Rossoni não quer que dias de Copa sejam feriados em Curitiba | Fábio Campana

Rossoni não quer que dias de Copa sejam feriados em Curitiba

O presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Valdir Rossoni (PSDB), propôs requerimento sugerindo o envio de ofício à Câmara Municipal de Curitiba solicitando que os dias de jogos da Copa do Mundo na capital paranaense não sejam feriados.

O requerimento foi aprovado por unanimidade. Rossoni afirma que fez a proposta sensibilizado com os pedidos da Associação Comercial do Paraná e de várias manifestações que tem recebido pelas redes sociais.

“O legado da Copa não pode ser o prejuízo do setor produtivo e a população também não quer isso”, justificou Rossoni. No próximo dia 24 a Câmara de Curitiba fará audiência pública para discutir o assunto.


5 comentários

  1. VERDADE
    segunda-feira, 17 de março de 2014 – 21:33 hs

    Demagogo de merda! Não faz nada o ano inteiro e agora se acha o paladino dos bons costumes! Sem noção, ridículo! Quer trabalhar agora? Vai se catar mané!

  2. SYLVIO SEBASTIANI
    segunda-feira, 17 de março de 2014 – 22:43 hs

    Em Bituruna também?
    Porque o Presidente da Câmara Municipal de Curitiba, Paulo Salamuni, já, por diversas vezes fez declarações públicas sobre este assunto que “NÃO SERÁ FERIADO EM CURITIBA”.

  3. Magaiver
    terça-feira, 18 de março de 2014 – 8:42 hs

    Irá ter sessão normal na ALEP ?
    Cobraremos isto na época da copa !!!

  4. fred
    terça-feira, 18 de março de 2014 – 9:30 hs

    olha gente quem ta falando isso é um exemplo de trabalhador, tem uma jornada árdua todos os dias, muito exigente a ocupação dele nos ultimos 25 anos, rossoni o paladino da justiça, o super herói, ele é exemplo paera juventude, o q falta? santo rossoni?

  5. Alessandro
    terça-feira, 18 de março de 2014 – 12:06 hs

    A primeira “iluminada” a falar em feriado nos dias da COPA foi Miriam Belchior, já em 2011:
    “O governo considera essencial para a operacionalização dos jogos as obras em estádios, portos, aeroportos e rede hoteleira. As obras de mobilidade urbana são legado, MAS NÃO SÃO FUNDAMENTAIS. Posso decretar um feriado em São Paulo no dia do jogo e garantir que não tenha trânsito”

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*