Policiais do Gaeco fazem operação em prédio comercial de Curitiba | Fábio Campana

Policiais do Gaeco fazem operação em prédio comercial de Curitiba

Do G1 PR:

Policiais do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Geco), vinculado ao Ministério Público do Paraná (MP-PR), realizam nesta terça-feira (5) a Operação Tarrafa em um edifício comercial no bairro Juvevê, em Curitiba. A ação é um desdobramento de uma investigação coordenada pela Promotoria de Paranaguá, no litoral do estado. De acordo com o MP-PR, o trabalho faz parte das investigações sobre os desvios de indenizações destinadas a um grupo de pescadores do litoral. Oito pessoas foram presas até o início desta tarde, informou o Ministério Público.

Além dos oito mandados de prisão, foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão em empresas e residências em Curitiba; Paranaguá e Antonina, no litoral; Guarapuava, na região central do estado, e Ponta Grossa, nos Campos Gerais, segundo o MP-PR. Também foram realizadas 13 conduções coercitivas – quando são pessoas levadas para prestar depoimento sem ser detidas.
Documentos, computadores e telefones celulares foram apreendidos durante a operação, ainda de acordo com o MP-PR. Ainda foram encontradas armas de fogo, cujas autorizações de porte estavam vencidas, com três presos.

Conforme o Ministério Público, a investigação foi iniciada em maio deste ano. Ela apura a existência dos crimes de apropriação indébita de valores de pescadores, corrupção passiva e lavagem de dinheiro, envolvendo contadores, advogados, administradores de empresa, funcionários públicos e um diretor de associação de pescadores.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*