É mole? Pedágio na BR-277 para o Litoral sobe 9,09% | Fábio Campana

É mole? Pedágio na
BR-277 para o Litoral
sobe 9,09%

pedagio_160511

O governo do Paraná divulgou na manhã dessa sexta-feira (28) o reajuste médio de 4,88% das tarifas cobradas pelas concessionárias responsáveis pelas rodovias que cortam o Paraná. A nova tabela de preços passa a valer a partir da próxima segunda-feira (1º) para todos os sete trechos do estado administrados pela Econorte, Viapar, Ecocataratas, Caminhos do Paraná, Rodonorte e Ecovia.

Apesar do reajuste médio menor, quem viaja para o Litoral de automóvel passa a desembolsar R$ 16,80 ao utilizar o acesso pela BR-277. O novo valor representa um reajuste de 9,09%.

Em 2013, os preços cobrados para circulação nas rodovias pedagiadas no estado subiram em média 5,72%.

As tabelas para o aumento deste ano foram homologadas pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Infraestrutura do Paraná (Agepar) na quinta-feira (27). Segundo o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-PR), a correção média ficou abaixo da inflação acumulada nos últimos 12 meses, mas o órgão não disse por qual índice ou para qual período.

O DER informou ainda que, além do reajuste contratual, foi aplicado um degrau tarifário nas praças de pedágio das concessionárias Ecocataratas (4,09%) e Ecovia (3,88%). Isso porque as duas empresas finalizaram em 2014 obras além das previstas em contrato.

A definição do percentual de reajuste passa pela fórmula estabelecida no contrato de concessão, o qual utiliza seis índices: terraplanagem, pavimentação, obras de arte especiais (viadutos e pontes), custo nacional de construção (insumos), projetos especiais e o Índice Geral de Preços de Mercado (IGPM).


24 comentários

  1. COELHO RICOCHETE
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 11:22 hs

    Se a cenoura é mole o povo não quer… TOMA!

  2. tadeu rocha
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 11:29 hs

    ISSO É UM ABUSO,BRASILEIROS FALAM O QUE NADA SOBRE NADA, PAGAM E FICAM QUIETOS,COLOCAM O RABINHO EM BAIXO DA PERNA, E DIZEM O QUE NÓS PODEMOS FAZER,,, É ISSO QUE A PETROBRAS FOI O MAIOR ROUBO DO MUNDO E VEM CHUMBO GROSSO POR AI…

  3. pobre
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 11:47 hs

    É so assim para tirar o gasto na campanha, voce investe R$1,00
    na campanha elege e depois o lucro e mais de 1000% so que é
    sobre o bolso do eleitor que votou contra e a favor parabens para nos.

  4. Sergio Silvestre
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 11:47 hs

    Não seria o caso de derrubar a bastilha,fiz um calculo nestes 17 anos de pedagios,pois daria para o governo ter construido 5000 km de estradas duplicadas novas,com pontes ,tricheiras e contornos.
    O que fizeram,pintaram faixas,taparam buracos e capinaram.o custo de cada km do famigerado anel de integração passa de 25 milhões o km que já foi pago as concessionarias.Esse valor daria quase para fazer o euro tunel.

  5. paulo
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 12:08 hs

    Já era um absurdo o valor o valor cobrado anteriormente. Agora passa a ser um grande roubo !!!
    Como é que pode o nosso governo estadual aprovar esta aberração !!!.
    Em síntese, quem manda neste pais são as empreiteiras, e elas se metem em tudo que se é possível estabelecer cartel (obras do governo/concessão de aeroportos, concessão de rodovias. E nisso estabelecem contrapartidas para as doações de campanha, e quem as pagas em ultima analise é o povo.

  6. sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 12:09 hs

    Está na hora de revermos esses contratos. Existe muita lenga-lenga nisso e ninguém fica sabendo a verdade. Temos que abrir a CAIXA PRETA. em Santa Catarina na Br.101 o pedágio custa a FORTUNA DE r$1.80 (um real e oitenta centavos).

  7. ferreira
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 12:21 hs

    Será que é o troco dado pela concessionária do pedágio aos 465.263 votos recebidos dos paranaenses pelo big boss pmdbista !

  8. Magaiver
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 12:37 hs

    A culpa é do REQUIÃO que prometeu ao povo do Paraná e não acabou com o pedágio !!

  9. Perseu Guido 21
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 14:18 hs

    Pedágio? Só ando a pé. Praia? Só vejo na TV. Governador? Chegou. Requião? Elegeu o Júnior. Atlético? Tá ruim… mas tá bom… 2015? O prefeito vai “trabalhar”… e o Zagallo foi assaltado…

  10. Paporeto
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 14:30 hs

    QUEM MANDOU VOCÊS VOTAREM NO “HOME” AGORA AGUENTEM O TRANCO.

