Gleisi nega envolvimento com esquema de corrupção na Petrobras | Fábio Campana

Gleisi nega envolvimento com esquema de corrupção na Petrobras

Gleisi_Hoffmann_na_10_ª_edição_do_Congresso_Internacional_Brasil_Competitivo

A Senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) contestou o jornal O Estado de S. Paulo que divulgou, na edição deste domingo, 19, notícia de que sua campanha de 2010 recebeu recursos de um esquema de desvio de dinheiro da Petrobrás a pedido do doleiro Alberto Youssef.

Segundo o jornal, a informação teria sido dada pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa ao Ministério Público Federal. “Não conheço o diretor, não estive com ele, nunca lhe pedi nada”, disse a senadora. O jornal afirmou que a campanha da senadora Gleisi teria recebido a ajuda a pedido do doleiro Alberto Youssef, apontado como operador do esquema de desvios de recursos da Petrobras para partidos políticos.

“Como podem colocar meu nome em uma manchete de jornal dizendo que recebi dinheiro para campanha a pedido de um um doleiro, pessoa que eu não conheço, que nunca conversou comigo?!”, afirmou a senadora.

A senadora Gleisi Hoffmann jamais fez ou autorizou em seu nome, ou no nome de outros, qualquer ato ilegal ou irregular em relação a doações de campanha ou em relação a qualquer outro assunto. “Todas as doações de todas as campanhas eleitorais que fiz estão declaradas na minha prestação de contas”, completou a senadora.

Gleisi estuda medidas judiciais contra o jornal O Estado de S. Paulo e demais veículos que reproduziram a notícia, a senadora vai requerer, também, ao Ministério Público Federal o conteúdo da delação premiada que faz referência à seu nome e à sua campanha.

“Vou usar todos os recursos legais para impedir que essa investida irresponsável sirva para atingir interesses políticos. As declarações estão sendo publicadas de forma seletiva, sem qualquer comprovação, com o claro intuito de atingir resultados eleitorais”, assinalou.


8 comentários

  1. CORINGA
    domingo, 19 de outubro de 2014 – 13:41 hs

    considerando o que a presidenta falou , será que a gleisi vai devolver os 2.420.000,00

  2. DIREITINHA
    domingo, 19 de outubro de 2014 – 17:36 hs

    só devolver como se fosse um empréstimo??
    e punição perda de mandato não tem não? cadeia.

  3. Parreiras Rodrigues
    domingo, 19 de outubro de 2014 – 17:55 hs

    Esse pessoal negando os afanos, me lembra a piada, infame, mas adrede. (detesto adrede):

    Pedro Malazartes caminhando carreador de roça quando passa por um chiqueiro e vê um bacurau, no ponto de pururuca.
    Olha prum lado, pro outro, só um barraco lá no meio do milharal.
    Num zás, Mala passa a mão no bichim, segurando o focinho prêle não oincar, coloca-o sobre os ombros enganchado no pescoço e segue sereno, almoço do domingo garantido.

    Não mais que de repente, pés de milho vergando e a bronca: Larga o meu porco ai, seu fidumaégua, te corto na peixeira, seu ladrão de porco!

    Pedro Malazartes finge que não é com ele: Porco, que porco?
    Ai no seu ombro, seu fidumarrombada!

    Jesuis, espanta-se Malazartes – que nojo, tire esse bicho de cima de mim, sô!

    Lula, Dilma, Mensaleiros, os empreiteiros todos, leram As aenturas de Pedro Malazartes ainda em 2003.

  4. Sociedade Responde
    domingo, 19 de outubro de 2014 – 18:07 hs

    É mesmo, vai usar tudo que estiver ao seu poder? Vai processar o jornal? O engraçado é que sempre os pegos com a mão na botija dizem a mesma coisa. ** Até a presidente Dilma já está admitindo tudo que a imprensa vem divulgando sobre a roubalheira na Petrobras. ** Em se falando de processo, a senadora deveria primeiro processar o delator, não seria o óbvio? ** Lamentável. Muito lamentável.

  5. Luiz Carlos Flavio
    domingo, 19 de outubro de 2014 – 19:04 hs

    Atenção familiares, isso é caso de interdição, coloca numa camisa de força en leva para uma clinica.

  6. Vigilante do Portão
    segunda-feira, 20 de outubro de 2014 – 6:01 hs

    “Notinha”? Não teve coragem de falar com a imprensa?

    Percebam:

    Ela não disse que NÃO RECEBEU O DINHEIRO, disse que não conhece o Youssef, coisas bem diferentes.
    Vou explicar.

    Claro que não foi ela, em pessoa, que esteve no escritório do “Brimo”.

    Amanhã, quando outras revelações derem conta de mais detalhes sobre o pagamento, ela pode dizer que “NÃO SABIA” da origem do dinheiro, que foi enganada pelo André Vargas…

  7. LUIZ B.
    segunda-feira, 20 de outubro de 2014 – 8:35 hs

    AGORA DESCOBRIMOS DE ONDE VEM OS RECURSOS PARA TANTAS PLÁSTICAS.

  8. brasileira
    segunda-feira, 20 de outubro de 2014 – 12:12 hs

    Estão esquecendo da Itaipu, ou vcs acham que ela como diretora financeira não emprestou nada pra sua campanha, kkk

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*