Sem desculpa, Fruet, diz Mazza | Fábio Campana

Sem desculpa, Fruet,
diz Mazza

De Luiz Geraldo Mazza, Folha de Londrina:

Explicação monótona de Gustavo Fruet sobre deficiências da cidade: todas seriam herança do governo passado. Só que as falhas crescem e evidenciam que a nossa engenharia, por exemplo, até porque alguns dos fatos se dão em décadas, é que está em questão com o mau andamento da Linha Verde e os cronogramas da Rodoferroviária e do desalinhamento das estações-tubo. Como é que tal sistema abagunçado ousa empreender o metrô?


15 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    quinta-feira, 9 de janeiro de 2014 – 15:47 hs

    O tal desalinhamento dos tubos é o desmascaramento da mentira que se criou sobre Curitiba ser uma cidade modelo para o Brasil. Levam-se meses para completar obras simples, criando confusão e sujeira infindáveis. Acabam-se com vagas de estacionamento em vias importantes da capital. A calçada de pedrinhas brancas e pretas, que formavam pinhões e outros temas, foi substituída por blocos de cimento de quinta categoria que, olhando-se de cima, dos prédios, parece uma cidade-sarjeta à moda das cidades dos países da antiga cortina de ferro soviética. A cidade vai aos poucos parecendo uma lata de lixo pós-moderna. Imagine se, um dia, (toc.toc,toc) começarem as obras do metrô. A cidade vai virar um caos ainda maior do que já está. A Curitiba cidade modelo, cidade sorriso, capital ecológica, ficará na somente na memória dos marqueteiros que criaram esses mitos, como propaganda oficial da cidade mundo afora.

  2. juliano cordeiro
    quinta-feira, 9 de janeiro de 2014 – 16:05 hs

    toda administração incompetente arruma uma desculpa para sua incompetencia.

    a cidade quer saber de solução….

  3. carlos rocha
    quinta-feira, 9 de janeiro de 2014 – 16:25 hs

    ISSO PROVA O QUE TODOS SABIAM FRUET SERIA UM DESASTRE PARA CIDADE. HÁ UM ANO COMO PREFEITO JÁ PASSOU DA HORA DE MOSTRA SERVIÇO.

  4. JUAREZ ACCIOLY
    quinta-feira, 9 de janeiro de 2014 – 16:32 hs

    DESCULPE MAZZA, A ENGENHARIA EVOLUIU PARA EXECUTAR MELHOR EM TEMPO MENOR COM MENOS RECURSOS. OS ADMINISTRADORES E POLÍTICOS QUE NÃO SABEM CONDUZIR O PROCESSO, OU PORQUE DESCONHECEM (IGNORÂNCIA) OU PORQUE ESTÃO GUARDANDO DINHEIRO PARA USAR NA VÉSPERA DA ELEIÇÃO!!!!!!

  5. BinLaden
    quinta-feira, 9 de janeiro de 2014 – 23:12 hs

    Dá-lhe incompetência…

  6. carlos rocha
    sexta-feira, 10 de janeiro de 2014 – 9:05 hs

    MAZZA SERÁ QUE O PREFEITO PENSOU QUE IA PEGA UMA CIDADE PRONTA?

  7. MENSALEIRO JÚNIOR
    sexta-feira, 10 de janeiro de 2014 – 9:35 hs

    É MUITO FÁCIL COLOCAR A CULPA NO ANTECESSOR,DIFÍCIL É ASSUMIR A INCOMPETÊNCIA E RECONHECER QUE ESTÁ SUPER MAL ASSESSORADO.

  8. Pedrita Bo
    sexta-feira, 10 de janeiro de 2014 – 11:49 hs

    O Mazza tem toda a razão!

    Tudo estava errado e a culpa era da administração anterior, se passou um ano – 365 dias… e nem a ciclovia do Rebouças foi desobstruída…

    Oras bolas caçarolas… esse Fruet é muito ruim mesmo… não faz nada, nada, nada, vão se passar 4 anos e vamos ficar na mesma… ou melhor na M….

  9. Prefeito Omar Sabbag
    sexta-feira, 10 de janeiro de 2014 – 11:56 hs

    O problema que quem manda na fiscalização das obras são as empreiteiras das obras como viaduto estaiado,rodoferroviária,rua de cidadania do cajuru,etc…

  10. Vandrelei
    sexta-feira, 10 de janeiro de 2014 – 16:52 hs

    O Mazza tá certo quanto a aparência. Mas a explicação real é essa.O prefeito optou por governar à margem do partido que o elegeu. Aproveitou os mesmos administradores do Ducci, cujos adeptos se engalfinharam na eleição com os militantes do PDT. A indignação é geral no Partido, e olha que o PDT tem excelentes currículos em seu quadro. O Prefeito preferiu ficar sozinho marginalizando o próprio partido. Se não reagir com reforma do secretariado e enfatizar a educação integral e a melhoria da saúde, que é bandeira do PDT, entre outras, não tem salvação. Como diz o populacho: depois….nem prá síndico.

  11. antonio carlos
    sexta-feira, 10 de janeiro de 2014 – 16:53 hs

    Para que se dizia pronto para governar a cidade, que posava de bom administrador, o prefeito provou que não está a altura das necessidades da cidade, muito aquém do que andou alardeando durante a sua campanha de promessas. Guga rima com decepção.

  12. antonio carlos
    sexta-feira, 10 de janeiro de 2014 – 16:53 hs

    Para quem se dizia pronto para governar a cidade, que posava de bom administrador, o prefeito provou que não está a altura das necessidades da cidade, muito aquém do que andou alardeando durante a sua campanha de promessas. Guga rima com decepção.

  13. Anna Areta
    sexta-feira, 10 de janeiro de 2014 – 20:51 hs

    Toma por base o caso Secretaria de Habitação que só agora ele resolveu acabar porque já a Secretaria acabou com tudo que a COHAB tinha. Alem do que o secretário sai mas deixa todos os funcionários dele sugando o resto que sobrou, exemplo de má administração.

  14. edilson hugo ranciaro
    domingo, 12 de janeiro de 2014 – 13:45 hs

    Curitiba, que deixei em 1988, está uma ruina. Cidade da Pichação, parece favela. É perigosa em todos os sentidos, quer dentro dos ônibus ou fora deles…

    Melhorias…não sei como…quando a Cidade é invadida por baderneiros e vândalos.

    O interior e litoral, com todas as suas deficiências, ainda é melhor para se viver.

    O ano que vem me aposento…não sei se quero voltar….

  15. Fala Sério
    domingo, 12 de janeiro de 2014 – 16:12 hs

    Oras, temos que acabar com essa mania de justificar nossa incompetencia, jogando a culpa no antecessor. Se está errado… corrija!! Se nao foi feito? FAÇA. Governar assim é fácil, ou vai passar os 4 anos usando a mesma desculpa??? Fruet o maior erro eleitoral de Curitiba!

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*