Richa estuda ceder mais policiais ao Gaeco | Fábio Campana

Richa estuda ceder mais policiais ao Gaeco

O governador Beto Richa estuda ampliar o número de policiais cedidos ao Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado). Richa esteve ontem com o procurador-geral do Estado, Gilberto Giacoia, e com membros do Ministério Público. O chefe de Gabinete, Deonilson Roldo, e secretária de Justiça, Maria Tereza Uille Gomes, também participaram da reunião.

Richa reafirmou interesse em manter a cooperação com o MP, conforme já havia declarado, e garantiu ao Gaeco o mesmo número de policiais cedidos no mês de novembro, conforme já havia sido ajustado em reunião anterior com Giacoia e com o aval da Secretaria de Segurança. Richa destacou o bom desempenho que o secretário da Segurança Pública, Cid Vasques, vem apresentando, com a redução dos índices de homicídios no Estado, dentre outras atuações relevantes.

No encontro, estabeleceu-se que, a partir de agora, a cessão de policiais civis e militares para o Ministério Público será regulamentada de outra maneira. Caberá ao procurador-geral solicitar formal e diretamente a cessão de policiais civis e militares ao chefe do Poder Executivo, a quem compete privativamente, no uso de suas atribuições constitucionais, analisar e autorizar a cessão de policiais ao Ministério Público, bem como regulamentar os mecanismos de cessão e os prazos, atendendo aos interesses da Política de Segurança Pública do Estado.


22 comentários

  1. PÉRICLES GONZAGA
    quinta-feira, 30 de janeiro de 2014 – 20:33 hs

    Oportuna a estratégia utilizada pelo GAECO, foi só ameaçar de investigar as denuncias da ISTO É que Beto tremeu todo e ofereceu até aquilo que não lhe foi solicitado.

  2. quinta-feira, 30 de janeiro de 2014 – 20:43 hs

    Governador Beto Richa,é muito importante o apoio do seu governo ao Gaeco, fortalecendo este grupo do Ministério Público que desempenha um trabalho sério e com total imparcialidade nas suas ações,demonstra sensibilidade e a coerência de sua administração.

  3. Bacharel em Direito
    quinta-feira, 30 de janeiro de 2014 – 23:20 hs

    Tomara que os Promotores tenham isenção e coragem para investigar a fundo as suspeitas de irregularidades que são apontadas pelos meios de comunicação envolvendo o Poder Executivo.

  4. Lia
    quinta-feira, 30 de janeiro de 2014 – 23:24 hs

    mas é um insano esse governador!!!!!!!!!!!! este gaeco só serve para fazer perseguição política…. ele que mande os policiais fazerem investigação nas delegacias que não tem funcionário para atender a população….

  5. Vigilante do Portão
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 7:40 hs

    Como esse pessoal é lerdo.

    Meses e meses, sofrendo desgaste.
    Depois, uma simples reunião resolve tudo.

    Então,

    Qual era o problema?

    Não dava para ter feito a reunião em junho/2012?

  6. juliano cordeiro
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 9:11 hs

    gaeco venha para campo mourao em um trio parada dura fazendo a festa..

  7. Joao Marcio Nantes
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 9:14 hs

    E CAMPO MOURAO COMO FICA GAECO, PASSOU 08 ANOS DE UM PREFEITO FAZENDO A FESTA E AGORA TEM A MESMA TURMINHA NA PREFEITURA E NADA ACONTECE..

    MEIO AMBIENTE, COORDENAÇÃO, GABINETE, SECRETARIA DE GOVERNO, SAUDE A FESTA É GRANDE

  8. SEGO
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 9:29 hs

    Sintomática está mudança de orientação do Governador logo após a reportagem da REVISTA ISTO É . Tempos de telhado de vidro melhor esconder as pedras.

  9. tadeu rocha
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 9:54 hs

    e o trio parada dura em campo mourao.

  10. Sandro Spadotto Barros
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 10:29 hs

    O Ministério Público tem que criar seus próprios membros, deixando os policiais civis executarem suas missões nas Delegacias, que estão com falta de efetivo.

  11. Observador
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 10:51 hs

    E a polícia Civil a beira da falência.

  12. Maria
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 10:52 hs

    Imparciais uma ova!!! Todo mundo esqueceu do Demostenes Torres!!!! que ganhou aposentadoria compulsória como punição!!! Queria ver esses promotores enfrentando bandido armado como aqueles bravos policiais que foram atingidos uns dias atrás!!! Queria ver eles numa delegacia cuidando de presos, sem ser sua atribuição!!! As policias fazem o trabalho pesado de verdade pela população e eles que são os bons moços!!! Concordo que todo político e policial que estiver cometendo crimes deva ir pra prisão! Mas o gaeco tbem está cometendo erros, e quem fiscaliza?? Ninguém!!!! Se o policial iniciar uma investigação e nela aparecer um membro do MP, imediatamente a polícia não pode progredir na investigação, tem que se passar tudo pro MP! O MP tem papel relevante, para a sociedade, mas não são apolíticos, são humanos e erram tbem, assim como os policiais! Ninguém nota, mas qualquer que seja a forma de tentar colocar um pouco de controle na atividade deles, eles vão à mídia e dizem que tudo vai facilitar a corrupção etc… Como esse último caso da justiça eleitoral, onde o juiz apenas disse que gostaria de saber e acompanhar qualquer procedimento que fosse aberto, ou como o MPF que muitas vezes trabalha em parceria com o judiciário!!! Agora pergunto porque eles não querem que o judiciário acompanhe os pics que são abertos!! Governador Beto Richa, já que o Sr está dando todo apoio ao gaeco, porque o Sr não cria uma lei que obrigue eles a informar o judiciário de suas investigações?! Assim traria mais transparência e garantia dos direitos a ampla defesa!! Fica sugestão

