Richa diz que a criação de empregos é maior legado de seu governo | Fábio Campana

Richa diz que a criação de empregos é maior legado de seu governo

beto trabalhadores

O governador Beto Richa disse nesta quarta-feira (20), durante encontro com trabalhadores da empresa Conduspar, em São José dos Pinhais, que a geração de empregos é um dos maiores legados de seu governo. “O Paraná vive hoje um novo momento, com mais oportunidades e respeito. O bom desempenho é reflexo da nova política industrial e da gestão eficiente que implantamos no Estado. Esse é o grande legado do nosso governo”, disse Richa.

Desde 2011, de acordo com o Ministério do Trabalho, o Paraná criou 366 mil novos postos de trabalho com carteira assinada. Foi o terceiro estado que mais criou empregos, atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro. Beto esteve na fábrica da Conduspar, a convite da empresa, para conversar e almoçar com funcionários.

Dois projetos da Conduspar, que produz cabos e condutores elétricos, estão incluídos no programa Paraná Competitivo, criado por Beto. Em parceria com a indústria indiana Bry-Air, será construída uma fábrica de condicionadores de ar industriais em Almirante Tamandaré. O segundo investimento do grupo é a ampliação da fábrica em São José dos Pinhais. Somados, os investimentos chegam a R$ 88,4 milhões.

“Temos o compromisso de buscar investimentos e também de fortalecer as indústrias paranaenses”, disse Beto Richa. Ele destacou os bons números registrados pela economia paranaense, como o crescimento industrial.

SALÁRIO – O governador disse que o Estado também tem o compromisso com a valorização dos trabalhadores. Para isso, aumentou em 38% o salário mínimo regional, desde 2011 “O Paraná volta a ser respeitado pelo Brasil como um estado promissor”, afirmou Richa, que citou o diálogo com o setor produtivo e a segurança jurídica para os investidores como fatores fundamentais para a atração de novos empreendimentos ao Paraná. Em três anos, o Paraná atraiu cerca de R$ 35 bilhões em investimentos industriais, com a geração de 181 mil empregos.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*