Richa reúne 80 prefeitos e libera R$ 45 milhões para 96 postos de saúde | Fábio Campana

Richa reúne 80 prefeitos e libera R$ 45 milhões para 96 postos de saúde

O governador Beto Richa (PSDB) reuniu hoje 80 prefeitos no Palácio Iguaçu e assinou a liberação de R$ 45 milhões para a construção de 92 unidades de saúde, reforma de duas unidades e ampliações de outras duas. Richa ja fez o repasse de R$ 8,9 milhões referentes à primeira parcela do convênio com 93 cidades. O valor restante será repassado de acordo com o andamento das obras.

“É o compromisso do governo estadual em ofertar mais qualidade aos serviços de saúde, com estrutura e melhor atendimento básico no Paraná. Uma parceria com os municípios que busca um atendimento mais ágil e humano”, disse Richa que adiantou que no segundo semestre deste ano acontecerá mais liberações de recursos para construção de outras unidades.


9 comentários

  1. PEDROCA DO TEXAS
    quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014 – 18:32 hs

    Já começou assinar papéis com prefeitinhos o SR.Governador, seria interessante terminar as obras começadas. Aqui no Sudoeste tem várias obras inacabadas.Cito AMPÉRE tem uma unidade de saúde que era para ser concluída há quase 01 ano, está na metade a obra.Outra coisa, o Estado só gastou 10,3% em Saúde o ano passado,quando pela lei é 12%.E os carros do SAMU e polícias sem combustível ? Se é um prefeito que gasta só 10% é condenado por improbidade administrativa,quando o indicado é 15%.Então,não está fazendo nada mais que a obrigação.

  2. zangado
    quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014 – 18:45 hs

    Andamento das obras ou devotamento á campanha do candidato?

  3. PÉ VERMELHO
    quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014 – 20:38 hs

    Beto, como sempre vai dar mais um calote.

  4. puerto del cuba
    quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014 – 21:03 hs

    Enquanto o governo do Paraná fica catando moedas para atender e agradar os prefeitos, o Governo federal investiu mais de 1 BILHÃO NO PORTO DE CUBA A MANDO DO LULA.
    Com recursos o Beto teria feito muito mais, porém, a oposição freiou a liberação de verbas, e sua reeleição fosse já no primeiro turno.

  5. Oi
    quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014 – 7:53 hs

    Se o TRE funcionasse…..acabava com essa palhaçada de 80 prefeitos e mais uma penca de aspones na capital por força de campanha do chefe.

  6. JOSÉ CLICEU
    quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014 – 9:05 hs

    PARABÉNS GOVERNADOR, OS MUNICÍPIOS NECESSITAM DESSA GRANDE PARCERIA, E SABEMOS QUE ESSE GOVERNO É MUNICIPALISTA, NÃO CONCENTRA AS VERBAS SOMENTE NAS GRANDES CIDADES PENSANDO EM ELEIÇÕES, MAS PENSA NO BEM ESTAR DE TODOS OS PARANAENSES.

  7. jango
    quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014 – 12:56 hs

    Liberou milhões e foi às férias – por certo, onde não tem greve de transporte coletivo …

  8. Magaiver
    quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014 – 15:04 hs

    Mas não pode ficar devendo para as construtoras !!

  9. Ricardo
    quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014 – 22:23 hs

    E o repasse do convênio com a Prefeitura de Curitiba onde fica ? São 5 unidades de saúda com as obras paradas devido a falta de repasse do governo do estado!! Isso é uma vergonha ! E ainda tem a cara de pai de anunciar a liberação de verba.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*