  13. dibel
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 10:59 hs

    Só não deve liberar PMs pois, por determinação constitucional e princípio constitucional da investidura, nenhum policial militar pode fazer investigação. Isso é função de polícia judiciária e não de polícia administrativa. Não é curioso: o fiscal da lei descumprindo a lei maior?? Em tempo: Não sou PM nem Policial Civil !! Apenas não entendo porque insistir em descumprir comando constitucional.

  14. Paranaense
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 11:32 hs

    Irretocável seu comentário Péricles Gonzaga ! Acredito que na hora da reunião colocaram um fuzil e vários mísseis apontados para cabeça do Governador e ainda por cima perguntaram: E daí, vai ler nossa Cartilha ou quer que acabemos com sua imagem, ainda mais agora na eleição???
    É por ai meus nobres…lamentável

  15. Yuri
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 11:44 hs

    Quem tem, tem medo… Literalmente “abriu as pernas” para o Ministério Público!

  16. QUESTIONADOR
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 12:28 hs

    -Em minha modesta opinião o GAECO como órgão de investigação contra o crime organizado, pode realizar investigações de interesse público, mas pode-se tornar tão autoritário que o resultado de suas investigações poderá beneficiar algumas pessoas que não possuem tanto altruismo e sim em benefícios próprios com fins puramente políticos…fiquemos atentos!!!!
    -Investigação é com a Polícia Civil e ponto final. Se o Ministério Público não acata o resultado do trabalho da PC alguma coisa não está sincronizada….

  17. sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 12:44 hs

    Deixa o GAECO trabalhar…..!!!!!!!!
    lct.-

  18. juliano cordeiro
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 17:25 hs

    GAECO PELO AMOR DE DEUS CAMPO MOURAO NADA,NADA,

  19. Andres Batista
    sexta-feira, 31 de janeiro de 2014 – 22:56 hs

    É necessário órgãos como os Gaecos, mas no nosso estado tem promotores despreparados e com espirito neonazista que prendem mais policiais do que combater crime organizado; geralmente prendem com denúncias infundadas e de parte de criminosos ou milicianos da banda podre da própria policia; não perdem tempo em ouvir a parte acusada e nem dão chance de defesa. As imagens chocam ao ver as fisionomias dos promotores com olhar inflamado de ódio ao comentar as denúncias que receberam e de norma “seguram os processos” para cansar as vítimas, tática hitleriana. Deveriam ter mais preparo policial pois logo vão sofrer consequências e já criaram ódio das instituições perseguidas que veem o MP como enviados especiais dos tempos da ditadura.

  20. Andre
    sábado, 1 de fevereiro de 2014 – 8:23 hs

    O gaeco age por interesses proprios…politicos…muitas ações sem resultado…esses promotores tbm deveriam ter um orgão que os avalie…vão encontrar muita sujeira……

  21. MARCOS ROLCOVISNKI
    sábado, 1 de fevereiro de 2014 – 11:01 hs

    SOU CONTRA O GAECO. POIS MINISTÉRIO PUBLICO TEM OUTRA FUNÇÃO E NÃO A DE INVESTIGAR.
    POLICIAIS DEVEM FICAR SUBORDINADOS AO DELEGADO NAS DELEGACIAS, CUMPRINDO SUA FUNÇÃO.
    O MP NÃO FAZ O SEU PAPEL CONSTITUCIONAL E QUER FAZER O TRABALHO ALHEIO, O DE INVESTIGAR (A CONSTITUIÇÃO É CLARA QUANTO A ISSO)
    HOJE OS CAOPS DO MP(SAÚDE, IDOSO, PORTADOR DE DEFICIENCIA) SAO EXECUTADOS PELOS TÉCNICOS DAS PREFEITURAS DO BRASIL INTEIRO.
    O MP NÃO QUER TER EQUIPE TÉCNICA PARA NÃO BAIXAR OS SALÁRIOS MILIONÁRIOS, JÁ QUE SE HOUVER MAIS SERVIDORES, NATURALMENTE O ORÇAMENTO SERÁ MENOR, ENTÃO SALÁRIOS MENORES AOS PROMOTORES….
    ENTENDERAM A LÓGICA?
    ABAIXO O GAECO!!!!!!!!

  22. João
    quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014 – 19:56 hs

    Para quem não entende ou finge não entender quais são as atribuições do GAECO, façam uma visita ao site do MP e leiam a Resolução N 1801, talvez compreendam que o GAECO somente investigará organizações criminosas que tenham entre seus integrantes agentes públicos ou politicos, portanto, não é perseguição e sim definição de atributos e desta forma sempre em suas operações existiram funcionarios públicos ou politicos, errado é querer que o GAECO investigue até os crimes comuns, isto é atribuição das outras policiais, portanto, parem de falar besteiras jamais promotor algum irá colocar uma arma na cinta e ir prender traficante, para isso existe como disse as outras policias, os promotores devem sim continuar a investigar essa linha, pois com essa corja nenhuma das outras policias tem culhão para agir.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*