Tulio Bandeira defende plano privado para saúde pública no Paraná | Fábio Campana

Tulio Bandeira defende plano privado para saúde pública no Paraná

unnamed

O candidato ao governo pelo PTC, Tulio Bandeira, foi o primeiro entrevistado da Rádio e do Portal Banda B nesta segunda-feira (21), dentro da série de entrevistas ao vivo com candidatos ao governo do Paraná. Todos irão participar até o dia 30 de julho e terão meia hora, entre 7h30 e 8 horas. Advogado renomado, dono de rádio em Foz do Iguaçu, Bandeira garante que não tem vínculos com nenhum outro candidato ou partido e que quer ser governador do Paraná para “dar voz aos desassistidos”.

“Tenho muito a contribuir com o grande debate que vai acontecer nessas eleições. Quero ser a voz das pessoas desassistidas, dos meus clientes, dos cidadãos comuns que me procuram e não têm voz, não são assistidos pelo Estado (…) sou uma opção diferente e vou falar a língua do povo”, afirmou Bandeira em entrevista aos jornalistas Adilson Arantes e Denise Mello.

Sobre suas propostas de governo, o candidato do PTC, que também é presidente estadual do partido, disse que é pretende incentivar a privatização cada vez maior dos serviços de saúde. A ideia de Bandeira é incentivar as empresas a pagarem planos de saúde a seus trabalhadores. “Terei que fomentar o empresariado para que os serviços de saúde sejam privatizados. Eles teriam isenção de ICMS para oferecer planos privados de saúde a seus funcionários. Com isso, essas pessoas das filas do SUS (…) No SUS a pessoa não sabe quando vai ser atendida, mas num plano privado sim”, defende.

Não é “laranja”

Bandeira garante que não está a serviço de nenhum candidato e por isso não é “laranja” de ninguém. Evitou fazer críticas diretas ao atual governo ou a outros adversários e disse ser contrário ao grande número de partidos nas coligações. “Sou contra a coligações tão grande com 15 partidos. Teria que ser no máximo três partidos para uma disputa mais igualitária”.

Afirmou ainda que vai gastar cerca de R$ 1 milhão em sua campanha e que o dinheiro virá de seu próprio bolso e da doação de amigo. Reconhece que será difícil se eleger, mas não impossível. “É difícil a minha eleição, mas não impossível”.

Bandeira falou ainda sobre suas propostas para segurança, educação e disse que já entrou com pedidos na Justiça para garantir sua presença em todos os debates promovidos pelos meios de comunicação. “temos um representante na Câmara federal é um direito nosso participar de todos os debates”, garantiu.


Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*