Investimentos de estatais despencam na região Sul | Fábio Campana

Investimentos de estatais despencam na região Sul

O jornalista Fábio Galão, repórter da Folha de Londrina, reforça a tese de discriminação do governo federal ao Paraná. Os investimentos das estatais federais, em uma tendência de crescimento, ignoram PR, SC e RS. Os números do Ministério do Planejamento revelam que em 2013, as estatais investiram R$ 113,5 bilhões – um salto de R$ 15,6 bilhões em relação a 2012. No Sul, os investimentos somaram R$ 3,3 bilhões em 2013, R$ 4,4 bilhões a menos em relação a 2012. Centro-Oeste e Nordeste também tiveram queda nos investimentos, mas não tão representativa quanto ao Sul (veja gráfico). Nas demais, os investimentos de 2013 superaram os de 2012.

O total investido nos três estados sulistas representou apenas 2,9% do que as empresas dispenderam no ano passado, à frente apenas das regiões Centro-Oeste (0,3% em 2013) e Norte (2,3%). O Sudeste foi o campeão em investimentos (29,9% do total), seguido pelo Nordeste (15,5%) e pelos dispêndios no exterior (10%). Na categoria nacional, que compreende investimentos em localidades que transcendem os limites de uma ou mais regiões, foram destinados 39% dos investimentos. Em 2012, o Sul havia respondido por 7,9% dos investimentos das estatais federais.

Além de terem reservado menos recursos para PR, SC e RS, as estatais gastaram bem menos do que o previsto nesse planejamento. Da dotação para investimentos para a região Sul, apenas 84,6% foram efetivamente gastos. Esse desempenho foi superior apenas aos registrados no Norte (83%) e no Centro-Oeste (66,2%). No Nordeste e no Sudeste, o índice superou os 90%. Em 2012, o aproveitamento dos recursos reservados para o Sul havia sido de 91,9%, melhor porcentagem entre as cinco grandes regiões brasileiras.

Ao todo, são 74 empresas estatais federais abrangidas pelo departamento: 67 do setor produtivo e sete do setor financeiro. Das empresas do setor produtivo, 22 integram o Grupo Eletrobras e 21 o Grupo Petrobras.


3 comentários

  1. Carlos
    segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014 – 10:27 hs

    Fábio: não tem a ver com o assunto do título, mas notei a ausência da
    Ruth Bolognese no Jornal da Massa.
    Como o site deles e complicado e travado, achei que você poderia
    saber algo sobre o motivo da ausência.
    Agradeço se você ou algum leitor informar-me a respeito.

  2. QUESTIONADOR
    segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014 – 12:24 hs

    -Ao ler tantas matérias sobre a discriminação do Paraná, estou começando a achar que o Governo do Paraná deveria emcampar a Usina de Itaipu ou cortar as linhas de transmissão de Itaipu para o resto do País e outros que se danem!

  3. anti pt
    segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014 – 19:00 hs

    ISTO QUE A DILMA É DO RS A IDELI DE SC E A GLEISINHA DO PR.O SUL VAI SEMPRE TRABALHAR P/MANDAR DINHEIRO P/O NORDESTE

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*