  11. Juca
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 14:33 hs

    E o Roberto Mamona não fala nada?

  12. Interorrr
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 14:44 hs

    Moro no interior e frequentemente vou ao litoral, o pedágio é justo, as rodovias são bem sinalizadas e a estrada da segurança.

    Gostaria que aqui no Sudoeste tivéssemos pedágios para termos rodovias duplicadas e com segurança, muitas vidas seriam salvas.

  13. Francisco Carlos
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 14:59 hs

    A culpa é do povo, que se deixa levar por esse bando de políticos corruptos. Devíamos bloquear a estrada por alguns dias, numa mega manifestação (como fizeram em junho/2013 para baixar a passagem dos ônibus), com certeza voltariam atrás.

  14. Drika
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 16:38 hs

    REQUIÃO quero ir pra praia já que você mentiu, paga o pedágio pra mim ?

  15. GABARDO
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 17:10 hs

    KKKKKKKKKKKBEM FEITO PARA QUEM VOTOU NO BETINHO LINDO RICHA.O PARANA QUE ACREDITA.EU PARTICULARMENTE JA SABIA QUE ISSO IA ACONTECER COMO A TARIFA DA COPEL.KKKKKKKKKK.VOTEM NO BETINHO BANDO DE TROUXAS.ESSE BETO RICHA É O GOVERNADOR MAIS CANASTRÃO DA HISTORIA DESSE ESTADO.É SO VER O PORTO DE PARANAGUA UM CABIDE DE EMPREGO DE AMIGUINHOS E AMIGUINHAS DO BETINHO.TODO DIA VEM VANS LOTADAS DE GENTE.PARA FICAR TODO DIA NO FACE BOOK CONVERSANDO BRINCANDO E PIOR DE TUDO GANHANDO ENTRE 5 A 10 MIL REAIS PARA ISSO.KKKKKKKKKKKKK.VOTEM NO BETINHO BANDO DE TROUXAS.

  16. zangado
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 17:34 hs

    Mas não é o pedágio, é o governo, estúpido?
    Lembrando: o governo ia resolver esse imbróglio …

  17. ana claudia
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 18:14 hs

    Viva os eleitores do Betinho…

  18. MENSALEIRO JÚNIOR
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 20:06 hs

    PARABÉNS PARA NÓS QUE ACREDITAMOS E VOTAMOS NO BETO RICHA, AGORA TEMOS O TROCO POR TER DADO NOSSO VOTO A QUEM NÃO ESTÁ NEM AÍ PARA O POVO,VAMOS TENTAR NÃO ESQUECER DISSO,POIS DAQUÍ A 4 ANOS O GOVERNADOR VAI QUERER SER SENADOR,VAMOS DAR O TROCO A ELE.

  19. ELEITOR CONSCIENTE
    sexta-feira, 28 de novembro de 2014 – 21:13 hs

    É PARA PAGAR A CAMPANHA , MAS DE QUEM ???? DO REQUIÃO , AFINAL O DONO FOI CANDIDATO AO SENADO COM O REQUIÃO OU DO BETO???

  20. LUIS B.
    sábado, 29 de novembro de 2014 – 8:06 hs

    O CARECA VAGABUNDO,AMIGO DO COMEDOR DE MAMONA,ESTA TIRANDO O QUE GASTOU NA CAMPANHA,LIXO.

  21. sebastiam
    sábado, 29 de novembro de 2014 – 9:13 hs

    Eu jurava que iria abaixar a tarifa;

  22. justino bonifacio martins
    sábado, 29 de novembro de 2014 – 9:15 hs

    Quem foi o governador que criou o pedágio e amarrou bem o contrato? E dizem que o cara ,de origem bíblica, é sócio dos pedágios. Não adianta, para despistar, colocar a culpa no Requião que foi enganado por assessores imbecis que disseram que ele podia acabar com o pedágio.

  23. FUI !!!
    sábado, 29 de novembro de 2014 – 11:13 hs

    Podem falar o que quizerem mas o INEXPLICÁVEL é o pedágionde Santa Catarina custar R$ 1,20 e do Paraná R$ 16,90 !!?? É ROUBO !!!!!!

  24. QUESTIONADOR
    segunda-feira, 1 de dezembro de 2014 – 12:36 hs

    -Não adianta o pedágio vai continuar subindo, pois não há auditoria nos contratos e o realinhamento de preços sempre está em pauta, quanto à execução de obras…isso é uma outra história…
    -Engraçado que o pedágio sobe justamente no final de ano ou nos anos de eleições….
    -Até quando que aguentaremos bancar esta patifaria de tarifas???
    -Concordo com o pedágio e não com os valores exorbitantes praticados!!!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*