Dirceu pede, Lewandowski analisa | Fábio Campana

Dirceu pede, Lewandowski analisa

Dirceu: como os outros

Do Lauro Jardim:

Interrompidos pelo juiz da Vara de Execuções Penais do Distrito Federal Mario José de Assis Pegado depois das suspeitas de que José Dirceu usou o celular na cadeia, os planos do mensaleiro para trabalhar num escritório de advocacia em Brasília podem tomar outro rumo.

José Luís de Oliveira Lima, o advogado de Dirceu, acaba de sair da Papuda, onde visitou seu cliente, e vai entrar hoje com um pedido no STF para suspender da decisão de Pegado, que determina à direção da unidade prisional a abertura de inquérito disciplinar para apurar o possível uso do celular num prazo de 30 dias.

Vale ressaltar que o pedido de Dirceu deve ser analisado por Ricardo Lewandowski, presidente em exercício do STF durante as férias de Joaquim Barbosa.


6 comentários

  1. ciro
    segunda-feira, 27 de janeiro de 2014 – 16:41 hs

    Adivinha só o que o LEVANDOwski vai decidir !

  2. OCIMAR
    segunda-feira, 27 de janeiro de 2014 – 17:25 hs

    ISSO FICA TUDO EM QUADRILHA,CORJA DE VAGABUNDOS.

  3. Sociedade Responde
    segunda-feira, 27 de janeiro de 2014 – 17:29 hs

    Assim como não quiseram assinar a ordem de prisão para o mensaleiro João Paulo Cunha, na ausência de Joaquim Barbosa, também não deveria, agora, atuar em favor de José Dirceu até que JB volte de suas férias, no começou de fevereiro. Seria a lógica. Aguardemos.

  4. sergio silvestre
    segunda-feira, 27 de janeiro de 2014 – 17:42 hs

    A juizada gosta de aparecer hein!!!!!!!!!!
    ´É outra coisa que precisa mudar neste Pais,precisamos de juizes sérios e que julguem a todos da mesma maneira.

  5. Helena
    segunda-feira, 27 de janeiro de 2014 – 19:43 hs

    certeza absoluta! A resposta será: simsimsimsimsimsimsimmmmmmmmmmmmmmmmm

  6. Dieter
    terça-feira, 28 de janeiro de 2014 – 22:29 hs

    Pelo leviandovski, certo?

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*