não adiana chorar este cai. É como o MCP disse “é igual a golfinho, sobe, faz sua gracinha e depois cai”.

  4. Henry
    quarta-feira, 5 de novembro de 2014 – 11:47 hs

    PARABÉNS A EQUIPE E DIREÇÃO DO JEC (Joinville). AFINAL É DE UMA CIDADE LINDA, DE UM POVO EDUCADO E MUITO PRÓXIMO A CURITIBA.

  5. Isaias Andrade
    quarta-feira, 5 de novembro de 2014 – 14:40 hs

    Parabéns ao Joinville e a seus torcedores. Pena que fez um esforço enorme para entrar na primeirona e será justamente no lugar de outro time da região sul, o CORITIBA. Até no futebol nós sulistas, como no Congresso, não nos entendemos. Espero que o MP libere a pólícia militar para a segurança do estádio, senão poderá acontecer novamente as desagradáveis cenas de violência ocorrida entre Atlético e Vasco.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*