Depois da Copa | Fábio Campana

Depois da Copa

“Sei que é difícil, mas peço com carinho que a torcida esqueça os problemas do país durante a Copa. Está provado que, quando a conexão com o torcedor acontece, nosso resultado é positivo. Depois da Copa, a gente volta a cobrar os políticos.”

Daniel Alves, lateral direito da Seleção Brasileira, abaixo ao lado da taça.

RTEmagicC_DanielAlvesTacaCopaDoMundoInstagram.jpg


13 comentários

  1. tadeu rocha
    quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 9:53 hs

    SELEÇÃO ESTA JOGANDO COM TIME DE QUINTA CATEGORIA, NÃO VAMOS BAJULAR COMO ESTÃO FAZENDO COM ESSES JOGADORES DIGO OS REPORTERS, ATÉ É REDICULO, SR.GALVAO MANERE UM POUCO ATÉ É FEIO COMO VOCE FALA DESSES JOGADORES.

  2. Renato Pereira
    quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 9:59 hs

    Grande jogador, com certeza fará uma ótima Copa do Mundo. Seu pedido é válido porém para uma boa parte da população vai ser difícil atender. O descontentamento é muito grande com o partido que governa o país e que gastou muito mais que o necessário para realizar a Copa.
    Aliás este partido tem o cor do palitó e do tênis usados por Daniel Alves nesta foto. Espera-se que a escolha da cor tenha sido um grande engano, pois, na atual conjuntura virar “garoto propaganda” deste partido é um tremendo “tiro no pé”.

  3. Giuliano
    quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 10:07 hs

    Vamos esquecer também de comer, pagar impostos, trabalhar. Vamos ficar em estado de letargia até essa porra de copa passar, assistindo esses manés que ganham milhões e estão cagando e andando para as mazelas do Brasil.
    O triste nesse país é ver uns idiotas que tem um pouco de fama falar essas besteiras.
    Com essa taça na mão o Brasil melhora em que!? Resolverá o problema da falta de assistência médica, da precariedade da educação, da falta infraestrutura, da infame justiça, do combate a corrupção, das drogas etc?
    RECEITA FEDERAL NESSES JOGADORES E PROIBIÇÃO TOTAL DE INSENÇÃO DE IMPOSTOS E DÍVIDAS AOS SONEGADORES CLUBES DE FUTEBOL..

  4. LUIZ
    quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 10:22 hs

    É FÁCIL DIZER ISSO QUANDO SE VIVE EM UM OUTRO MUNDO,ALHEIO AOS PROBLEMAS DA POPULAÇÃO,ESSE INÚTIL NÃO VAI SE TRATAR EM POSTO DE SAÚDE,NÃO TEM OS FILHOS ( SE É QUE TEM) EM ESCOLA PÚBLICA,MORA BEM,GANHA UM SALÁRIO ASTRONÔMICO, QUE ALIÁS,NÃO MERECE,AÍ FICA FÁCIL PEDIR A POPULAÇÃO QUE APOIE ESSES CRETINOS E SUAS CRETINICES.

  5. ze loko
    quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 11:03 hs

    banana nele

  6. marlene S. Alquieri
    quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 12:03 hs

    Daniel Alves, esta muito dificil esquecer os problemas e pensar na copa;
    Falta de sáude, profissionais estressados, politicos pensando no umbigo deles mesmo, para conseguir reeleição.
    Pessoas morrendo dentro de onibus por falta de assistencia, pasme em frente ao hospital cardiologico.
    Pessoas não querendo trabalhar por um salario minimo, mas sem qualificação e nem pensando em se qualificar para exercer atividades mais elaboradas.
    Bolsa familia, vale gas, bolsa reclusão,e poderia ficar o dias enumerando fatos e mais fatos……

  7. SOMBRA
    quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 13:01 hs

    Negativo moço, a coisa não está bem e os brasileiros, já não suportam
    mais esses absurdos que ai estão

  8. zangado
    quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 14:04 hs

    Agora vamo cobrá pra nóis …

  9. Contribuinte
    quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 14:37 hs

    Perdeu grande oportunidade de ficar de boca fechada, futebol é diversão, não traz arroz e muito menos feijão !

  10. RISADINHA
    quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 15:17 hs

    A gente quem? Este cara mora em Barcelona e deve estar muito preocupado com os piratas daqui.

  11. quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 16:08 hs

    E pensar Sr. Daniel Alves que ganhas muito mal no seu Barcelona e ainda terá um premio de um milhão de reais se a Seleção for campeã é mole ?

  12. quarta-feira, 4 de junho de 2014 – 23:38 hs

    Isso aí, pão e circo!

  13. FUI !!!
    quinta-feira, 5 de junho de 2014 – 6:41 hs

    Nada contra o Daniel Alves que é um excelente futebolista. Por
    isso mesmo não se mistura entusiasmo com esporte. Apesar do
    futebol ser a paixão de uma grande parcela dos brasileiros, estes
    já notaram que o buraco é bem mais embaixo… Se forem cam-
    peões vão embolsar R$ 1.2 milhões cada um. Esta superva-
    lorização não condiz com a realidade brasileira. Quantos brasi-
    leiros precisariam trabalhar sem comer e dormir para economi-
    zar esta fábula !? Pois, pois… coloquem as barbas de molho.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*