Público vaia petistas e atira latas durante festa da CUT em São Paulo | Fábio Campana

Público vaia petistas e atira latas durante festa da CUT em São Paulo

2014-710638441-2014050178788.jpg_20140501-2

Da Agência Estado:

SÃO PAULO – Políticos petistas como o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), o pré-candidato ao governo do estado Alexandre Padilha (PT) e o ministro Ricardo Berzoini foram impedidos de fazer os discursos programados para a festa do 1º de Maio, liderada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), Central dos Trabalhadores (CTB) e Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), na tarde desta quinta-feira, no Vale do Anhangabaú, centro de São Paulo. O público vaiou e atirou papéis, latas e garrafas em direção ao palco todas as vezes que os nomes de políticos foram anunciados.

Pela programação do evento em comemoração pelo Dia do Trabalho, os discursos políticos deveriam durar uma hora, mas acabaram abreviados em poucos minutos. O primeiro a subir no palanque seria Haddad. Mas tão logo seu nome foi anunciado pelo apresentador do evento, o público, estimado em 3 mil pessoas segundo a Polícia Militar (80 mil pessoas de acordo com a organização), começou a vaiar e a arremessar objetos. Indignado, o prefeito foi embora sem sequer falar com a imprensa.

O apresentador tentou acalmar o público exaltado durante vários momentos, pedindo calma várias vezes, e chegou a dizer que “o ato político era importante”. O ministro de Relações Institucionais, Ricardo Berzoini, também foi recebido com vaias e impedido de discursar.

No momento de anunciar Alexandre Padilha, o locutor não o apresentou como pré-candidato, apenas como ex-ministro. Padilha, ao pegar o microfone, logo lançou uma pergunta: – Quem é contra o racismo?. As pessoas ergueram os braços e Padilha aproveitou o momento e resumiu seu discurso à saudação única “bom dia, boa tarde e boa noite”. E logo deixou o palco e foi embora.

O senador petista Eduardo Suplicy também só agradeceu o público e a festa seguiu com os shows programados.


10 comentários

  1. sexta-feira, 2 de maio de 2014 – 10:09 hs

    Mas a CUT não è do PT ? A coisa ta feia e tende a piorar pro lado dos PeTralhas.

  2. FUI !!!
    sexta-feira, 2 de maio de 2014 – 10:49 hs

    Ainda bem que atiraram papeis e latas. Na verdade mereciam que
    atirassem vários sacos de “M” porque os caras não valem nada !!!

  3. Palpiteiro
    sexta-feira, 2 de maio de 2014 – 11:30 hs

    O chefe dos aloprados, o senador mogadon e o amigo do doleiro. Turminha braba esta. Cuidado com as carteiras.

  4. Mírian Waleska
    sexta-feira, 2 de maio de 2014 – 13:54 hs

    KKKKKK
    PTzada!
    O povo acordou, fora PT e leve o lula com você!

  5. jaferrer
    sexta-feira, 2 de maio de 2014 – 14:12 hs

    É dura a vida dos petralhas e vai ficar pior, podem acreditar.

  6. wise man
    sexta-feira, 2 de maio de 2014 – 16:03 hs

    Hoje o povo só está jogando papel e latinha de cerveja, depois de outro vai é jogar muita pedra, mas aí já será muito tarde.

  7. Juvenal de souza
    sexta-feira, 2 de maio de 2014 – 16:07 hs

    FORA PT, FORA MENSALEIROS, FORA DOLEIROS,
    FORA DEPUTADOS CORRUPTOS.
    FORA LULA, FORA ROSEMARI,

  8. NA CORDA BAMBA
    sábado, 3 de maio de 2014 – 5:08 hs

    Este cenário crítico é a prova cabal de que a união dentro do PT
    já se foi. O descontentamento é geral porque ninguem mais aguenta
    tanta roubalheira e mentira de cara lavada. Quando um partido polí-
    tico enfia “goela abaixo” da população tudo que é ruim e o povão co-
    meça a sentir arder o rabo vai chegando à conclusão que a PTzada
    é do inferno mesmo !!!

  9. Helena
    sábado, 3 de maio de 2014 – 8:21 hs

    Ovos chocos neles, ainda são menos fétidos que suas roubalheiras!!!!

  10. Cleide
    segunda-feira, 5 de maio de 2014 – 16:02 hs

    Incrível como não tem um vídeo sequer das vaias/chuva de latinhas….O que está acontecendo gente? Não tem vídeo ou já estão censurando coisas na internet???

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*