Dilma oferece jantar no Alvorada ao agronegócio | Fábio Campana

Dilma oferece jantar no Alvorada ao agronegócio

De Luiza Damé, O Globo:

A presidente Dilma Rousseff ofereceu, nesta sexta-feira, um jantar para representantes do agronegócio, setor que tem restrições à ação do governo federal.

Cerca de 40 empresários rurais, liderados pela presidente da Confederação Nacional da Agricultura (CNA), senadora Kátia Abre (PMDB-TO), confirmaram presença no encontro, que acontece no Palácio da Alvorada.

Os ministros da Agricultura, Neri Geller, do Desenvolvimento Agrário, Miguel Rossetto, e da Casa Civil, Aloizio Mercadante, participam do encontro.

Leia mais em Dilma oferece jantar no Alvorada a representantes do agronegócio.


4 comentários

  1. sábado, 24 de maio de 2014 – 15:03 hs

    Afinal de contas é um jantar ou um grande negócio?

  2. sábado, 24 de maio de 2014 – 15:35 hs

    CNA,de Katia Abreu,desonra o agronegocio, da o oposição ela por sua conta se uniu ao PT,e uma vergonha para nos agricultores termos um Presidente tão leviana e nao sabemos os vao os milhões de contribuições,que fazem ao sindicato,que nao representa nada. Fazem pelos agricultores a nao ser os grandes e nos estamos fora.???

  3. NA CORDA BAMBA
    domingo, 25 de maio de 2014 – 6:42 hs

    Agora dona Dilma, vale trazer qualquer tribo para junto do
    Alvorada para ganhar mais votos. Os próximos serão a asso-
    ciação dos bicheiros, catadores de papel, gari…

  4. Vigilante do Portão
    domingo, 25 de maio de 2014 – 8:18 hs

    Não custa lembrar:

    O PT, até ontem, era CONTRA a agricultura de exportação. Patrocinava, e ainda patrocina, via bancos oficiais, as INVASÕES de Terra.
    Pior é a propaganda, dizendo que foi o GOVERNO do PT quem aumentou a produção e a produtividade do Campo.

    É MENTIRA!

    Lembro do Requião, perseguindo produtores de soja e milho TRANGÊNICOS.

    IMBECIL!

    Não fosse os estudos avançados de genética, haveria FALTA de ALIMENTOS.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*