Cenário econômico para a América Latina é de incertezas à frente | Fábio Campana

Cenário econômico para a América Latina é de incertezas à frente

Denise Chrispim Marin e Márcia De Chiara, O Estado de S. Paulo

Se a primeira década do século favoreceu o crescimento econômico e promoveu as lideranças políticas da América Latina, o cenário de curto prazo para a região não será dos mais fáceis. A queda dos preços internacionais das commodities e a mudança da política monetária americana empurram países latino-americanos a uma encruzilhada.


Mesmo com a atividade mais acelerada no México e nos Andes, a América Latina já não vive mais um “superciclo” favorável. Nenhum de seus países vai dispor da mesma margem de manobra macroeconômica que teve para enfrentar a crise financeira de 2008.

Nos cálculos do Fundo Monetário Internacional (FMI), a atividade da região deve crescer apenas 2,5% neste ano, principalmente por causa da desaceleração no Cone Sul. Se confirmado, esse será o pior desempenho econômico da região nos últimos 11 anos.


Um comentário

  1. wise man
    domingo, 4 de maio de 2014 – 18:02 hs

    O sonho do renascimento do socialismo na América Latina está sendo derrotado pela realidade. A tal marolinha de que tanto zoou o Vendedor de Ilusões, desprezado pela companheira e pelo ministro Mantega, hoje chega às nossas praias. Perdemos a chance de reformar a nossa economia. E as reformas foi aumentando o tamanho do Estado. Agora vamos continuar comendo o pão amassado pelo tinhoso. Demagogia custa caro

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*