A calma de Barbosa, por Merval Pereira | Fábio Campana

A calma de Barbosa, por Merval Pereira

Do Merval Pereira, O Globo:

Perguntado sobre sua expectativa em relação ao resultado do novo julgamento da acusação de formação de quadrilha no processo do mensalão petista, que começou ontem, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, deu de ombros, dizendo que para ele “tanto faz como tanto fez”.

Essa súbita aceitação da decisão do plenário do STF, sem nenhuma reação mais contundente, parece ser provocada pela certeza de que o veredicto será alterado, e os condenados por formação de quadrilha terão suas penas reduzidas.

Tudo indica que os dois novos ministros Teori Zavascki e Luís Roberto Barroso inclinam-se, por votos anteriores e comentários, a decidir a favor dos condenados. Mas há outra razão para a aparente tranquilidade, pelo menos até agora, com que Joaquim Barbosa está recebendo a reversão de um dos pontos centrais da acusação do mensalão.

Com ou sem crime de quadrilha, a decisão está tomada, e os condenados já estão na cadeia. Houve corrupção, desvio de dinheiro público, definiu o Supremo Tribunal Federal, e a dificuldade para alterar isso em uma eventual revisão criminal é muito grande.

Tão difícil de acontecer, por não haver razões técnicas para tal, que o advogado de Genoino, o mais excitado ontem no julgamento, admitiu que ela se dará, se acontecer, “dentro de 10, 20, 30 anos”.

Leia a íntegra em A calma de Barbosa


9 comentários

  1. Geraldo
    sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014 – 12:50 hs

    Bem, só falta essa serem absolvidos por formação de quadrilha. kkkkk se 40 picaretas roubou meteu a mão em 100mi do povo se isso não for formação de quadrilha, então qualquer outro julgamento por formação de quadrilha é piada da justiça. Temos a esperança.

  2. Do Interior....
    sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014 – 13:21 hs

    É o desânimo que tomou conta do ministro, face a infestação de militantes do PT na corte suprema.

    E vamos nós, no caminho da Venezuela, Argentina e Cuba.

    Quando as pessoas defendem muito partido e pessoas, e não o País, algo de muito errado está acontecendo e o futuro destes países e sua sociedade está condenada ao fracasso e à mediocridade, como ocorre em TODAS as DITADURAS.

  3. sergio silvestre
    sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014 – 13:30 hs

    Barbosa quer uma vaga no senado.
    Ai poderá ter uns quarenta comissionados,ornamentar melhor o matadouro de MIAMY,e ter para toda vida aquelas mordomias que os senadores tem,com direito até de massagistas orientais pisando nas costas.
    Essa coluna vai gostarrrrrrrrrr!!!!!!!!!!!!

  4. antonio carlos
    sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014 – 18:42 hs

    Demorou para a ficha cair, mas caiu, o Batman é igual a todos os outros ministros da Suprema Corte, tem medo da dona do poder.

  5. Helena
    sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014 – 19:57 hs

    Ele e o Brasil todo sabe que a maioria dos ministros são os afilhadinhos do pt, então… tanto faz como fez, para não dizer outra coisa…

  6. FUI !!!
    sábado, 22 de fevereiro de 2014 – 6:01 hs

    Por excesso de atalhos nas nossas leis e manobras dos advogados
    um assunto tão grave continua com recursos e mais recursos.
    Por estes e outros motivos negativos aqui no Brasil configura-se
    a figura do ladrão de colarinho branco que jamais será punido como
    deve e o de “ladrão de galinha” que vai com certeza para a prisão e
    é esquecido por lá até apodrecer independente do motivo do roubo
    que pode ser até para dar comida aos filhos… Lamentável.

  7. Sherlock Holms
    sábado, 22 de fevereiro de 2014 – 8:28 hs

    É claro,
    Qualquer um preve isso,
    pois o TRIBUNAL foi invadido por corruPTos,
    é claro, indicado pelo PT,
    aquele partido do chefe da quadrilia,
    é muito claro…

  8. RAUL ERNESTO
    sábado, 22 de fevereiro de 2014 – 15:22 hs

    ESSE SILVESTRE DEVE SER CUBANO…
    VOLTE PRÁ SUA TERRINHA, QUE O PT DAQUI TE DARÁ AJUDA SEMPRE. SEU SALÁRIO SERÁ ENTREGUE DIREITINHO, COMO O DOS MAIS MÉDICOS….

  9. Pedro Rocha
    segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014 – 8:55 hs

    O Silvestre continua sem tomar seu gardenal matinal. Depois fica aí, falando asneiras; coisas próprias de asnos.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*