Corrupção rouba até 2,3% do PIB brasileiro | Fábio Campana

Corrupção rouba até 2,3% do PIB brasileiro

De Carla Jimenez, El Pais:

As manifestações de junho do ano passado continuam rendendo frutos, e a lei anticorrupção, que punirá empresas envolvidas em atos ilícitos contra o poder público, é um deles. A nova legislação passa a valer neste dia 29 e pretender ser mais uma ferramenta para estancar o dreno de recursos que a corrupção representa no Brasil.

Um estudo da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), elaborado em 2012, projetava que entre 1,38% e 2,3% do Produto Interno Bruto (PIB) se perdiam entre ações corruptas no país. Levando em conta o último PIB consolidado disponível, do ano de 2012, que fechou em 4,4 trilhões de reais, isso equivale a, no mínimo, uma perda nominal entre 61,7 bilhões reais e 101,2 bilhões de reais.

Não se sabe ao certo se esse número é próximo da realidade, até porque é difícil captar atos ilícitos que estão em andamento neste exato momento, nos subterrâneos do poder e das corporações. Mas, independentemente dos valores envolvidos, a corrupção é uma praga que revolta os brasileiros, que pagam impostos compulsoriamente, e não recebem seus benefícios de volta. O quadro atual coloca o país na posição 72, entre 177 países no mundo, no Índice de Percepção da Corrupção (Corruption Perception Index), de 2013, elaborado pelo grupo Transparency International.

Leia mais em Corrupção rouba até 2,3% do PIB brasileiro


2 comentários

  1. Doutor Prolegômeno
    quarta-feira, 29 de janeiro de 2014 – 12:45 hs

    Se somarmos a corrupção ao desperdício e às despesas suntuárias, como as viagens das comitivas presidenciais, que se assemelham às comitivas de cortes imperiais do passado, então, não há dinheiro que baste.

  2. OCIMAR
    quarta-feira, 29 de janeiro de 2014 – 16:39 hs

    PERGUNTA PARA O LULADRÃO ONDE FOI PARAR A MAIOR PARTE DESSA GRANA.

Deixe seu comentário:

Campos obrigatórios estão marcados com *

*

*