Às ordens, presidenta! | Fábio Campana

Às ordens, presidenta!

Gleisi Hoffmann (PT-PR) incorporou o papel de principal advogada de Dilma no Senado. Com discursos atacando a oposição, Gleisi é chamada de “soldado do Planalto” por congressistas que criticam a defesa enfática do modelo Dilma de governar. As informações são de Gabriela Guerreiro, da Folha de S. Paulo.

Na prática, Gleisi passou a adotar postura de líder do governo no Senado – posto oficialmente ocupado pelo senador Eduardo Braga (PMDB-AM). Uma ala de senadores peemedebistas considera que ela “esvaziou” os poderes do líder, aumentando a insatisfação do aliado com o PT.

Na Casa Civil, principal ministério político do Executivo, Gleisi foi substituída por Aloizio Mercadante. Desde que deixou o cargo para dedicar-se à sua campanha ao governo do Paraná, que terá como mote a defesa da gestão petista, a aparência tímida e delicada passou a deixar transparecer o perfil agressivo adotado pela petista em seus discursos e ações – estrategicamente calculados para enfraquecer bandeiras levantadas por adversários do PT.

Um dos objetivos de Gleisi é neutralizar o senador Aécio Neves (PSDB-MG), provável adversário de Dilma nas eleições de outubro. A petista também já atacou o governador Eduardo Campos (PSB-PE). Ex-aliado e outro presidenciável, ele foi chamado de “ingrato e hipócrita”.

Na semana passada, enquanto os tucanos celebravam no plenário os 20 anos do Plano Real, Gleisi acompanhava os discursos da liderança do PT para rebatê-los minutos depois. Ao dirigir-se ao PSDB, ela acusou os adversários de produzirem críticas “vazias” e agirem como “pessimistas” em relação à economia.

Gleisi reconhece a atuação “aguerrida” e não se envergonha por ser uma “soldado” do Planalto no Congresso. Sua “motivação política”, diz, é trabalhar pelo que chama de “projeto nacional do PT”.


5 comentários

  1. josé Rosa
    quinta-feira, 6 de março de 2014 – 12:16 hs

    usa seu prestígio para defender o Paraná, nao para trabalhar contra.

  2. Saul de Lima Brenzink
    quinta-feira, 6 de março de 2014 – 14:04 hs

    Nós estamos vivendo o Projeto Nacional do PT. Alguns projetistas estão na cadeia, outros tentando escapar, outro fugiu. Os que estão soltos, tentam iludir os brasileiros com promessas de algumas bolsas a mais para engordar a gorjeta. E assim, vai passando o tempo e a quadrilha junta mais dinheiro para as vaquinhas quando forem presos. Eis o projeto petista.

  3. quinta-feira, 6 de março de 2014 – 15:27 hs

    nossa futura governadora

  4. LENZA TOLEDO
    quinta-feira, 6 de março de 2014 – 20:46 hs

    O correto seria: Às ordens, presidente! (o uso da crase é problema para muita gente. E, por favor, não existe presidenta, mas presidente)

  5. vera
    sexta-feira, 7 de março de 2014 – 7:47 hs

    Para quem nem sabe falar o português, nem respeita a lingua mãe, como pode respeitar o povo?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*